Juíza federal nos EUA decide que Apple conspirou para aumentar preços de e-books

A Apple acaba de ser declarada culpada de violar a lei norte-americana anti-truste e vai ser chamada para "julgamento de danos", que vai definir o quanto o crime vai pesar no bolso da empresa. A decisão veio da juíza federal Denise Cote, em Manhattan, que julgou a acusação da empresa de ter realizado um conluio com cinco publicadoras no fim de 2009, na preparação para o lançamento do primeiro iPad.


A notícia vem da Reuters. Segundo a agência, apenas a Apple foi a julgamento, enquanto as publicadoras entraram num acordo dom o governo. A conspiração teria servido para sabotar a Amazon, que, na época, estava na liderança no crescente mercado de e-books. Como resultado, os livros digitais eram vendidos no iPad por US$ 12,99 ou US$ 14,99, enquanto que, antes, na Amazon, a média de preços ficava em US$ 9,99. Cote decidiu que "sem a orquestração da Apple nessa conspiração, ela não teria tido tanto sucesso quanto teve na primavera de 2010".

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.