Perseguição policial causa atropelamento e morte de um dos criadores do Oculus Rift

Andrew Scott Reisse, um dos desenvolvedores e co-fundador da Oculus VR, a companhia por trÁs do Oculus Rift, morreu essa semana, vítima de um atropelamento causado por uma perseguição policial.


O desenvolvedor de 33 anos caminhava na quinta-feira, quando um suposto membro de gangue, ao fugir da polícia, perdeu o controle do carro e atravessou a intersecção entre duas ruas, saindo da rodovia e atingindo Reisse. O CEO da Oculus VR Brenden Iribe e o arquiteto de software Michael Antonov enviaram uma declaração ao Kotaku, que pode ser lida neste link.

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Com o GeForce Now e o xCloud surgindo como opções, qual seu plano a médio prazo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.