Galaxy Note III pode chegar com chipset Snapdragon 800

Novos rumores indicam que o Galaxy Note III da Samsung chegarÁ com o inédito Snapdragon 800, o processador mais potente da linha 2013 da Qualcomm. Isto vem como uma surpresa, jÁ que os boatos anteriores sugeriam que próximo phablet da empresa sul-coreana viria com um processador de oito núcleos, o que levava a ligação que seria o seu próprio Exynos 5450 (o mesmo no Galaxy S4, mas com clock mais elevado).

Se as informações forem confirmadas, pode-se significar que a Samsung ainda estÁ tendo problemas para conseguir fabricar uma grande quantidade do seu chipset Exynos, ou a empresa apenas considera o Snapdragon 800 um processador melhor do que o seu. Além disso, a empresa jÁ tem um histórico de utilização de outros produtos da Qualcomm (como o Snapdragon 600 em seu smartphone topo de linha Galaxy S4).

Baseado na arquitetura Krait 400, o SnapDragon 800 chega a um clock de 2,3 GHz e conta com uma GPU Adreno 330 capaz de gravar e rodar vídeo em 4K a 30 fps.

Outra razão muito importante que pode levar a essa escolha pela Samsung é o suporte para redes LTE pelo Snapdragon 800, uma vez que os estadosunidenses são bastante exigentes para que os aparelhos suportem as bandas LTE de todas as principais operadoras norte-americanas. 

- Continua após a publicidade -

O Galaxy Note III poderÁ chegar com uma tela Super AMOLED FullHD de 5.99 polegadas juntamente com 2 GB de RAM e uma câmera de 13 MP traseira, provavelmente com um sensor Sony. Executivos da Samsung jÁ confirmaram que o modelo serÁ reveleado na IFA Berlin em setembro.

Assuntos
Tags
  • Redator: Carolina Franco

    Carolina Franco

    Com pouca habilidade no playstation, leva surra de toda na redação. Seu vício são os games para celular e as tecnologias mobile. Desde que passou a cursar jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina, descobriu nas notícias sua verdadeira vocação: escrevê-las e publicá-las agilmente.

Com o GeForce Now e o xCloud surgindo como opções, qual seu plano a médio prazo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.