Aplicativo do Youtube no Windows Phone gera atrito entre Google e Microsoft

A versão mais atualizada do aplicativo do Youtube para o Windows Phone proporciona uma experiência completa com o serviço de streaming de vídeos da Google, permitindo que o usuÁrio faça log in em sua conta e até downloads. Tudo isso sem aquelas propagandas no meio dos vídeos e é aqui que as coisas se complicam. A Google não gostou e deu até o dia 22 deste mês para a Microsoft acabar com aplicativo, por "violar os termos e condições da API do Youtube".


Larry Page, um dos co-fundadores da gigante enfurecida, chegou a se remeter sobre a situação durante a I/O, dizendo: "nós nos debatemos com pessoas como a Microsoft". Page declarou ainda que estÁ "muito triste" com a questão da interoperabilidade, porque, segundo ele, a Google estaria aberta a essa política e a indústria tira vantagem disso. "Você não pode ter pessoas 'tirando leite' só de uma empresa".

Em resposta ao ultimato, a Microsoft declarou que estaria "mais do que feliz" em incluir as propagandas em seu app, se a Google prover o acesso às APIs necessÁrias. Chegando a citar Page, o porta-voz da Microsoft disse que "à luz dos comentÁrios de Larry Page pedindo mais interoperabilidade e menos negatividade, nós queremos resolver esse assunto juntos para nossos consumidores em comum." Via The Verge.

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você pesa mais quando escolhe sua plataforma para jogos?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.