Netflix perde quase 2 mil filmes do catálogo nos EUA

O Netflix ficou com 1.794 filmes a menos em seu catÁlogo desde a última quarta-feira (01/05). Todos pertencem à Warner Bros, à MGM e a Universal e, conforme o Mashable, serão disponibilizados em breve através do serviço Warner Archive Instant.

O serviço funciona de forma similar ao Netflix e cobra uma taxa mensal de US$10 para os interessados. No entanto, ele ainda não estÁ disponível em todas as regiões, como é o caso do Brasil.

 


O corte no catÁlogo americano não afeta o Netflix brasileiro, segundo a assessoria de imprensa do serviço. A equipe do O Globo tentou acessar alguns filmes que estão entre as baixas do Netflix americano, sem sucesso. Em resposta, a assessoria informou que pode ser apenas um problema pontual, decorrente de alguma falha técnica.

Apesar da perda de quase 2 mil filmes, o Netflix ganhou, no mesmo dia, mais de 500 novos títulos, segundo Joris Evers, diretor global de comunicações corporativas. "Sempre usamos nossas informações sobre o que nossos assinantes gostam de assistir para decidir o que estarÁ no Netflix. Nossa meta é oferecer um mix que agrade nossos assinantes, em vez de tentar ser um distribuidor amplo", completou o executivo.  

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Você quer processadores da AMD com gráficos integrados

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.