Facebook vai rever suas políticas sobre publicação de conteúdo violento

O Facebook declarou que vai "reavaliar" sua política e termos sobre a postagem de conteúdo violento no site depois do vídeo de uma mulher sendo decapitada ter se tornado viral. A rede social antes havia se recusado a tirar as imagens, alegando que o vídeo não ia contra os "Padrões da Comunidade em violência grÁfica", mas depois de pressões populares e internas, o site mudou de ideia e decidiu censurar o conteúdo.

Flowchart sobre reportar post no Facebook

A notícia saiu na BBC. Antes da "revisão" nas políticas sobre violência grÁfica, o Facebook declarou que não removeria o vídeo porque as pessoas o estariam o compartilhando para "condenÁ-lo", como denúncia. "Enquanto o vídeo é chocante, nossa ideia é preservar o direito das pessoas de descrever, retratar e comentar sobre o mundo em que vivemos." 

Vale lembrar que este é o mesmo site que tira do ar fotos de mães amamentando. Mesmo que a nova política possa ser considerada censura por alguns, pelo menos é mais coerente com a abordagem do Facebook sobre suas permissões de conteúdo. 

- Continua após a publicidade -

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Você quer processadores da AMD com gráficos integrados

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.