Google Glass vai poder controlar a geladeira e a porta da garagem

Pelo visto, o Google quer transformar o Google Glass em algo muito além de um dispositivo "descolado" para ajudar as pessoas a se manterem conectadas e obterem informações. A companhia planeja fazer com que o acessório interaja com objetos comuns do cotidiano, desde mÁquinas de café até portas e sistemas de alarme.

Ao menos é o que indica um pedido de patente da gigante junto ao Patent and Trademark Office dos Estados Unidos. O documento sugere que os óculos irão utilizar identificação visual, radiofrequência, infravermelho, Bluetooth e QR codes como métodos para identificar outros dispositivos controlÁveis.

"Um dispositivo ‘vestível' irÁ facilitar a compreensão do usuÁrio sobre como operar um determinado aparelho",  escreveu a empresa no pedido. "O dispositivo alvo pode ser qualquer aparelho elétrico, óptico ou mecânico."

Assim, o Google Glass pode ajudar as pessoas a realizarem atividades corriqueiras, como abrir a porta da garagem e controlar funções da geladeira, desde que esses objetos estejam conectados através de Wi-Fi ou outro protocolo sem fio, como nota o Engadget.

O documento da patente também observa que o Google Glass poder permitir que o usuÁrio forneça dados, por exemplo, para um sistema de iluminação ao ar livre, ou receba instruções de como operÁ-lo.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.