Vendas de tablets Android devem superar iPad pela 1ª vez

Neste ano, pela primeira vez, os tablets Android devem superar o iPad em vendas. O tablet da Apple reina absoluto desde seu lançamento em 2010.

A última pesquisa da IDC
projeta que em 2013 os tablets Android vão representar 48,8% do total das vendas, contra 46% do iPad, uma queda de 5% em relação ao ano passado. O restante da porcentagem se divide entre Windows, Windows RT e "outros", não especificados.

A maior razão para o salto do Android, para a IDC, é a procura do público por tablets de baixo custo com telas de 8 polegadas ou menos. Lançamentos nesse segmento, como o Nexus 7 e o Kindle Fire HD, que custam US$199 e US$299, respectivamente, são alguns exemplos. "Um a cada dois tablets vendidos neste trimestre tinha displays menores que 8 polegadas", constata Jitesh Ubrani, um dos analistas da companhia.

A previsão se estende até o ano de 2017, quando a IDC estima que o Android e o iPad continuarão nas mesmas posições e o Windows e Windows RT, combinados, não conseguirão passar dos 10%. Para a consultoria, a decisão da Microsoft de lançar duas versões diferentes foi um erro, porque a maioria dos consumidores não consegue perceber vantagens na aquisição do Windows RT, exclusivo para tablets.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.