NVIDIA apresenta seu primeiro processador Tegra LTE integrado

A NVIDIA anuncia seu primeiro processador móvel 4G LTE totalmente integrado, o Tegra 4i, que é bem mais rÁpido, mas com a metade do tamanho do concorrente mais próximo.

Sob o antigo codinome de "Projeto Grey", o processador Tegra 4i traz uma GPU NVIDIA com 60 núcleos personalizados; uma CPU quad-core baseada no núcleo mais novo e mais eficiente da ARM — a CPU R4 Cortex-A9 — além de um quinto núcleo para economizar bateria e uma versão do modem NVIDIA i500 LTE otimizado para integração.

Resultado: um processador móvel compacto com uso extremamente eficiente de energia, que possibilita desempenho e recursos de smartphone antes disponíveis apenas em supertelefones bem caros.

"Pela primeira vez, a NVIDIA oferece um único processador integrado que liga todas as principais funções de um smartphone", explica Phil Carmack, Vice-Presidente sênior da divisão Móvel da NVIDIA. "Os telefones Tegra 4i irão proporcionar o que hÁ de melhor em computação visual, recursos de telefone de primeira linha e bateria de duração excepcionalmente longa", conclui o executivo.

A nova CPU de 2,3 GHz do Tegra 4i foi projetada em conjunto pela NVIDIA e pela ARM e é o núcleo de CPU mais eficiente e de maior desempenho do mercado. "O Tegra 4i é o que hÁ de mais recente em solução SoC (System on a Chip - Sistema em um chip) baseada no processador ARM Cortex-A9 e demonstra a capacidade da ARM e de nossos parceiros de continuar avançando o desempenho da tecnologia e criar experiências empolgantes para o usuÁrio", diz Tom Cronk, Vice-Presidente Executivo e Gerente Geral da divisão de processadores da ARM. "A ARM e a NVIDIA trabalharam em parceria para otimizar o processador Cortex-A9 de modo a melhorar o desempenho e a eficiência em Áreas como transmissão e capacidade de resposta. Esse é um exemplo do tipo de colaboração e inovação que possibilitam que as soluções da ARM baseadas em tecnologia sejam líderes de mercado ao longo de vÁrias gerações de soluções SoC".

- Continua após a publicidade -

Utilizando a mesma arquitetura da GPU do Tegra 4, o Tegra 4i apresenta cinco vezes o número de núcleos de GPU do Tegra 3 para oferecer alta qualidade, experiência de jogo com qualidade de console e tela HD total com 1080p. Ele também integra uma versão otimizada do modem de rÁdio definido por software NVIDIA i500, que fornece recursos LTE e torna rÁpido e fÁcil fazer a atualização e a expansão da rede.

"O Tegra 4i da NVIDIA supera significativamente o desempenho do chip LTE integrado. Também tem a vantagem de um "soft-modem" integrado que pode ser reprogramado remotamente (OTA – Over the air programming) para compatibilidade com novas frequências e radiofrequências, algo com que os outros fornecedores de modem nem sonham", comenta Stuart Robinson, Diretor do Programa de Tecnologias de Componentes de Aparelhos da Strategy Analytics.

Os recursos da câmera do processador do celular Tegra 4i incluem a arquitetura de fotografia computacional NVIDIA Chimera, recentemente divulgada para o Tegra 4. Ela proporciona recursos avançados, incluindo a primeira HDR (alto alcance dinâmico) ativa do mundo, a primeira funcionalidade "tocar para acompanhar" e as primeiras fotos panorâmicas com HDR.

A NVIDIA apresentou também sua plataforma "Phoenix" de referência para smartphone que usarão o processador Tegra 4i, demonstrando tecnologias móveis exclusivas. O Phoenix é um projeto que os fabricantes de telefone podem consultar quando forem projetar e montar os futuros smartphones Tegra 4i, agilizando o lançamento deles no mercado.

O processador móvel Tegra 4i serÁ demonstrado pela NVIDIA no Mobile World Congress de 2013, em Barcelona, na Espanha, de 25 a 28 de fevereiro.

- Continua após a publicidade -

Confira o comparativo entre o Tegra 4 e o Tegra 4i:

Assuntos
Tags
  • Redator: Carolina Franco

    Carolina Franco

    Com pouca habilidade no playstation, leva surra de toda na redação. Seu vício são os games para celular e as tecnologias mobile. Desde que passou a cursar jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina, descobriu nas notícias sua verdadeira vocação: escrevê-las e publicá-las agilmente.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.