Apple pode utilizar CPU da Qualcomm para produzir iPhone de baixo custo

A mais nova "novela" do mundo dos smartphones acaba de ganhar mais um capítulo. A conceituada revista norte americana Forbes publicou uma notícia – com base em informações da firma de consultoria e anÁlises de mercado Detwiler Fenton – onde conclui que a Apple não apenas fabricarÁ uma versão de baixo custo do iPhone, mas como também utilizarÁ algum modelo do processador Krait da Qualcomm.

Trata-se de uma informação bem ousada por parte da Detwiler Fenton, ainda mais depois que Phil Schiller, vice-presidente de Marketing da Apple, ter declarado em nota, que a Apple não tem planos de fabricar um iPhone de "segunda linha", ou pelo menos, que comprometesse a qualidade de produção ou dos materiais.

Vale salientar que a Qualcomm jÁ é fornecedora de alguns componentes para a linha iPhone 5, como é o caso do modem e do chip combinado Broadcom wifi/Bluetooth.

O rumor em torno de um iPhone mais barato – voltado principalmente para os mercados emergentes – surgiu no começo do ano, após notícia veiculada pelo Wall Street Journal. Além de supostas especificações mais modestas, o aparelho teria corpo em  policarbonato de plÁstico, como forma de reduzir o custo de fabricação, tornando assim o aparelho mais barato para o consumidor final.

Assuntos
Tags
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

O que você pesa mais quando escolhe sua plataforma para jogos?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.