Consoles podem representar até 20% das vendas da AMD já em 2013

Ao que tudo indica, a futura geração de consoles da Nintendo, Microsoft e Sony poderÁ ser a "salvação da lavoura" para a Advanced Micro Devices.

Lisa Su, gerente geral  da unidade de negócios global da AMD revelou que até o final do ano, os negócios relacionados aos produtos embarcados podem representar até 20% do total de vendas da companhia. Vale ressaltar que atualmente apenas 5% (US$ 271 milhões) dos US$ 5,42 bilhões em receitas da companhia vem de tal segmento.

Trata-se de uma informação no mínimo curiosa. Embora a executiva tenha se negado a comentar sobre produtos ainda não anunciados, analistas de mercado têm bons motivos para acreditar que se tratem de APUs/GPUs para os consoles da Sony e Microsoft.

Outro ponto interessante é que a AMD parece ter mudado o foco de seus negócios com as fabricantes de vídeo games. Ao invés de continuar com o modelo – pouco lucrativo – de receber algumas dezenas de milhões de dólares relativo à royalties de licenciamento de uso de sua tecnologia por trimestre, a companhia passarÁ agora a vender soluções embarcadas às fabricantes, resultando assim em receitas na casa da centena de milhões de dólares.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
amd
  • Redator: Filipe Braga

    Filipe Braga

    Filipe Braga é um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

Qual a sua marca de headphones/headsets para jogos preferida? - Pesquisa de Periféricos 2021

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.