Rumores indicam que Saraiva planeja vender operações de comércio eletrônico

A Saraiva, maior rede de livrarias do Brasil, tenta vender suas operações de comércio eletrônico, que incluem o segmento de livros digitais. A informação foi cedida à agência de notícias Reuters por três fontes do setor que não foram identificadas. O objetivo seria investir mais na cadeia de 102 lojas físicas e em sua editora com os lucros obtidos com a venda.

A companhia, segundo a agência, tem o maior acervo de e-books do país, com 12 mil títulos nacionais, que geram mensalmente 500 mil reais com as vendas.

Uma das fontes afirmou que a Saraiva jÁ ofereceu sua divisão de vendas online para alguns varejistas. Outra confirmou que a rede estÁ se preparando hÁ algum tempo para se desfazer das operações via Internet para focar na editora e nas lojas físicas.


A assessoria de imprensa da Saraiva disse que não comenta especulações de mercado. As vendas online da rede, no segundo trimestre do ano, diminuíram 6,4% em relação ao segundo trimestre de 2011 e corresponderam a cerca de 33% das operações de varejo da companhia durante o mesmo período deste ano.

O rumor surge bem no momento em que a Amazon se prepara para iniciar suas atividades no Brasil. Inclusive, especulações anteriores davam conta de que a rede americana compraria a Saraiva. No entanto, uma fonte próxima aos planos da Amazon no Brasil afirmou à Reuters que, embora a livraria brasileira tenha, de fato, procurado a companhia, não existem negociações em andamento. O porta-voz da Amazon, Craig Berman, não quis comentar o assunto.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.