Foxconn contratou trabalhadores de 14 anos na China

A Foxconn confirmou hoje de manhã que menores de idade jÁ trabalharam em uma de sua fÁbricas na China. A empresa, que fabrica iPhones e iPads para a Apple, descobriu meninos de 14 anos empregados na cidade de Yantai após uma investigação interna. A lei trabalhista chinesa exige que os empregados tenham no mínimo 16 anos para trabalhar. De acordo com a empresa, todas as crianças encontradas foram enviadas de volta a suas escolas.


Os menores de idade trabalharam por pelo menos três semanas na fÁbrica de Yantai, que atualmente produz equipamentos para a Sony. Em nota, a Foxconn declara ter "total responsabilidade sobre estas violações na companhia", acrescentando que "qualquer empregado da Foxconn que for descoberto, através da investigação, como responsÁvel por essas irregularidades serÁ imediatamente despedido." A empresa também disse que pretende descobrir como os menores de idade foram enviados à fÁbrica. Para isso, a investigação deve chamar as escolas responsÁveis pelos jovens para prestar depoimento.

 

A confirmação do trabalho infantil acontece após denúncias em outra fÁbrica sobre a empresa, publicadas pelo jornal Shanghay Daily. Uma reportagem alega que estudantes teriam sido forçados a trabalhar nas fÁbricas da Foxconn em Huai'an, que estava com problemas para encontrar trabalhadores o suficiente para a produção do iPhone 5. Neste caso, a Foxconn negou que os alunos fossem pressionados a trabalhar, justificando que eles haviam sido selecionados por um programa do governo local e que havia supervisão de professores.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: Tulio Kruse de Morais

    Tulio Kruse de Morais

    Desmonstrando pouco talento para o esporte desde a primeira infância, encontrou consolo para o fracasso no Megaman do NES. Atualmente estuda Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina e procura avidamente por ferramentas digitais que melhorem seu desempenho na apuração.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.