Funcionários da Foxconn na China entram em greve

Entre 3 mil e 4 mil  trabalhadores de uma das fÁbricas da Foxconn na China declararam greve e abandonaram seus postos de trabalho na tarde desta sexta-feira (05/10) , descontentes com as condições de trabalho, segundo um comunicado da associação de defesa dos direitos trabalhistas China Labour Watch.

Os empregados foram impedidos de tirar férias durante a semana anterior, que é um período festivo em toda a China. Outras queixas envolvem "excessivas exigências de qualidade dos produtos" sem que os trabalhadores passem por um "treinamento adequado".

A greve acontece duas semanas depois de uma confusão em outra fÁbrica da Foxconn, na cidade chinesa de Taiyuan. O estabelecimento ficou fechado durante mais de um dia após incidentes que envolveram até 2 mil trabalhadores insatisfeitos com as duras condições de trabalho.

No início de setembro, aconteceu o segundo suicídio em uma fÁbrica da Foxconn após o acordo assinado a companhia e a Apple para melhorar a situação dos trabalhadores. O primeiro ocorreu em meados de junho, pouco após os ativistas do Student & Scholars Against Corporate Misbehaviour, algo como Estudantes e Acadêmicos Contra o Abuso em Empresas (SACOM), constatarem que nada havia mudado na fÁbrica.

UPDATE: A Foxconn negou a ocorrência de greve em uma de suas fÁbricas na China. Conforme a Reuters, a companhia afirma que a fÁbrica "havia sofrido apenas duas disputas breves e pequenas vÁrios dias atrÁs".

Ainda segundo o site, "a agência de notícias oficial chinesa Xinhua citou um porta-voz do governo em Zhengzhou dizendo que cerca de 100 inspetores de qualidade na Foxconn recusaram-se a trabalhar por uma hora na sexta-feira, depois de terem sido supostamente agredidos fisicamente por funcionÁrios irados com as inspeções."

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.