Brasil comercializa quase o triplo de tablets que em 2011

No segundo trimestre de 2012, foram comercializados 606 mil tablets no Brasil, um crescimento de 275% em relação ao mesmo período do ano passado, conforme dados da IDC. A consultoria prevê que, até dezembro, o setor alcance as 2,6 milhões de unidades.

Esses números ajudaram o Brasil a subir no ranking mundial de venda de tablets. O país, que antes ocupava a 17ª posição no segundo trimestre de 2011, passou agora para o 11º lugar.

"A popularização dos tablets no Brasil deve acontecer em paralelo ao mercado de computadores e lhe garantir uma entrada nas dez primeiras colocações do ranking mundial até o final do ano. Em países onde o mercado de computadores é mais maduro, hÁ maior adoção de tablets", avalia diz Attila Belavary, analista de mercado da IDC Brasil.

No Brasil, são vendidos quatro notebooks para cada tablet. Nos Estados Unidos, a proporção jÁ é de um tablet para cada notebook. Para 2013, a IDC estima que as vendas de tablets por aqui atingirão as 5,4 milhões de unidades;

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.