Gás hélio pode aumentar a capacidade e reduzir o consumo de HDs

A divisão de discos rígidos da Hitachi, a HGST, anunciou o desenvolvimento de HDs especiais preenchidos com hélio, ao invés de "ar comum". Com esta troca, a empresa afirma que é possível aumentar a capacidade de armazenamento, tornando viÁveis drives de até 6TB, e também causando uma redução no consumo de energia.

Os HDs, atualmente, não são isolados. Eles possum entradas de ar que tem como função balancear a pressão interna com a pressão externa. Este processo acaba interferindo no funcionamento dos discos, causando turbulências que atrapalham o funcionamento do giro dos discos (que costumam fazer isto a uma velocidade de 5.400 a 7.200 rotações por minutos).

Substituir este modelo por um esquema isolado, preenchido com gÁs hélio, reduziu em 23% o consumo de energia do HD, além de tornar o sistema estÁvel o suficiente para incluir até dois discos a mais no espaço convencional de 3.5". 

- Continua após a publicidade -

Segundo a HGST, estes HDs podem chegar a até 6TB de espaço, e como é esperado, custarão mais que os atuais drives de 3-4TB, por conta dos discos adicionais e também da industrialização de processos como inserir o gÁs hélio e isolar o HD. Quem sabe no futuro seu computador pode travar porque "furou o HD". 

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Deve ter lançamentos como leve melhorias na mesma arquitetura

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.