Google manda 20% do staff da Motorola pra rua e irá reduzir o número de modelos

Até o momento, a aquisição da Motorola pela Google ainda não havia resultado em nenhuma mudança grande no rumo das duas companhias. Assim como a Motorola, que manteve seu modelo de negócio, a Google também continuou com sua parceria com diversos fabricantes de smartphones, não dando privilégios a sua recém-adquirida empresa. Tudo mudou agora, com a a primeira grande ação anuciada após a compra: aproximadamente 4 mil funcionÁrios da fabricante, em torno de 20% do total da empresa, serão demitidos.

Além do corte no pessoal, a Motorola também deve fechar aproximadamente um terço de seus 94 escritórios, espalhados pelo mundo. O motivo seria uma reformulação do portfólio da Motorola, buscando simplificÁ-lo, única forma vista pela Google para tornar a empresa rentÁvel.

- Continua após a publicidade -

Dentro dos próximos meses, devemos ter diversos aparelhos da empresa deixando o mercado, e sobrando apenas os principais modelos. Pra vocês, quem merece sobreviver ao corte de custos, e quais não vão deixar saudades quando deixarem de ser vendidos? 

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.