Juiz determina que Facebook seja tirado do ar por 24h

O juiz eleitoral Luiz Siegert Schuch, de Florianópolis (SC), ordeu que o acesso ao Facebook seja bloqueado por 24 horas, por descumprimento de uma liminar que obrigava a rede social a tirar do ar a pÁgina "Reage Praia Mole". A razão pela retirda da pÁgina do ar seria o "material depreciativo" publicado contra o vereador Dalmo Deusdedit Meneses (PP), candidato a reeleição, que teria sido vinculado nesta pÁgina.

Segundo o juiz eleitoral, a medida punitiva deve ser tomada pois o Facebook não retirou a pÁgina pedida. Além do bloqueio do serviço em todo o país, por um dia, a rede social terÁ que pagar 50 mil reais por dia em que a pÁgina não foi retirada, neste caso entre o dia 1º a 9 de agosto.

No lugar da rede social, a rede social deve exibir um aviso afirmando que estÁ com os serviços suspensos por descumprir a legislação eleitoral. O Facebook afirmou que estÁ discutindo com a justiça eleitoral esta pena, e que jÁ possui uma política para gerir questões sobre conteúdos eleitorais". A pÁgina "Reage Praia Mole" foi retirada do ar, mas jÁ ganhou sua segunda versão na rede social.

- Continua após a publicidade -

[UPDATE]: O juiz decidiu suspender a liminar, pois considerou que o Facebook colaborou com Justiça Eleitoral. A rede social entregou os IPs dos responsÁveis pela administração da pÁgina, o que serÁ incluso na investigação do caso.

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Quem estava pior no primeiro vídeo?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.