CEO da Microsoft declara guerra contra Apple

Em entrevista para o CRN, o CEO da Microsoft resolveu reaquecer de vez a rivalidade entre sua empresa e Apple. Steve Ballmer confessou que a Microsoft e suas parceiras "cederam" muito espaço para a rival inovar com sua estratégia de hardware e software integrados, mas que, a partir de agora, com o anúncio do Surface (tablet da empresa), tudo muda: "Estamos tentando deixar claro que não vamos deixar nenhum espaço descoberto para a Apple", disse o CEO na conferência anual da empresa em Toronto.


Quando perguntado se a Microsoft poderia, um dia, investir em seu próprio smartphone a fim de competir com o iPhone, o CEO pensou e respondeu: "Agora estamos trabalhando duro no Surface. Esse é o foco. Esse é o nosso objetivo. Olha, nós vamos ver o que acontece. Temos bons parceiros como a Nokia e a HTC no segmento de telefones. Eu amo o que temos em curso com o Surface. Vamos focar nele e em nossos outros parceiros de tablet com Windows 8 e ver se conseguimos fazer algo acontecer."

Ballmer tem um histórico de declarações polêmicas "contra" a Apple. Basta lembrar a mais icônica, a de quando o iPhone foi lançado:

Assuntos
Tags
  • Redator: Carolina Franco

    Carolina Franco

    Com pouca habilidade no playstation, leva surra de toda na redação. Seu vício são os games para celular e as tecnologias mobile. Desde que passou a cursar jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina, descobriu nas notícias sua verdadeira vocação: escrevê-las e publicá-las agilmente.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.