Cibercriminosos vendem malware personalizado por R$29,99

Começam a surgir no Brasil os primeiros serviços de criação de malware personalizados, chamados de "Malware as a Service" (MaaS), muito comum no leste europeu. A Kaspersky descobriu uma "oferta" que, por R$29,99 à vista – ainda por cima com opções de parcelamento – cria e hospeda um cavalo-de-troia personalizado.

O serviço ainda permite que o cliente faça a administração remota das mÁquinas comprometidas mediante o pagamento de uma taxa mensal. Tudo feito com uma interface grÁfica intuitiva, que oferece até vídeo-aulas para os leigos.


Imagem: Kaspersky


FÁbio Assolini, analista de malware da Kaspersky Brasil, explica que os códigos maliciosos gerados no serviço atuam como um RAT (Remote Admin Tool), ou seja, uma ferramenta de administração remota. Eles "permitem controle total da mÁquina da vítima, além da coleta de informações pessoais como logins de acesso a serviços de rede social, IMs e serviços bancÁrios".


Imagem: Kaspersky


Segundo os responsÁveis pelo serviço, o malware gerado não pode ser detectado por antivírus. A Kaspersky, porém, garante que seus softwares bloqueiam essas ameaças.

HÁ ainda a opção de gerenciamento das campanhas de spam que são disseminadas para as vítimas. O pagamento varia de acordo com o número de mÁquinas que se deseja atingir e pode chegar a até R$90. "Isso tudo permite aos cibercriminosos mais experientes ganhar dinheiro não somente com os golpes, mas também vendendo seus serviços aos novatos no cibercrime", resume Assolini.

- Continua após a publicidade -


Imagem: Kaspersky



Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.