Plataforma Kai da Nvidia buscará trazer tablets Android com baixos preços

Outro significante passo a dar em direção ao crescimento dos negócios voltados à computação mobile é a introdução da plataforma Kai. A plataforma, que designamos para reduzir os preços de tablets com Android, poderÁ abastecer o crescimento das vendas dos processadores Tegra 3.


Estratégias da plataforma

Custo é uma das maiores barreiras que os fabricantes de tablets com Android tem para superar, mas produtos como o Kindle Fire provaram que o preço de 199 dolÁres não é inatingível. Por isso, estamos procurando fazer nossa parte para diminuir os preços e acreditamos que isso serÁ possível com a introdução da Kai.

Essa plataforma, que temos pretenções lançar para o mundo até o fim desse ano, é o nosso plano para trazer tablets com Android sendo baratos e poderosos. Ela serÁ baseada no sistema Tegra 3 em um chip, que atualmente aparece em vÁrios telefones e tablets com Android, e permitirÁ que os fabricantes de aparelhos tragam tablets quad-core para o mercado por 199 dolÁres. Para atingir o objetivo, inovações foram desenvolvidas para reduzir o consumo de energia, que ocorreram pelo visor e pelos componentes de baixo custo dentro do tablet.

Como resultado do efeitos diretos da plataforma, torna-se possível construir dispositivos quad-core com Android e Tegra 3 em preços baixos, sendo encontrados por menos de 200 dólares.

Receita crescente


De acordo com o jornal Forbes, os nossos negócios registraram um aumento de 21% por conta das vendas crescentes de processadores Tegra 3. O primeiro telefone Tegra 3 do mundo foi lançado em fevereiro pela HTC e hÁ planos de lançarmos cerca de 30 até o final deste ano.

Assuntos
Tags
  • Redator: Carolina Franco

    Carolina Franco

    Com pouca habilidade no playstation, leva surra de toda na redação. Seu vício são os games para celular e as tecnologias mobile. Desde que passou a cursar jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina, descobriu nas notícias sua verdadeira vocação: escrevê-las e publicá-las agilmente.

O que você prefere?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.