Facebook corresponde a um quarto dos sites visitados por brasileiros

Essa é uma boa notícia para quem estÁ comprando as ações do Facebook, que acabam de ser disponibilizadas na NASDAQ. No mês de abril, 1 em 4 quatro pÁginas vistas pelos usuÁrios brasileiros na internet, ou 27,08%, estavam dentro do Facebook. A proporção é maior até do que na terra natal de Mark Zuckerberg e da rede social. Nos Estados Unidos, 1 em cada 5 pÁginas vistas eram do Facebook - sendo que 85% dos americanos tem acesso à internet da própria casa, enquanto no Brasil essa porcentagem cai para 33%, de acordo com um estudo feito neste ano pela Fundação Getúlio Vargas


Os estudos que mostram a participação do Facebook na vida digital de brasileiros e americanos foram feitos pela Experian Marketing Services. O resultado estÁ sendo divulgado, nada por acaso, no mesmo dia em que a maior rede social do mundo estreia na bolsa vendendo 421,2 milhões de ações cotadas a US$ 38, levantando US$ 16 bilhões no mercado financeiro. Essa é a sétima maior oferta pública inicial da história dos mercados financeiros, segundo levantamento da consultoria Renaissance Capital.

O estudo traz ainda outros dados sobre o mercado brasileiro. Somados, São Paulo e Rio de Janeiro corresponderam a 50,11% das visitas brasileiras no período de 12 semanas que terminou em 12 de maio de 2012. A Região Sudeste teve 59,04% das visitas à rede social, seguida de Sul (17,18%), Nordeste (11,95%), Centro Oeste (8,08%) e Norte (3,75%) no mesmo período. 

O país jÁ é o segundo em número de usuÁrios no Facebook, como o Adrenaline noticiou hÁ duas semanas. JÁ somos mais de 47 milhões de perfis brasileiros na rede, sendo que só nas últimas duas semanas foram mais 600 mil novos perfis criados no país. O Facebook foi o site com maior número de visitas no Brasil pela primeira vez no dia 1º de abril de 2012, com 10,52% das visitas neste dia, mas fechou o mês de Abril na 2ª posição (9,76%). Aqui, termo ‘facebook' foi o mais buscado do ano  em 2011.

Assuntos
Tags
  • Redator: César Massaki Teshima Soto

    César Massaki Teshima Soto

    Graduando de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina, ganhou um Mega Drive aos 5 anos, mas nunca conseguiu fazer final em Sonic 2. Navegava pelas salas de bate papo nos tempos da internet discada e até hoje procura o disquete perdido com seu jogo salvo do América-MG no Elifoot 98.

O que você prefere?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.