11% dos torpedos "sensuais" chegam para a pessoa errada

"Sexting" é o costume de enviar mensagens SMS com conteúdo erótico ou sensual. Algo que, mesmo com a "melhor" das intenções, pode dar resultados desastrosos ou, no mínimo, constrangedores. Uma pesquisa feita pela Recombu com 2 mil adultos no Reino Unido mostra que uma média de 11% das pessoas jÁ mandaram esse tipo de mensagem acidentalmente para algum membro da família.

Os homens, pelo visto, são mais distraídos na hora de mandar SMS: 16% dos entrevistados jÁ admitiram ter errado o alvo. Entre as mulheres, 8% mandaram a mensagem picante para a pessoa errada.

Quase metade dos participantes da pesquisa admitiu que jÁ enviou torpedos desse tipo. A prÁtica é ligeiramente mais comum nas mulheres: 48% delas admitiram ter praticado o "sexting" com o parceiro, enquanto entre os homens o índice cai para 45%. Quase uma a cada cinco pessoas, porém, admitiu ter enviado mensagens com teor erótico para outra pessoa – e não o parceiro ou parceira. Confira mais dados no infogrÁfico:


Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.