Roteador ASUS RT-N10E

Projetado no ano passado para ganhar espaço no mercado agora em 2012, o roteador da ASUS RT-N10E apresenta alguns diferenciais frente a aparelhos similares encontrados com maior frequência. Além de design e acabamento melhores do que a média, ele promete enorme economia de energia em comparação com outros roteadores.



Para usÁ-lo, tudo que você precisa é de uma entrada para cabo RJ-45 nos computadores que farão parte da rede -aquele popularmente conhecido como "cabo de rede". Também é necessÁrio, no mínimo, um aparelho compatível com conexão WiFi 802.11. A velocidade de conexão é de 150 Mbps.

- Continua após a publicidade -

Além do baixo consumo de energia, um dos principais atributos desta pequena mÁquina de 210 gramas é a instalação simples. O RT-N10E estÁ programado para estabelecer a conexão com o seu PC em três passos - facilidade batizada de "Plug-n-Surf" pela fabricante. Primeiro, ligue o roteador e abra seu browser no computador. O aparelho irÁ identificar automaticamente o tipo de conexão O segundo passo é adicionar o nome da rede e a respectiva senha nos espaços correspondentes. Pronto, a internet jÁ estÁ conectada para que você "surfe" pela net jÁ no terceiro passo.

Salve o planeta e o seu bolso
A ASUS garante que o consumo de energia do RT-N10E é menos de um terço do consumido por aparelhos convencionais - para ser mais específico, a economia é de 72%. A comparação com outro roteador típico foi feita pela própria ASUS, considerando situações de trÁfico normal (duas conexões simultâneas, sendo uma conexão com PC através de fio e outra sem fio), trÁfico intenso (quatro PCs conectados por fio e outras duas conexões sem fio) e modo Standby (apenas portas WAN conectadas). O custo foi calculado baseando-se na média de preço cobrada de residências nos EUA pela eletricidade, incluindo taxas administrativas.

Assuntos
Tags
  • Redator: Tulio Kruse de Morais

    Tulio Kruse de Morais

    Desmonstrando pouco talento para o esporte desde a primeira infância, encontrou consolo para o fracasso no Megaman do NES. Atualmente estuda Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina e procura avidamente por ferramentas digitais que melhorem seu desempenho na apuração.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.