Cresce o número de reclamações de consumidores no Twitter

Em apenas um ano, o número de reclamações contra empresas no Twitter usando a hashtag #Fail cresceu de 56.778 para 272.181. Os dados são da E.life, empresa especializada em inteligência de mercado e gestão de relacionamento nas redes sociais, que realizou um levantamento entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2011 com o software E.life TweetMeter.

Conforme a empresa, o termo "fail" foi escolhido como critério por ser frequentemente associado às reclamações de consumidores na rede. Além de apontar o total de tweets com esse perfil, a companhia elencou as 14 categorias com maior volume de reclamações.


O setor de alimentos, incluindo restaurantes e marcas de alimentos e bebidas, foi o mais criticado pelos consumidores no Twitter, com 119.524 ocorrências. As reclamações referem-se às condições de conservação, a produtos com conteúdo diferente do rótulo, relatos de desagrado na primeira experiência de consumo, produtos estragados ou com objetos estranhos e até mesmo campanhas consideradas ofensivas e depreciativas.

Em segundo lugar, aparecem as operadoras de telefonia celular e fixa, com 56.740 queixas por cobertura insuficiente, falhas no sinal e atendimento insatisfatório. O estudo também encontrou reclamações de pós-compra, referentes especialmente à decepção com queda na qualidade do serviço; e comparações de preços de pacotes entre diferentes empresas do setor.

O ranking se completa com os setores de eletrônicos; bancos, seguradoras e cartões; provedores de Internet; navegadores de Internet; companhias aéreas; instituições de ensino; cosméticos e produtos de higiene; montadoras de automóveis; supermercados; aparelhos celulares; revistas; e produtos de limpeza.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.