Moradores de rua viram pontos de sinal de Wi-Fi em evento no Texas

A agência de publicidade BBH e a organização para desabrigados Front Steps, do Texas, selecionaram 13 moradores de rua para serem pontos de sinal Wi-Fi ambulante no Festival SXSW que iniciou na cidade no último final de semana. Com uma camiseta e um ponto de acesso wireless com tecnologia 4G, eles foram instruídos a se espalharem em torno do centro de convenções onde acontece o evento.


 

Os usuÁrios que tivessem interesse em acessar o sinal Wi-Fi deveriam enviar uma mensagem de texto com o nome do morador de rua para o número que constava em sua camiseta. Como resposta, eram enviados os dados para acesso e, ao fazer login, o usuÁrio tinha a opção de doar uma quantia (a sugestão era de US$ 2,00 a cada 15 minutos) via Paypal, que serÁ repassada ao morador que forneceu a conexão.

Muitos dos participantes do festival não aprovaram a ideia, pois a mensagem na camiseta dos sem-teto que dizia "sou um ponto de acesso", dava a entender que eles eram produtos e não pessoas. A BBH emitiu uma nota dizendo que "os sem-teto agora são um dos assuntos mais discutidos no SXSW e por isso eles não são mais invisíveis". A agência também garantiu que todo o valor arrecadado serÁ encaminhado para cada um dos moradores de rua.

As informações são do site Tech Tudo.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Adrenaline para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

Assuntos
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.