Google oferece 60 mil dólares para quem encontrar falha de segurança no Chrome

Você é daqueles azarados que sempre têm a infelicidade de cair nos piores bugs do mundo? Ou é do tipo que entende bastante de programação? TÁ precisando de grana? Que tal 100 mil reais?

A Google mais uma vez que provar que seus produtos são mesmo excelentes e, de quebra, quer, ao mesmo tempo, retribuir alguma nobre alma que a ajudar a encontrar falhas no Google Chrome e fazer propaganda a custos baixíssimos, tudo isso em uma estratégia só.

E não pense que o primeiro que achar alguma falha serÁ o único ganhador da tal "promoção", a Google estÁ prometendo mais de 1 milhão de dólares em prêmios para quem encontrar determinados bugs. Isso que é confiar num produto.

Só não espere que serÁ fÁcil. Enquanto que Safari e Internet Explorer jÁ foram facilmente invadidos por um hacker no ano passado, o Chrome é conhecido como o único navegador que nunca foi violado por Pwn2Own, pseudônimo do tal hacker, em seus 6 anos de "atividade".

Os prêmios girarão em torno de US$60.000, US$40.000 e US$20.000, para quem conseguir encontrar  exploits em uma versão totalmente atualizada rodando no Windows 7, também atualizado. Exploits completos obtendo acesso total à conta do usuÁrio apenas com bugs do Chrome dão direito a  US$60.000, jÁ falhas de Webkit, flash ou driver te garantem entre 40 e 20 mil verdinhas.

- Continua após a publicidade -

"Enquanto estamos orgulhosos do importante histórico do Chrome em competições passadas, o fato é que não receber exploits significa que é mais difícil aprender e melhorar. Para maximizar nossas chances de receber exploits este ano, nós aumentamos as apostas. Vamos oferecer patrocínio direto com até US$1 milhão em prêmios.", anunciou a Google.

Iaí, vai encarar? Eu jÁ comecei a minha busca, dei Ctrl + Alt + Del e tô tentando burlar os processos do Chrome, jÁ mudei até a prioridade para "tempo real"..., tô indo bem?

Assuntos
Tags
  • Redator: Pedro Lima

    Pedro Lima

    Graduando de Jornalismo e Ed. Física, Pedro cresceu jogando videogames e futebol. Dividiu sua infância e adolescência com master-system, super nintendo, 486, k6-2, playstations e outros eletrônicos. Com eles aprendeu, além de gostar de games, tecnologia e ciência, a idolatrar Homer Simpson e Jaiminho, do Chaves.

Em um remake, você quer:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.