Youtube considera adotar modelo de assinatura mensal

Colocar anúncios publicitÁrios antes dos vídeos e nos arredores da pÁgina parece não ser mais suficiente para o Youtube. Agora, a empresa cogita a possibilidade de oferecer assinaturas pagas para que o usuÁrio consiga visualizar certos tipos de conteúdo.

A informação é do CEO do Youtube, Salar Kamangar, que participou da conferência D:Dive Into Media do AllThingsD, no dia 31 de janeiro. Na ocasião, ele sugeriu que o site pode passar a disponibilizar conteúdo Premium, acabando com o modelo atual, no qual todos os vídeos são gratuitos.


Conforme o Slashgear
, o executivo disse que a ideia é realizar parcerias com produtores de conteúdo detentores de direitos autorais. Assim, eles poderiam exibir vídeos apenas aos usuÁrio que pagarem por uma assinatura mensal.

No evento, Kamangar ainda revelou algumas estatísticas sobre todo o mercado de vídeos, tanto online quanto offline. Conforme o executivo, 20% da receita vem das vendas e aluguéis, enquanto 40% são provenientes da publicidade e os outros 40% vêm de taxas de subscrição.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.