Protestos contra o SOPA param na Associação de Produtores Escoceses de Comida Orgânica

Nas últimas semanas, foi grande a repercussão na internet do projeto de lei contra a pirataria online, conhecido como SOPA, que jÁ ganhou artigos e artigos, além de um podcast, aqui no Adrenaline. O curioso foi quando um grupo de pessoas, tentando aumentar a pressão contra o projeto, escolheu o lugar errado para fazer isto: o site de Associação dos Produtores Escoceses de Comida Orgânica, ou SOPA na sigla em inglês (Scottish Organic Producers Association).


Não se deixe enganar pela vaquinha. Comida orgânica escocesa é um perigo à internet.



Para a surpresa dos administradores da conta de e-mail da associação, nos últimos dias a caixa de entrada do e-mail oficial do SOPA (em sua versão que veste saias e cultiva comida saudÁvel) foi inundada por mensagens agressivas dos usuÁrios protestando contra o SOPA (em sua versão fã de futebol americano e que vai destruir a internet livre).

As mensagens foram enviadas através do formulÁrio de contato do site oficial da associação, o www.sopa.org.uk, que agora estÁ até fora do ar. Para chegar a este feito, todas as pessoas que enviaram as mensagens precisaram ignorar uma série de fotos de fazendas, vacas, galinhas e vegetais que ilustraram a pÁgina, e ter a capacidade de não se perguntar porque um projeto de lei americano tem como site oficial uma pÁgina do Reino Unido.

Temos que reconhecer, é uma burrice de qualidade. Ou temos os novos reis da trollagem online.

Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.