Intel não descarta Medfield no Windows Phone 7 e no iPhone

A Intel resolveu apostar nos processadores móveis com o lançamento do Medfield e, inclusive, anunciou parcerias com a Lenovo e a Motorola para que fabriquem os primeiros smartphones com o novo chip, durante a CES 2012. Mas a iniciativa não deve parar por aí. Dave Whalen, vice-presidente do grupo de engenharia da Intel, afirmou que a empresa estÁ "falando com todo mundo" e, inclusive, chegou a tentar negociar com a Apple, segundo o The Telegraph.

Por enquanto, porém, não hÁ sinal de que a gigante de Cupertino irÁ abrir mão de seus processadores proprietÁrios para aderir à nova solução da Intel.


Inicialmente, a companhia resolveu focar seus esforços na plataforma do Google. "Quando assumimos o desenvolvimento do chip em abril, tomamos uma decisão consciente de focar no Android", afirmou o executivo. "Windows, outros sistemas operacionais, nós reconhecemos que existirão oportunidades. Não é um ‘não', só que não é o momento. Quanto chegar a hora apropriada, procuraremos outros sistemas", explicou.

Whalen acrescentou que qualquer evolução nos novos chips móveis da Intel serÁ direcionada de acordo com a demanda. "É de responsabilidade de nossos consumidores – e no momento eles estão querendo o Android", afirmou.

Os primeiros smartphones baseados no Medfield devem chegar no segundo e terceiro trimestre do ano. Você pode conferir um hands-on de um dos protótipos assistindo ao nosso vídeo, direto da CES 2012.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Qual vai ser o melhor game de outubro de 2020?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.