Argentina bane vendas do iPhone e BlackBerry para alavancar economia

O governo da Argentina bloqueou temporariamente as vendas de certos equipamentos eletrônicos importados, como o iPhone e toda a linha BlackBerry, em uma tentativa de estabilizar a economia do país. A Apple e a RIM correspondem a 60% do mercado de smartphones por lÁ.

Outros grandes fabricantes, como a Microsoft, Nokia, Motorola, LG e Samsung, conseguiram escapar da medida porque possuem fÁbricas no país.



De acordo com o Electronista, a iniciativa vem após uma lei que acrescentou uma taxa de mais 20,48% sobre o imposto de 21% cobrado normalmente por eletrônicos fabricados fora do país. Essas medidas procuram diminuir a inflação e elevar o valor do peso argentino em comparação com o dólar americano.

As autoridades garantem que o banimento serÁ cancelado assim que a economia estiver estabilizada. Enquanto isso, a RIM jÁ estÁ procurando um parceiro para produzir os aparelhos no país, escapando da determinação. Quanto à Apple, ainda não hÁ sinais de que a companhia pretenda fazer o mesmo.

UPDATE: É... a gente caiu em um fake. A história faz parte de uma brincadeira do estilo "primeiro de abril" feita por um site espanhol. Por aqueles lados, o data para pregar peças mentindo é o dia 28 de dezembro, quando é comemorado o dia dos Santos Inocentes. Se serve de consolo (pra nós) uma série de sites como GSMArena e Apple Inside também caíram nessa.

Assuntos
Tags
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Escolha sua arma:

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.