Como o Google causou demissões e muitos problemas com sua brincadeira de 1ºde abril no Gmail

Ontem, o Google conseguiu tornar a figura dos Minions ainda mais odiada na internet. A empresa resolveu fazer uma brincadeira de 1° de abril utilizando o Gmail e acabou criando problemas para diversos usuários.

Para entrar na zoeira do dia, a companhia resolveu alterar o botão "Enviar e Arquivar" do serviço de e-mails por um recurso chamado "Send and Mic Drop", enviar e jogar o microfone, referência a batalhas de rap. A função colocava um GIF dos personagens amarelinhos na mensagem e impedia que a conversa recebesse respostas, para que você tivesse "a última palavra" no e-mail. Será que foi ideia do estagiário? Possivelmente não.


O recurso é uma ótima brincadeira para quem usa o Gmail para interagir com os amigos. A questão é: quem ainda faz isso?

O botão pode até ser usado para fazer gracinha com os amigos, como os exemplos do Google mostram, porém, a empresa esqueceu de avisar os usuários que ligam o "modo automático" na hora de mandar e-mails e apertam o "Enviar" sem prestar muita atenção. O resultado final da brincadeira: demissões, situações constrangedoras e uma grande quantidade de reclamações enviadas ao Google.

Um escritor chamado Allan Pashby revelou no fórum do Google que perdeu seu emprego ao enviar o Drop Mic sem querer para sua chefe. Moral da história: nunca envie Minions para quem paga teu salário. Confira abaixo o relato de Pashby.

"Graças ao Mic Drop eu acabei de perder meu emprego. Sou um escritor e tenho prazos a cumprir. Enviei meu artigo para a minha chefe e nunca mais obtive resposta. Eu mandei o e-mail pra ela usando o botão com "Mic Drop". Haviam correções para serem feitas no meu artigo e eu nunca recebi as respostas dela. Minha chefe se ofendeu com a animação do Mic Drop e assumiu que não me respondeu porque achou que eu tinha sido mesquinho. Eu acordei com uma mensagem de voz bastante irritada dela dizendo que achou a brincadeira "hilária".

 Outra situação envolveu uma agência funerária, que ao enviar suas condolências a uma família que tinha acabado de perder uma filha, também mandou o GIF do Minion e a incapacidade de voltar a se comunicar com instituição pela conversa de e-mails.

De acordo com o TechCrunch, alguns usuários do serviço de e-mail também reportaram que o GIF estava aparecendo em  mensagens normais, sem o Mic Drop ser ativado. Nas páginas de suporte do Gmail, mais histórias de desastres envolvendo o Minion e o poder de ter a última palavra no e-mail foram relatados.

Um usuário identificado como "AJ456" disse ter enviado um Mic Drop para vários contatos de trabalho por não ter prestado atenção na hora de enviar e-mails. "Mandei uma mensagem importante para 30 contatos de negócios e cliquei sem querer no Enviar com Mic Drop". 

O usuário "TexasCay" desabafou no fórum de ajuda e disse que está cogitando deixar o serviço pela falta de seriedade com quem usa o Gmail para negócios. "Não sei de quem foi essa grande ideia. Eu trabalhei com um cliente hoje enviando vários arquivos e, enquanto tentava desabilitar alguns, acabei enviando o GIF. 1° de abril ou não, foi engraçado para quem não usa o Gmail para negócios".

As melhores (e piores) zoeiras de 1º de abril

Após os diversos reports, o Google viu o tamanho do erro que tinha cometido, retirou a brincadeira do Gmail e lançou uma note de desculpas. "Parece que zoamos a nós mesmos neste ano. Devido a um bug, o recurso MicDrop inadvertidamente causou mais dores de cabeça do que risadas"

Depois dessa treta, podemos concluir que o Google ainda acha que vivemos no início dos anos 2000 e as correntes de e-mail são nossa principal forma de comunicação com os amigos, como se redes sociais e aplicativos de mensagem não existissem. Quem sabe a brincadeira tivesse dado certo se fosse feita no Google Plus, é claro, se algum usuário utilizasse a ferramenta algum dia.

- Continua após a publicidade -

{via}Neowin|http://www.neowin.net/news/googles-minion-mic-drop-april-fools-prank-goes-horribly-wrong|TechCrunch|http://techcrunch.com/2016/04/01/google-reverses-gmail-april-1-prank-after-users-mistakently-put-gifs-into-important-emails{/via}

Tags
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.