Sugestão do Tio João: Return of Double Dragon

Mais um fim de semana, mais uma singela sugestão. Dessa vez eu revirei o fundo do baú para vir aqui lhes lembrar (ou mostrar pela primeira vez para alguns) um excelente exemplo da melhor época dos beat'em ups! Direto de 1992, eu trago aqui Return of Double Dragon.


Os irmãos Billy e Jimmy Lee foram levados ao Super Nintendo para distribuir algumas porradas nos mais diversificados inimigos, com vÁrios tipos de armas e algumas inovações no gameplay muitíssimo bem-vindas. E o melhor, naquele co-opzinho divertido que todo bom beat'em up merece.

A primeira novidade que se percebe em Return of Double Dragon é um botão para se defender. Levantando sua defesa num momento adequado vai fazer com que seu personagem segure a mão ou a perna do oponente, e aí a surra é certa. E muito satisfatória. É enfiar o pé na cara do seu adversÁrio e chutÁ-lo consecutivas vezes antes de um chute final mais forte jogÁ-lo longe.

As armas ganham destaque não só pela sua diversidade, mas pelos seus diferentes usos. Na maioria dos beat'em ups da época não se notava diferença entre segurar um cano, um taco, um pepino... O personagem batia do mesmo jeito. Mas em Return of Double Dragon, é completamente diferente usar um bastão, um nunchaku ou um bumerangue, o que lhe faz correr atrÁs das armas pra saber como serÁ o efeito delas.

O jogo vale demais a pena jÁ no single player, mas se você tiver alguém pra jogar junto, recomendo fortemente que aproveite o fim de semana distribuindo umas porradas e chutes no melhor estilo Double Dragon!

Assuntos
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.