ANÁLISE: 8bitdo SN30 Pro+ - O que já era bom, ficou ainda melhor

Um dos melhores controles para uso geral, emuladores, jogos de luta e plataforma do mercado
Por Wellington Diesel 28/09/2020 19:11 | atualizado 28/09/2020 19:11 comentários Reportar erro

A 8bitdo é uma marca que vem se tornando bastante popular nos últimos anos, a chinesa é conhecida não apenas por produzir controles com temas de controles antigos da Nintendo, mas também por fazer algumas das melhores réplicas destes controles.

Link para compra do 8bitdo SN30 Pro+ [ Cupom: BGSN3029 ]
Site oficial do controle

O 8bitdo SN30 Pro+ porém, buscar ser o "melhor controle" da marca, oferecendo a maior quantia de recursos, um formato mais ergonômico (o que é vantajoso especialmente para usar com um celular) e a opção de usar tanto a bateria inclusa, quanto pilhas.

Também, ele funciona nas seguintes plataformas:

  1. Windows PC (X-Input)
  2. Nintendo Switch
  3. Android (X-Input e D-Input)
  4. macOS

Esta análise terá ênfase na utilização em PCs, falando um pouco também sobre o Nintendo Switch. Não testamos este controle no Android pois não temos o suporte para celulares para este controle, o qual é vendido tanto em kits, quanto separadamente.

Overview

Em termos de aparência, o 8bitdo SN30 Pro+ claramente remete ao clássico controle do Super Nintendo, mas não tanto quanto o 8bitdo SN30 Pro, não há botões com cores diferentes e os botões Start e Select não estão na diagonal, então na verdade eles mistura alguns aspectos do NES e SNES, com a ergonomia de um "controle moderno".

Ainda assim, temos os botões X e Y em formato côncavo, algo claramente inspirado nos controles do Super Nintendo.

- Continua após a publicidade -

Algumas pessoas poderiam criticar o mesmo por não possui "grips emborrachados" ou outras peças de borracha quem geram atrito para proporcionar maior segurança à mão, como o Astro C40 TR ou Razer Raiju Mobile possuem, mas a infeliz verdade é que estes tipos de acabamento tendem a desgastar com o tempo, o que acaba degradando demais a aparência do controle, o que não é o caso de um acabamento simples em plástico fosco como ele, o DualShcok 4 ou o Xbox One Controller possuem.

Pesando 222 gramas, o 8bitdo SN30 Pro+ pesa apenas um pouco mais do que o DualShock 4 (214 gramas) e um tanto menos do que o controle do Xbox One (peso das pilhas + 233 gramas), sendo um peso bem agradável para utilização por longos períodos.

Acompanhando o controle, também está um cabo USB-C, e ao contrário do 8bitdo SN30 Pro, ele não é "estilizado" e nem "flat" para facilitar o uso. Nesta parte, parece que pioraram o cabo em relação ao anterior.

Os analógicos do 8bitdo SN30 Pro+, assim como no seu antecessor, remetem muito aos analógicos do Xbox One (65g), são muito mais leves do que os analógicos do Xbox 360 (110g) e não apresentaram qualquer problema nos testes, seja drifting (o analógico puxando para uma direção) ou problemas relacionados à dead-zone (o quanto o analógico precisa puxar para começar responder, área sem resposta), a sensibilidade é muito boa.

Ele é compatível também com as mesmas capinhas de borracha para analógicos que o controle do Xbox One, assim como acessórios como os "KontrolFreek".

- Continua após a publicidade -

Já nos botões, temos botões firmes mas ao mesmo tempo macios, que voltam para a posição original rapidamente, o que é excelente para pressionar o mesmo botão rapidamente. Eles fazem um pouco de "barulho" ao chacoalhar e possuem um "wobble" (mexem ao encostar) mínimo, mas não é nada que atrapalhe o uso. Eles são um pouco mais distanciados do que os botões do Xbox One ou do DS4, mas ainda assim são extremamente confortáveis e intuitivos para pressionar com o dedão.

Os gatilhos lembram os gatilhos do DualShock 4 e são a parte que menos gostei do controle.

Eles são extremamente leves (até demais para o meu gosto) e não passam confiança quanto os gatilhos do Xbox One. Eles não aparentam usar Hall Effect (um sistema de ímãs para detectar o movimento dos gatilhos) como os do Xbox One, provavelmente devem usar "gomas de borracha" para detectar o pressionamento, assim como faz o controle da Sony.

Outro aspecto que não me passa confiança, é que o engate desta peça é muito visível ao pressionar o gatilho, e a impressão é que se o controle cair no chão, essa peça irá quebrar. Não posso testar isso, mas recomendo aos donos que tenham cuidado.

Já que estamos falando sobre a traseira do controle, não há nenhum problema nos botões L (LB) e R (RB), são firmes, seguros, leves e voltam bem e rapidamente para a posição original quando pressionados. São ótimos botões, melhoraram muito em comparação com o 8bitdo SN30 Pro (estes botões eram o pior aspecto deste modelo) e melhores do que os botões LB e RB do Xbox One.

Continuando, abrindo o compartimento da bateria, temos um dos principais diferenciais deste controle: ele inclui uma bateria (1.000 mAh) e também permite pilhas.

- Continua após a publicidade -

Ao contrário do controle do PS4 (que não aceita pilhas e cuja bateria não é removível) ou do Xbox One (que não inclui a bateria, que custa quase o preço do controle), não há motivos para se ter a briga "bateria x pilhas". Quem quer usar a bateria pela maior praticidade, use a bateria. Quem quer usar as pilhas pela maior duração ou quando a bateria original "viciar", também pode usar.

Mas ao contrário do DualShock 4, o 8bitdo SN30 Pro+ possui 20 horas contínuas de duração com a bateria, basicamente o dobro da duração do controle da Sony e para muitas pessoas, isso pode ser o suficiente. E ele não possui "mais bateria", a capacidade entre os dois é a mesma (1.000 mAh), a principal diferença é que o controle da 8bitdo consome metade da energia.

Extras

Além do que há externamente no controle, há dois recursos adicionais no 8bitdo SN30 Pro+, recursos que alguns de seus concorrentes não possuem:

  • Software configurável
  • Motion Controls (acelerômetro e giroscópio)

DOWNLOAD - Ultimate Software

Começando pelo software, temos primeiro aqui a aba de remapeamento de botões, onde é possível trocar a função de cada botão, do D-pad e dos botões adicionais do controle.

dois perfis, um para o Switch e outro para o X-Input (PC e Android), cada um podendo ter configurações diferentes.

Também, é possível configurar o botão da função especial (estrela), um botão que altera o funcionamento de outros botões quando pressionado em conjunto:

Há três opções:

  • Turbo (enquanto você segurar o botão/gatilho, o controle irá repetir ele para você, útil para jogos "Shoot Em' Up" e para Quick-Time-Events chatos)
  • Hold (mesma função que o Turbo, mas funciona ao contrário, o botão/gatilho é repetido quando você solta ele e para de ser repetido enquanto segura. Também útil para "Shoot Em' Ups", mas não é útil para QTEs)
  • Burst (aperte uma vez e o botão/gatilho será reconhecido como se você tivesse pressionado ele 3 vezes)

Para ativar qualquer uma delas, basta primeiro segurar o botão/gatilho que deseja configurar e depois apertar a estrela. Para desativar, basta repetir o mesmo processo.

Infelizmente você só pode usar um por perfil. Por exemplo, se você quer usar o modo Turbo, mas o seu controle está configurado com Burst, não há como trocar enquanto joga, terá que conectar o controle pela USB, abrir o software da 8bitdo, trocar, sincronizar, desconectar o controle e só então reconectar ele.

Indo em frente, aqui podemos configurar os analógicos, configurando a dead-zone e também a área de limite, também havendo a possibilidade de inverter os analógicos.

Já na próxima aba, há o controle dos gatilhos. É possível ajustar o "ponto de início" (onde o gatilho começa ser reconhecido) e também o "ponto final" (onde o valor alcança 100%). Pode-se aumentar o ponto inicial caso o seu controle esteja tendo algum problema, e também pode-se diminuir o ponto final, o que acaba deixando os gatilhos "mais sensíveis", o que pode ser interessante para jogos de FPS/TPS por exemplo.

Na aba seguinte há o controle de vibração, onde pode-se deixar ela mais fraca ou até desligar ela para economizar bateria:

E agora chegamos à aba de macros, onde você provavelmente vai ficar surpreso ou irritado com o fato de um controle ter isto (curiosamente, controles da Astro, Scuf, Razer, Mad Catz e nem mesmo o Xbox One Elite Controller possuem isto!).

É possível salvar quatro sequências de botões na memória interna do 8bitdo SN30 Pro+. Para fazer a sequência que deseja, basta apertar o botão referente, pode-se até configurar os botões adicionais do controle para esta função, ou até botões normais. Por exemplo, pode-se configurar um combo no botão "coração", outro golpe no botão "estrela"... Ou então que pressionar o botão R2 faça um revolver ter todas as suas balas atiradas o mais rápido o possível.

E você pode, é claro, ficar apertando um botão repetidamente para que algum combo de algum jogo de luta, seja repetido infinitamente até que seu adversário perca.

Há duas formas de utilizar este controle no computador, a primeira é ligando o controle no modo XInput (Segurando "X" e apertando Start antes de ligar), que fará ele ser reconhecido pelo sistema operacional como sendo um controle do Xbox One, sendo compatível com todo e qualquer jogo que detecte os controles da Micrososft.

Neste modo, basicamente quase qualquer jogo moderno que tiver suporte para controles, irá reconhecer o controle sem problema nenhum, seja jogos na Steam, Epic Games ou Microsoft Store (que costuma ter problemas com alguns controles que usam "drivers" para funcionarem). Em nossos testes, ele não apresentou nenhum problema de compatibilidade, com exceção de jogos que não possuem suporte para qualquer controle (ex: DUSK).

A segunda forma para conectar ele em seu PC, é simulando um controle do Nintendo Switch, ligando ele através do modo "Switch" (Segurando "Y" e apertando Start antes de ligar).

O computador e nem jogos irão reconhecer o controle automaticamente neste modo, sendo necessário instalar o BetterJoyForCEMU para que o controle possa ser reconhecido e utilizado. A grande vantagem deste modo, é que ele permite que você tire proveito dos Motion Controls que o controle possui.

E por qual motivo alguém iria querer usar Motion Controls? Bom, vários, mas pode-se usar para Gyro Aiming em conjunto com o analógico para mirar em jogos de FPS ou TPS, pode-se usar em jogos de corrida como um "volante", em flight games como um "manche", etc...

Sei que muitas pessoas infelizmente vão falar algo do nível de "Ah, Motion Control é besteira, se fosse bom todos os jogos do PS4 usavam e o Xbox One teria!", mas vamos tentar manter a mente aberta, pessoal. A quantia de pessoas que usam Motion Controls em plataformas como o Nintendo Switch e também no mercado Mobile, não é brincadeira.

Ninguém troca totalmente os analógicos pelo Motion Controls, eles servem para suplementar os analógicos, especialmente quando você precisa fazer ajustes mínimos com maior precisão, e nesta questão a movimentação do giroscópio é muito mais parecida com um mouse do que com a movimentação dos analógicos. A ideia é usar os analógicos para controlar a câmera e o gyro para controlar a mira.

Continuando a review, usar os Motion Controls do 8bitdo SN30 Pro+ no emulador CEMU (Wii U) é muito fácil, basta instalar o cemuhook na pasta do CEMU e abrir o BetterJoyForCEMU. Depois é só abrir o emulador e configurar o controle, se não tenha configurado ainda.

Já no caso do emulador Yuzu (Nintendo Switch), primeiro abra o BetterJoyForCEMU. Depois abra o Yuzu, acesse configurações, controles, avançado, clique na caixa "Motion / Touch" e dentro desta janela, selecione "CemuhookUDP" em "Motion Provider". Pronto.

E no caso do Dolphin (Gamecube e Wii), é um tanto complicado. Primeiro, baixe este arquivo de configuração e mova os arquivos .INI para "Documents\Dolphin Emulator\Config\Profiles\Wiimote". Abra o BetterJoyForCemu e agora abra o Dolphin > Opções > Configurações de Controle > Fontes de entrada alternativa > Ativar.

Volte para Configurações de Controle e clique no botão Configurar ao lado de "Wii Remote Emulado". Agora, é só carregar o perfil "JoyCons" no canto superior direito.

Nestes emuladores, assim como no próprio Nintendo Switch, o 8bitdo SN30 Pro+ funciona perfeitamente, seja para realizar ações simples com o acelerômetro (ex: jogar o chapéu no Mario Odyssey) ou até para mirar usando o giroscópio.

O problema acaba sendo jogos da Steam, a qual não detecta o controle no modo Switch. Nem mesmo usando o BetterJoyForCEMU no modo de simulação do DualShock4, a Steam será capaz de reconhecer os Motion Controls do 8bitdo SN30 Pro+.

Para podermos usar o Giroscópio do 8bitdo SN30Pro+ em jogos da Steam e outras plataformas, você terá que configurar ele como um mouse nas configurações do BetterJoyForCEMU.

Nestas configurações, eu obtive resultados "mistos", o resultado depende muito do jogo. Em alguns jogos, tal como Aim Labs, obtive resultados simplesmente excelentes, para eu que estou acostumado jogar FPS há anos usando mouse e teclado, mirar com o giroscópio é muito mais natural e preciso do que com os analógicos.

Já no APEX Legends, usar o controle ao mesmo tempo que o mouse, faz com que o cursor fique "travando", fazendo com que a mira do giroscópio se torne imprecisa. Creio que isto seja uma incompatibilidade pelo jogo estar reconhecendo um "controle e mouse" ao mesmo tempo.

Então eu recomendaria o 8bitdo SN30 Pro+ para usar os Motion Controls em jogos da Steam? Não, para esta função, o DualShock 4, Switch Pro Controller ou Steam Controller serão melhores, pois possuem configurações pré-prontas na Steam e o giroscópio/acelerômetro que eles possuem, são reconhecidos pela mesma, o que infelizmente não é o caso do controle da 8bitdo. Espero que isso mude no futuro e que o SN30 Pro+ também receba suporte. Mas se você não vai utilizar os recursos dos Motion Controls ou se só vai usar eles em emuladores, tudo isso é indiferente.

Conclusão

O 8bitdo SN30 Pro+ é simplesmente um dos melhores controles do mercado atual, especialmente para quem precisa de um controle com um Dpad melhor do que o do Xbox One, e uma melhor experiência em PCs do que o DualShock 4.

Link para compra do 8Bitdo SN30PRO+

A resposta de todos os botões é excelente, a resposta dos gatilhos é excelente, o problema do L e R que o modelo anterior possuía, foi resolvido, o Dpad é fantástico, ele possui 4 modos de operação (X-Input, D-Input, Switch e macOS), função Turbo e é completamente configurável através do seu software.

O fato do controle ser compatível com o Nintendo Switch e possui Motion Controls, é algo que pode ser visto como bastante vantajoso para pessoas que curtem curtem jogos retro ou até mesmo emuladores.

Incluir uma bateria removível junto com o controle e também permitir pilhas, foi algo genial, pois resolve alguns dos pontos fracos dos controles do PS4 e Xbox One. Quando a bateria original viciar, é fácil trocá-la ou pode-se começar usar pilhas. Também, quem quiser uma duração ainda maior do que as 20 horas contínuas da bateria original (o dobro que o DS4), pode também usar pilhas de alta capacidade.

Há coisas que poderiam melhorar? Na minha opinião, os gatilhos não passam confiança, parecem que irão quebrar se o controle cair no chão e há pouquíssima resistência, não é muito fácil "sentir e controlar o quanto você está pressionando eles", mas há quem prefira gatilhos leves assim mesmo.

São gatilhos que provavelmente vão agradar quem joga jogos onde você usa o gatilho para atirar ou para apenas "pisar no pedal" (ex: Mario Kart), mas não são ideais para quem quer o "melhor controle" para jogar Project Cars por exemplo.

Embora o atual preço importado de R$ 317 não seja muito convidativo para algumas pessoas, especialmente considerando que é possível comprar no Brasil o DualShock 4 na faixa de R$ 250 e o controle do Xbox One na faixa de R$ 450, há de se considerar que o 8bitdo SN30 Pro+ é um controle extremamente completo, sendo configurável (ainda mais do que o Xbox One Elite ou Astro C40) e permitindo/incluindo tanto bateria, quanto pilhas, algo que não é possível no DS4 e não é incluso no Xbox One (e a bateria original é muito cara!).

Ele não é exatamente um controle "Custo x Benefício", o 8bitdo SN30 Pro+ é um controle topo de linha, similar ao Razer Raiju Mobile, Xbox One Elite Controller e Astro C40 TR. Embora ele não seja um controle com "foco em FPS" por não possuir "paddles" ou "analógicos customizáveis" assim como estes, o que ele proporciona é uma melhor experiência em jogos de luta e plataforma devido ao melhor Dpad, assim como também uma melhor experiência geral devido à alta duração da bateria e possibilidade de usar pilhas. Ah, e seu preço é consideravelmente menor do todos estes (pelo menos importado).

Link para compra do 8bitdo SN30 Pro+  [ Cupom: BGSN3029 ]

Resumidamente: para FPS, o controle Xbox One Elite será melhor. Para uso geral, jogos de plataforma e luta, o 8bitdo SN30 Pro+ apresenta mais vantagens e um menor preço, e isto é muito interessante para jogadores de PC, que em sua maioria não vão utilizar um controle para FPS e sim apenas para estes outros gêneros onde o 8bitdo possui vantagem. Ah, e para emuladores, onde ele também é melhor por possuir Motion Controls.

Logo, o 8bitdo SN30 Pro+ pode ser um controle "caro", mas ainda assim vejo ele como um excelente investimento.


PRÓS
Acompanha bateria e também aceita pilhas!!!
Analógicos com excelente resposta, basicamente a mesma que o controle do Xbox One
Bateria dura 20 horas, o dobro do que o DualShock 4
Botões com excelente resposta
Excelente D-pad, firme, macio e mesmo assim extremamente preciso
Totalmente configurável via software
Um dos únicos controles do mercado que possui macros salvas na memória interna
CONTRAS
Gatilhos aparentam ser mais frágeis do que os do Xbox One e alguns competidores
Tags
  • Redator: Wellington Diesel

    Wellington Diesel

    Formado em Redes de Computadores, o "wetto" é um entusiasta do ramo de Periféricos. Autor do Guia do Teclado Mecânico, ele carrega consigo mais de 150 análises de mouses, teclados e headsets publicadas, além de diversos Guias e Artigos sobre teclados, mouses e headsets. Respeitado pela comunidade do Adrenaline, ele trabalha à distância como colaborador.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.