ASUS RoG GeForce RTX 2080 Ti - Placa de vídeo de alto desempenho praticamente perfeita

Acabamento de primeira qualidade associado a um excelente sistema de resfriamento
Por Fabio Feyh 03/02/2020 20:00 | atualizado 09/02/2020 10:12 comentários Reportar erro

Mesmo há mais de um ano no mercado, as placas de vídeo com GPU GeForces RTX 2080 Ti continuam sendo as mais rápidas do mundo para gamers. E para tentar se diferenciar, as empresas buscam melhorar seus projetos com esse GPU. Hoje iremos analisar um modelo que talvez tenha o melhor de todos os projetos, a ASUS ROG GeForce RTX 2080 Ti MATRIX, placa com sistema de cooler a AR e líquido juntos, mas diferente de outros modelos com liquid cooler, a 2080 Ti MATRIX tem o radiador sobre o PCB da placa, e "externo" ligado via tubulação flexível. Isso faz com que esse modelo una as vantagens do sistema líquido de resfriamento com a praticidade de uma placa com porte tradicional, sem precisar da montagem de um sistema customizado de resfriamento.

A melhor GeForce RTX 2080 Ti já desenvolvida!?

Site oficial da ASUS RoG MATRIX RTX 2080 Ti

Com um projeto tão diferenciado assim, que alias, quando se trata da linha MATRIX a ASUS só lança de tempos em tempos, não esperem um produto barato e nem com desenvolvimento em larga escada, custando em seu lançamento $1.900 dólares, ou seja, uma placa para colecionadores. Acreditem, ela chegou a ser comercializada no Brasil, mas apenas 10 unidades.


Especificações da placa
Começamos pelas especificações da placa comparada com outros modelos:

Comparativo

ASUS GeForce RTX 2080 Ti MATRIXEVGA GeForce RTX 2080 Ti FTW3ASUS GeForce RTX 2080 Ti Strix OCNVIDIA GeForce RTX 2080 Ti FE

Preços

Preço no lançamentoU$ 1.900,00 U$ 1.349,99 U$ 1.199,00 U$ 1.199,00
Preço atualizadoU$ 1.900,00 U$ 1.349,99 R$ 6.999,00 R$ 6.999,00

Especificações da GPU

Processo de fabricação12nm Finfet 12nm Finfet 12nm Finfet 12nm Finfet
PCI-Express bus3.0 3.0 3.0 3.0
ChipTuring TU102 Turing TU102 Turing TU102 Turing TU102
Clock do GPU1350 MHz1350 MHz1350 MHz1350 MHz
Clock do GPU (Turbo)1800 MHz1755 MHz1660 MHz1635 MHz

Especificações das Memórias

Tecnologia da RAMGDDR6 GDDR6 GDDR6 GDDR6
Interface de largura de BUS352 bit 352 bit 352 bit 352 bit
Quantidade de RAM11GB 11GB 11GB 11GB
Clock das memóriass1850 MHz1750 MHz1750 MHz1750 MHz
Clock efetivo14800 MHz14000 MHz14000 MHz14000 MHz
Largura de banda651.2 GB/s616 GB/s616 GB/s616 GB/s

Características Gerais

Shading Units4352 4352 4352 4352
TMUs272 272 272 272
ROPs88 88 88 88
Pixel Rate158.4 GPixel/s154.4 GPixel/s145.2 GPixel/s143.9 GPixel/s
Texture Rate489.6 GTexel/s477.4 GTexel/s448.8 GTexel/s444.7 GTexel/s
Performance de pontos flutuantes15.67 GFLOPS15.276 GFLOPS14.362 GFLOPS14.231 GFLOPS

Design

Pinos de alimentação2x 8 pinos 2x 8 pinos 2x 8 pinos 2x 8 pinos
Suporte à combinação de placasNVLink 2-way NVLink 2-way NVLink 2-way NVLink 2-way
Tipo de SlotDual-slot Dual-slot Dual-slot Dual-slot
Comprimento da placa310 mm267 mm300 mm267 mm
TDP250 W250 W250 W250 W
Fonte recomendada650 W650 W650 W650 W
Conexões de vídeo2x DisplayPort 1.4, 2x HDMI 2.0B, 1x USB Tipo-C 3x DisplayPort 1.4, 1x HDMI 2.0B, 1x USB Tipo-C 3x DisplayPort 1.4, 1x HDMI 2.0B, 1x USB Tipo-C 3x DisplayPort 1.4, 1x HDMI 2.0B, 1x USB Tipo-C

Recursos

DirectX12.1 12.1 12.1 12.1
OpenCL2.0 2.0 2.0 2.0
OpenGL4.6 4.6 4.6 4.6
Shader6.4 6.1 6.1 6.1

Extras

ExtrasSistem de cooler híbrido a ar e líquido


Fotos

É um projeto realmente muito diferente, com acabamento primoroso. Além do sistema de cooler a ar e líquido com o radiador junto ao PCB, ela traz um LED com efeito infinito na parte superior, que gera um visual muito bonito.

E como estamos falando de uma placa com radiador junto ao PCB, isso tornou a placa mais parruda que o normal, ocupando um total de 3 slots, sendo um dos modelos mais "espessos" que já passaram por aqui, apesar de algumas placas baseadas apenas em sistemas a ar ficarem no mesmo nível.

Em conexões, segue o padrão do modelo referência, sendo três DisplayPort e uma HDMI e uma USB-C.

Na comparação com a GeForce RTX 2080 Ti Founders, chega a ser engraçado a diferença de proporção em todos os sentidos, comprimento, altura, largura e peso. São projetos muito diferentes, ficando apenas por conta das conexões de vídeo a semelhança.


Sistema utilizado

Utilizamos uma máquina topo de linha baseada em uma mainboard Gigabyte Z390 Aorus Xtreme com processador Intel Core i9-9900K overclockado para 4.7GHz em todos os cores, além de 16GB de memórias através de 2 módulos de 8GB em dual-channel e frequência de 3200MHz. A ideia é evitar que o sistema seja um limitador para o desempenho das placas de vídeo testadas, já o overclock para 4.7GHz considera evitar mudanças no sistema que acabem influenciando os resultados.

Antes dos testes, fotos da placa instalada no sistema utilizado em todas nossas reviews de placas de vídeo.

Mais abaixo, os detalhes da máquina, sistema operacional, drivers e softwares/games utilizados nos testes, também um vídeo mostrando a máquina de review utilizado em todos os testes de placas de vídeo:

Máquina utilizada nos testes:
- Processador Intel Core i9-9900K @ 4.7GHz em todos os cores - Análise
- Placa-mãe Gigabyte Z390 Aorus Xtreme - Site oficial
- Kit de memórias G.SKILL TridentZ Royal 2x8GB 3200MHz - Site oficial
- SSD HyperX Fury RGB SSD - Análise
- SSD WD Black M.2 NVMe 1TB - Análise
- Sistema de refrigeração liquida Cougar Helor 360 - Site oficial
- Fonte de energia Cougar CMX 1000W - Site oficial
- Gabinete Cougar Conquer - Site oficial
- Monitor Samsung U28E590D 4K 60Hz - Site oficial

Sistema Operacional e Drivers:
- Windows 10 Pro 64 Bits
- NVIDIA GeForce 441.41

Aplicativos/Games:
- V-Ray Benchmark (aplicativo de renderização)
- 3DMark (Fire Strike Ultra 4K DX11 / Time Spy Default DX12/ Port Royal Default)
- Assassin´s Creed Odyssey (DX11)
- Battlefield V (DX12)
- Forza Horizon 4 (DX12)
- Metro Exodus (DX12 e Ray Tracing)
- Resident Evil 2 Remake (DX11)
- Shadow of Tomb Raider (DX12)
- The Division (DX12)

GPU-Z
Abaixo a tela principal do GPU-Z mostrando algumas das principais características técnicas da placa.


Overclock

Um projeto tão diferenciado merece ir um pouco além, mesmo já sendo uma placa overclockada. Subimos o clock do GPU de 1350MHz em modo default para 1435MHz, em modo turbo ele ficou definido em 1885MHz, mas supera os 2GHz em gameplay pelo sistema de resfriamento manter o GPU em temperaturas baixas. As memórias subimos de 14.8GHz para 16GHz. Vale destacar aqui que é uma das poucas placas do mercado que já traz overclock de fábrica nas memórias, normalmente os fabricantes optam por overclockar apenas o GPU de fábrica.

Para o processo utilizamos o software da própria Asus, sem alterar a tensão.

OBS.: Faça overclock por sua conta e risca


Consumo de energia

Também fizemos testes de consumo de energia com todas as placas comparadas. Todos os testes foram feitos em cima da máquina utilizada na análise, o que dá a noção exata do que cada VGA consome. Vale destacar que o valor é o consumo total da máquina e não apenas da placa de vídeo. Dessa forma, comparações com testes de outros sites podem dar resultados bem diferentes.

Para o teste de carga, rodamos o 3DMark - aplicativo que exige um pouco mais do sistema e da placa de vídeo do que grande maioria dos games.

OBS.: No teste rodando o aplicativo 3DMark, consideramos 10W como margem de erro, devido a variação que acontece testando uma mesma placa.


Temperatura

Iniciamos nossa bateria de testes com um critério muito importante: a temperatura do chip, tanto em modo ocioso como em uso contínuo.

É importante destacar que algumas placas possuem sistema que desliga os fans quando a GPU não está sendo exigida, como ao executar tarefas simples do Windows ou mesmo games mais simples. Por isso, existem temperaturas consideravelmente acima de alguns modelos nessa situação, mas que na prática não comprometem a placa. De acordo com as fabricantes, esse recurso aumenta o tempo de vida útil além de consumir menos energia. Sendo assim, podem existir diferenças grandes na temperatura do modo ocioso, o que não caracteriza uma placa ruim caso a temperatura seja alta.

Por que a placa ficou com temperatura menor quando overclockada?
Essa é uma situação normal nas placas atuais. A rotação do FAN (ou dos FANs, dependendo o modelo) fica mais rápida e consequentemente fazem o GPU resfriar mais rapidamente, em alguns casos com temperatura menor do que em situação normal.

Por que a placa com sistema de cooler referência tem temperatura em modo ocioso menor que uma placa com cooler teoricamente melhor?
Porque placas de vídeo atuais com projetos de cooler melhores tendem a desligar os FANs quando a temperatura fica abaixo de números como 40, 45 ou mesmo 50 graus, assim quando os FANs ficam desligados a tendência é que a GPU não baixe a temperatura mais do que o limite que desliga os FANs.

Primeiro vamos ao teste das placas com o sistema em modo ocioso:

Para o teste da placa em uso, medimos o pico de temperatura durante os testes do 3DMark rodando em modo contínuo.

OBS.: As temperaturas podem variar bastante de acordo com a região do país, sistema onde a placa está instalada e teste utilizado.


V-Ray
O teste V-Ray Benchmark utilizado consiste no resultado de renderização com uso do GPU, um bom teste para ver como as placas podem ajudar a diminuir o tempo de trabalho em aplicações gráficas. Quanto menor for, melhor é o desempenho.


3DMark


Começamos pelos testes sintéticos, utilizando aplicativos específicos para medir o desempenho das placas.

3DMark
Rodamos a versão mais recente do aplicativo da Futuremark com dois testes, o Fire Strike em modo Ultra 4K e o Time Spy em modo normal baseado em API DirectX 12. Abaixo, os resultados:

Abaixo o novo teste Time Spy que roda sobre a API DirectX 12:

O próximo teste é apenas para os modelos com suporte a Ray Tracing, logo, ao menos por enquanto, sem nenhuma placa da AMD.


Testes em games


Agora vamos ao que realmente importa: os testes de desempenho em alguns dos principais games do mercado.

Para ajudar a entender os gráficos a seguir: acima de 60fps é o ideal para monitores que operam nessa frequência. Quanto mais próximo dos 30fps, pior vai ficando a fluidez e, abaixo dos 30, o jogo começa a ficar "não jogável"


Assassin´s Creed Odyssey
O game de mundo aberto da Ubisoft é muito exigente no hardware, tanto na complexidade das cidades e seu estresse para o processador quanto os detalhes dos modelos e sua carga na placa de vídeo. Em geral, esse é um game que beneficia bastante as placas GeForce, penalizando bastante as placas Radeon mesmo meses após o lançamento e a chegada de novos drivers.


Battlefield V
O game desenvolvido pela DICE segue como uma referência de qualidade gráfica, operando tanto na API DirectX 12 quando 11. O jogo também se tornou um marco nos games para PC ao ser o primeiro a introduzir a técnica de Ray Tracing híbrido da Nvidia através das placas GeForce RTX.


Forza Horzion 4
O game exclusivo da Microsoft se destaca pelo excelente uso da api DirectX 12, entregando altos níveis de desempenho em hardware potentes e bons resultados mesmo em hardwares mais limitados.


Metro Exodus
Novamente a franquia Metro é responsável por introduzir um game com novos níveis de exigência para o hardware. Com gráficos capazes de "entortar" placas de vídeo, o jogo da 2A Games também se destaca por introduzir tecnologias como o Ray Tracing e o DLSS, recursos exclusivos da linha GeForce RTX.


Red Dead Redepmtion 2
Novo game da RockStar, com belíssimos gráficos e uma boa referência para medir o comportamento das placas de vídeo. Nosso teste considera o game rodando sobre a API Vulkam, que se comportou melhor tanto em placas AMD como NVIDIA.


Shadow of Tomb Raider
O mais recente game da franquia da Lara Croft, Shadow of Tomb Raider traz ótimos gráficos, prometendo muito das placas de vídeo, mesmo os modelos de alta performance. O game também tem suporte a DirectX 12 e será um dos primeiros a suportar a tecnologia Ray Tracing.


Tom Clancy's The Division 2
The Division 2 usa um motor gráfico próprio desenvolvido pela Ubisoft Massive, lidando com cenários complexos e grandes quantidades de partículas na tela.


Ray Tracing - Metro Exodus


Para os testes com a tecnologia Ray Tracing, escolhemos o exigente Metro Exodus, considerado um dos games com a melhor qualidade gráfica atualmente.


Conclusão

Esses projetos são incríveis! É muito legal pegar uma placa desse nível e ver o cuidado em todos os aspectos, nesse caso ainda mais por trazer um sistema hibrido de liquid cooler e ar com o radiador "junto" ao PCB, algo completamente fora da curva quando falamos de placas de vídeo. A Cooler Master já lançou um liquid cooler para CPU com o radiador junto ao block, mas em placas de vídeo é a primeira vez. Normalmente o radiador fica "separado" do PCB e ligado pelos tubos.

Projeto diferente de tudo que existe com resultado final sensacional

O resultado é uma placa sensacional, com acabamento de altíssima qualidade, desempenho entre as melhores do mercado, um típico projeto para quem quer o que existe de melhor, mas que certamente deve ser considerada apenas por quem tem muita grana e quer um produto diferente, não pelo que ela realmente entrega em termos de performance sobre o valor cobrado.

O desempenho da RTX 2080 Ti Matrix não vai fugir muito de outras placas com mesmo GPU, na verdade isso vale para qualquer outro modelo, não tem muito para onde correr, forçar a placa de mais em um overclock de fábrica tentando alcançar qualquer coisa acima de 5% no desempenho final é arriscado de mais para um produto comercial, ou seja, não esperem nunca modelos revolucionários dentro de qualquer linha com mesmo GPU, tirando logicamente casos como o recente da RX 5600 XT, onde a AMD liberou os parceiros atualizarem a BIOS de alguns modelos transformando a placa, isso porque esse modelo estava trabalhando bem abaixo do que poderiam. Dito isso, essa MATRIX como qualquer outra RTX 2080 Ti é o que existe de melhor para quem quer alta qualidade com alta resolução, sendo a melhor opção para 4K nesse cenário.

Ainda conseguimos dar um gás extra para a placa overclockando o GPU e memórias, mas que ao meu ver nem tem sentido pelo ganho alcançado e porque ela já roda tudo em taxas bem altas. Aqui vale destacar que é uma das poucas placas que já traz as memórias overclockadas, isso deixa ela a frente de outros modelos também com overclock de fábrica, mas que não mexeram nos clocks das memórias.

Quer jogar em 4K qualidade alta? Placas com GPU RTX 2080 Ti são as melhores opções certamente

Links de modelos RTX 2080 Super na Pichau

A ASUS GeForce RTX 2080 Ti MATRIX realmente é uma placa espetacular, mas quanto custa? Custa um valor que não tem nenhum sentido se você pensa em custo vs beneficio, alias, se isso já é algo ruim quando falamos de qualquer placa de alto desempenho como as RTX 2080 Ti, imagina de uma placa que custa praticamente o dobro das demais e tem desempenho cerca de 5% a 10% acima? Então esquece, é o tipo de produto que tem seu preço relacionado ao projeto como um todo e não apenas pelo que ele entrega no final. A RTX 2080 Ti MATRIX deve ser a melhor placa com esse GPU no conjunto da obra, e sei que existem outros projetos muito bons, mas melhor não quer dizer necessariamente que é a melhor opção com esse GPU. Modelos que custam uma diferença acima de 15% a 20% acima dos mais baratos com mesmo GPU deixam de ser atrativos pelo resto dos diferenciais técnicos que porventura trazem já que esse ramo tem mudanças rápidas e a depreciação acompanha essa rapidez.

Resumindo, uma baita placa de vídeo, mas só se você tem muita grana sobrando, até porque os primeiros modelos foram lançados a mais de ano. Mas que é uma placa "cavala", sim, é de babar...

PRÓS
Projeto espetacular e provavelmente a melhor RTX 2080 Ti já desenvolvida
A GPU melhor para quem busca o melhor desempenho em games
Performance para jogar em 4K/Ultra/60fps
Suporte a recursos como DLSS e Ray Tracing
CONTRAS
Não traz ganhos significativos de desempenho comparado a outras RTX 2080 Ti
Preço exorbitante
  • Redator: Fabio Feyh

    Fabio Feyh

    Fábio Feyh é sócio-fundador do Adrenaline e Mundo Conectado, e entre outras atribuições, analisa e escreve sobre hardwares e gadgets. No Adrenaline é responsável por análises e artigos de processadores, placas de vídeo, placas-mãe, ssds, memórias, coolers entre outros componentes.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.