ANÁLISE: Motorola Moto G4

Um ótimo aparelho, mas que descaracteriza linha Moto G

A edição deste ano do Moto G, o Moto G4, foi provavelmente a que mais trouxe mudanças para o popular modelo "intermediário" da Motorola. Agora chefiado pela Lenovo, temos um aparelho bem maior do que seus antecessores, com uma variante que oferece mais recursos e uma faixa de preço um pouco menos competitiva do que a de costume. Será que essas mudanças deram certo? Vamos tentar responder na nossa análise do Moto G4!

Comparativo

Motorola Moto G4Motorola Moto G 2015 (3ª geração)Asus Zenfone 2Samsung Galaxy J7 Duos

Preços

Preço no lançamentoR$ 1.299,00 R$ 900,00 R$ 1.399,00 R$ 1.299,00
Preço atualizadoR$ 1.299,00 R$ 850,00 R$ 1.299,00 R$ 900,00

Especificações

Armazenamento interno|16GB| |8GB||16GB| |16GB||32GB| |16GB|
Cartão microSDAté 128GB até 32GB
Memória RAM2GB 2GB 4GB 1.5GB
Número de núcleos8 4 4 8
Portas de conexão|Micro-USB| |Micro-USB| |Micro-USB| |Micro-USB|
Sistema OperacionalAndroid 6.0 Android 5.1 Android 5.0 Android 5.1
Update disponível para o sistemaNão informado Android 5.1
ProcessadorSnapdragon 617 Qualcomm Snapdragon 410 Atom Z3580 Exynos 7580
Clock1.5GHz GHz1.4 GHz2,3 GHz1.5 GHz
GPUAdreno 405 Adreno 306 PowerVR G6430 Mali-T720MP2
Bateria3.000mAh mAh2.470 mAh3000 mAh3000 mAh
Dimensões153 x 76,6 x 7,9 ~ 9,8mm mm142.1 x 72.4 x 6.1~11.6 mm152.5 x 77.2 x 10.9 mm mm152.2 x 79.1 x 7.9 mm
Peso157g g155 g170 g169 g

Recursos

GPSSim Sim Sim Sim
Leitor de DigitalNão Não
LTESim Sim Sim Sim
NFCSim Não Sim
Número de cartões SIM2 2 2 2
RadioSim Sim Sim Sim
Tipo de cartão SIMMicro SIM Micro SIM Micro SIM Micro SIM
TV DigitalSim Sim
Bluetooth4.2 4.0 v4.0 4.1
ExtrasFlash da tela e Moto Maker Certificação IPx7 ZenUI, ZenMotion, DoubleTap Flash frontal

Display

Resolução1080 x 1920 720 x 1280 1080 x 1920 720 x 1280
Tamanho5.5 polegadas 5 polegadas 5.5 polegadas 5.5 polegadas
TecnologiaTFT LCD IPS IPS Super AMOLED
ProteçãoCorning Gorilla Glass 3 Corning Gorilla Glass 3

Câmera

Vídeos1080p 60 fps 1080p 30 fps 1080p 30 fps 1080p 30 fps
Traseira13MP 13 13 MP 13
Frontal5MP 5 5 MP 5

Design e Tela


Bonito, discreto e um pouco desajeitado

O Moto G4 tem um design bastante discreto e elegante, o que é muito bem-vindo num aparelho que acabou ficando tão grande. Estranhamente, mesmo oferecendo uma versão "Plus" para o aparelho, a Lenovo optou por apenas um tamanho de tela, o de 5,5''. Apesar das bordas estreitas, o design fino e o tamanho da tela resultaram num aparelho um pouco desajeitado para se usar com uma mão só. O conjunto de câmera e flash oferecem uma quase imperceptível protuberância, que acaba nem contando como um ponto negativo e não atrapalha o smartphone em nenhuma superfície. 

A textura áspera da traseira ajudaria na pegada se ela tivesse algum contato com a palma da mão quando se usa o aparelho. A Motorola sempre ganha pontos na parte do design por causa do Moto Maker, plataforma onde é possível personalizar o aparelho com muita variedade. São 8 opções de cores para a traseira e 5 para os detalhes, oferecendo ainda as já conhecidas possibilidades de se gravar uma palavra no aparelho e de escolher uma saudação para quando ele liga. Um ponto negativo que aparece aqui vai se repetir algumas vezes na análise: a ausência de recursos em relação à versão "Plus" do aparelho. No Moto G4 padrão não é possível escolher outra opção de cores para a frente e laterais do aparelho, enquanto no Moto G4 Plus é. Aqui já começamos a sentir a primeira impressão de que a Lenovo lançou duas opções de modelos, mas ela quer mesmo é q você compre a Plus.

A tela do aparelho é o que encontramos no segmento, tanto na resolução como no tamanho. O Full HD, aliás, é mais do que suficiente para um smartphone deste porte. Entretanto, como ela não tem destaque na qualidade e tampouco vem com alguma proteção, a sua tecnologia LCD acaba contando como ponto negativo em relação aos concorrentes que acabam oferecendo opções mais bonitas, especialmente o J7 com seu Super AMOLED, e onde muitos dos rivais também chegam equipados com o IPS.

- Continua após a publicidade -

Performance e Autonomia


Rápido e responsivo, mas a bateria deixa a desejar

O Moto G4 tem uma ótima performance que funciona sem engasgos mesmo nos aplicativos mais pesados, ou se alternando entre vários apps diferentes abertos ao mesmo tempo. O smartphone segura muito bem qualquer tipo de uso e cumpre o prometido. A tela é sensível e responsiva e o dispositivo não deixa a desejar levando em conta o segmento em que está e sua faixa de preço.

Já na parte de autonomia que as coisas ficam um pouco "estranhas". No teste sintético o aparelho se saiu muito bem. Sair com 71% da bateria no teste que sempre fazemos aqui no Adrenaline não é uma marca nada ruim, como pode ser visto até no comparativo abaixo. Mas essa autonomia teórica não se mostra na prática. Apesar de seus 3.000mAh, o Moto G4 mal chega ao fim do dia sem preocupar o usuário moderado e certamente não completa o dia na mão de um usuário mais intenso. Apenas 4 horas de uso mais intenso foram necessárias para levar o smartphone dos 100% aos 15% da bateria. Além disso, o aparelho simplesmente não conseguiu completar o teste de autonomia do PCMark por motivos desconhecidos. Ele trava no meio, nos privando de um gráfico comparativo extra de sua autonomia, justo no teste mais completo que realmente simula uma pessoa usando o aparelho.

E aqui vai outra desvantagem incompreensível em relação à versão "Plus". O Moto G4 Plus vem com o carregador TurboPower, que recarrega o smartphone bem mais rápido, e o G4 padrão não. Ele vem com um carregador mais rápido que a média, mas a diferença não é tão relevante assim. Se você vai precisar recarregar seu aparelho muitas vezes, seria melhor que este processo fosse pelo menos acelerado, não?

Câmera


Fotos rápidas e de boa qualidade

- Continua após a publicidade -

A câmera, como em muitos modelos deste segmento, é boa. Nada espetacular, mas as fotos são completamente satisfatórias para o que o aparelho se propõe e é o aplicativo da câmera é ágil e rápido. Isso combinado com o sistema de gestos para acessar atalhos da linha Moto resulta numa ótima experiência com a câmera do aparelho. Um pequeno balançar da mão e você já está tirando fotos com boa qualidade e sem demora.

Da maneira que já virou padrão para quase qualquer smartphone, o Moto G4 conta com tecnologia HDR, que pode ser definido como ligado, desligado ou automático, em que ele se ativa sozinho se o software "entender" que a imagem precisa. As fotos abaixo foram tiradas com ele desligado e no automático, momento em que o smartphone "decidiu" ativar o HDR pra essa situação:

No comparativo a câmera também se saiu bem:

Boa Luz

- Continua após a publicidade -

Pouca Luz

Flash

Recursos e Extras


As vantagens e desvantagens de não mexer no Android

Os smartphones da linha Moto sempre foram elogiados por fazerem parte da lista dos aparelhos que menos faz modificações no Android. Isso, de fato, traz vantagens, como um sistema bastante otimizado e responsivo, sem bloatware e sem aplicativos que o usuário não queria e que ficam pesando ou atrapalhando na experiência. Por outro lado, também não há muitos recursos e extras e a versão padrão do Moto G4 ainda sai numa desvantagem extra por não ter o leitor de digitais incorporado em sua versão "Plus".

Mas são mantidos aqui alguns extras que já estrearam há algum tempo na linha Moto e que são muito bem-vindos, como os diferentes movimentos de mão para ativar recursos, principalmente o da câmera. Aliado à qualidade do software e boa performance, esse recurso permite tirar fotos quase imediatamente com uma simples sacudida da mão. 

O Moto Maker também conta como um bom extra para o aparelho, apesar de ser um pouco limitado no Moto G4 e com uma opção de cor a menos que o G4 Plus.

O Moto G4 é um ótimo aparelho. Ele não chega impressionando como seus antecessores e o valor também já não é mais tão atrativo, mas dentro do seu segmento continua sendo uma opção muito válida. O maior "problema" dele mesmo não é nem dele, mas sim da decisão da Lenovo a respeito do Moto G4 Plus. Por uma diferença de apenas R$ 200 (no valor sugerido), você consegue o mesmo aparelho, mas com sensor de digitais, uma câmera melhor, carregador TurboPower e tem uma opção extra de cor ainda por cima. Fica muito difícil justificar a aquisição de um Moto G4 com a opção "Plus" estando disponível no mercado.

Mas, quem quiser optar por economizar esses R$ 200 ainda vai ter um aparelho bastante confiável, com excelente performance e câmera rápida e satisfatória.Só é bom aproveitar essa economia e investir também num power bank.

Conclusão

 

Avaliação: Motorola Moto G4

Design
8.0
Performance
9.0
Autonomia
6.5
Recursos
7.0
Preço
6.0
Câmera
8.0

PRÓS
Design bonito e discreto
Moto Maker
Ótima performance
Câmera ágil e satisfatória
Sistema limpo e sem bloatware
CONTRAS
Tela "sem vida" abaixo dos concorrentes
Autonomia deixa muito a desejar no uso diário
Carregador TurboPower faz falta
Diferença muito pequena de preço em relação ao Plus
Tags
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.