ANÁLISE: Asus Zenfone 2

Depois de ter um resultado super positivo com os Zenfones 5 e 6 no Brasil, a Asus quer dar continuidade ao sucesso da linha com o Zenfone 2. Lançado nesta quarta-feira, dia 20, no país, o smartphone chega para competir em uma nova categoria, tanto no desempenho quanto no preço, e não vai substituir os modelos anteriores da linha. Com 4GB de memória RAM, algo raro no mercado, a versão com 16GB vai ser vendida por R$1.299,00. Já o modelo com 32GB sai por R$1.499,00.

Especificações e Comparativo

Comparativo

Asus Zenfone 2Samsung Galaxy S6Apple iPhone 6LG G4

Preços

Preço no lançamentoR$ 1.399,00 R$ 1.900,00 R$ 1.900,00
Preço atualizadoR$ 1.299,00 R$ 1.900,00 R$ 1.900,00

Especificações

Armazenamento interno|16GB||32GB| |4GB||8GB||32GB||64GB||128GB| |16GB||64GB||128GB| |32GB|
Cartão microSDAté 128GB
Memória RAM4GB 3GB 1GB 3GB
Número de núcleos4 8 2 6
Portas de conexão|Micro-USB| |Micro-USB| |Micro-USB|
Sistema OperacionalAndroid 5.0 Android 5.0 iOS 8.0 Android 5.0
Update disponível para o sistemaAndroid 5.1 iOS 9.3 Não informado
ProcessadorAtom Z3580 Exynos 7420 Apple A8 Qualcomm Snapdragon 808
Clock2,3 GHz2.1 GHz1.4 GHz1.8 GHz
GPUPowerVR G6430 Mali-T760MP8 PowerVR GX6450 Adreno 418
Bateria3000 mAh2550mAh mAh Li-Po 1810 mAh mAh3000 mAh mAh
Dimensões152.5 x 77.2 x 10.9 mm mm143.4 x 70.5 x 6.8mm mm138.1 x 67 x 6.9 mm mm148.9 x 76.1 x 9.8mm mm
Peso170 g138g g129 g g155g g

Recursos

GPSSim Sim Sim Sim
Leitor de DigitalSim Sim Não
LTESim Sim Sim Sim
NFCSim Sim Sim Sim
Número de cartões SIM2 1 1 1
RadioSim Sim
Tipo de cartão SIMMicro SIM Nano SIM Nano SIM Micro SIM
TV DigitalNão
Bluetoothv4.0 4.1 v4.0 4.1
ExtrasZenUI, ZenMotion, DoubleTap Carregamento por indução e Quick Charger 3.0 Coprocessador de movimento M8, Apple Pay Foco laser, carregar por indução, Quick Charge 2.0

Display

Resolução1080 x 1920 1440 x 2560 740 x 1334 1440 x 2560
Tamanho5.5 polegadas 5.1 polegadas 4.7 polegadas 5.5 polegadas
TecnologiaIPS Super AMOLED IPS IPS Quantum
ProteçãoCorning Gorilla Glass 3 Corning Gorilla Glass 4 Vidro ionizado Corning Gorilla Glass 4

Câmera

Vídeos1080p 30 fps 2160p 30 fps 1080p 60 fps 2160p 30 fps
Traseira13 MP 16MP 8 MP 16 MP
Frontal5 MP 5MP 1.2 MP 8 MP

Design e tela

Ao pegar o Zenfone 2 na mão, a primeira coisa que você percebe é que ele ficou mais confortável de segurar, embora a ergonomia já não fosse um problema da linha anterior do Zenfone. A traseira é mais arredondada e as bordas são mais finas, melhorando a pegada do smartphone. Essa redução na medida das bordas fez com que os botões saíssem da lateral direita. Enquanto os de volume estão na parte de trás, embaixo da câmera, o de desligar foi para a parte de cima do aparelho. Uma combinação que não deu muito certo. Com os botões de volume, até rola acostumar, mas ao pressionar o botão de desligar você se sente um pouco inseguro, porque meio que empurra o smartphone para baixo. Sem falar que é um local difícil de acessar enquanto você está usando o aparelho, mesmo se tiver mãos grandes. Fica meio que na contramão. Sabendo disso, no entanto, a Asus trouxe o toque duplo na tela para desbloquear e bloquear o Zenfone 2. Assim o botão da parte de cima só é utilizado pra desligar o aparelho, mesmo.


Os botões de voltar, home e multitarefa continuam sendo físicos e não virtuais. E eles continuam não acendendo, o que incomoda um pouco quando você usa o aparelho no escuro.

O acabamento é de qualidade e a capa traseira removível encaixa certinho no corpo do Zenfone 2. Os detalhes no estilo aço escovado deixam o aparelho bem bonito, com uma aparência mais sofisticada. E ele não fica com aquele aspecto sujo, com marcas de dedos aparentes. É um dos benefícios de uma traseira de plástico que imita o aço escovado.

A tela do Zenfone 2 é de 5,5 polegadas e, embora tenha 0,5” a mais que o Zenfone 5, o aparelho não sofreu uma mudança brusca no tamanho. Para conseguir isso, a Asus reduziu as extremidades, principalmente na parte de cima, e encolheu um pouco aquele detalhe em círculos concêntricos, na parte de baixo. Assim, a tela ocupa um espaço maior no corpo do smartphone.

- Continua após a publicidade -

Tela essa que é Full HD, com 1920x1080p, possui tecnologia IPS e vidro Gorilla Glass 3 (embora já exista o Gorilla Glass 4), que oferece resistência a pancadas e arranhões – mas isso não significa que seja indestrutível, ok?  Ela oferece boa fidelidade de cores e permite assistir a vídeos, navegar na internet e jogar games com detalhes de qualidade. A leitura sob luz forte do sol é tranquila com brilho máximo de tela ativado e as cores não distorcem mesmo se você olhar de um ângulo não muito convencional. O vidro, no entanto, reflete o suficiente para causar um pouco de incomodação, mas nada exagerado.

 

Câmera

Assim como nos Zenfones 5 e 6, a Asus vem promovendo bastante a câmera do Zenfone 2. Isso porque, além de ela vir com uma nova versão da já conhecida tecnologia PixelMaster e o modo Pouca Luz, traz também um recurso novo chamado de Super HDR que melhora o balanço de luz e deixa visíveis objetos e cenários ao fotografar contraluz, por exemplo. É um recurso muito legal, e que funciona muito bem. Olha só.


Outra tecnologia da câmera que merece ser destacada é o modo Super Resolução, que gera imagens de até 52 megapixels, capturando melhor os detalhes do cenário. Na prática, isso permite que você dê um zoom maior na imagem para conseguir visualizar melhor as nuances de um ambiente ou objeto.

Com 13 megapixels, a câmera do Zenfone 2 entrega cores fieis e nítidas, com bons contrastes e balanço de branco. Em situações com luz ideal, a qualidade é excelente. Granulações aparecem apenas ao fotografar em ambientes com pouca luminosidade. As opções são usar o flash ou ativar o modo pouca luz, que deixa a imagem mais clara. Veja, abaixo, um comparativo entre o Zenfone 2 e as câmeras do Galaxy S6 Edge e iPhone 6 Plus.

- Continua após a publicidade -

Boa Luz

Pouca Luz

Flash

A câmera frontal de 5 megapixels com lente grande angular de 85° também é um trunfo do aparelho. Assim, ela enquadra mais do ambiente à sua volta - ou mais amigos - quando for tirar a famosa selfie. Um recurso bem legal que ela traz, ainda, é a selfie panorâmica. Com isso, a Asus pretende matar o pau de selfie, tirando fotos de até 140°. A imagem da câmera frontal está à altura da resolução. O software dela ainda traz o modo “embelezamento” para dar alguns ajustes na imagem. Mas é o embelezamento modo oriental, permitindo afinar o rosto e aumentar os olhos. Se exagerar, vai acabar criando um personagem de anime.

Multimídia

- Continua após a publicidade -

Ao contrário dos Zenfones 5 e 6, o Zenfone 2 vem com rádio FM. Eu achava que era um recurso desprezado, até que um colega levou isso em consideração para escolher o seu smartphone. Logo, merece ser citado aqui. É só conectar o fone de ouvido, que funciona como antena - e como recurso para evitar que as pessoas ouçam suas músicas (ao menos as do rádio) sem fone, com volume bem alto nos ônibus e metrôs da vida.

Mas em algumas situações, isso é permitido. E quando você quiser usufruir da caixa de som do Zenfone 2, vai ter ao alcance uma qualidade de som alta, com graves e agudos bem definidos para um smartphone.

Funcionalidades

O Zenfone 2 já vem Android 5.0 Lollipop de fábrica. Você percebe que está com a versão mais recente do sistema na barra de notificações e no gerenciador de multitarefa, que mantiveram a animação padrão do Lollipop. Nos demais momentos, o que você vê é a interface customizada da Asus, a ZenUI. Essa interface traz recursos bacanas, como a possibilidade de acessar aplicativos já na tela de bloqueio. E no Zenfone 2, ela vem com duas outras funções. Uma super útil, que é os dois toques na tela para desbloquear, e outra que só lembro para citar na análise: a Zenmotion, que permite abrir recursos desenhando um atalho na tela.

Desempenho 

Aqui está o maior destaque do Zenfone 2. Ele é um dos raros aparelhos a vir com 4GB de memória RAM. No Brasil, é o primeiro. E é perceptível esse poder todo tanto na abertura de aplicativos quanto na transição entre eles, que acontece rapidamente. E dá pra deixar vários apps abertos e ir alterando entre eles tranquilamente, sem lentidão ou travamentos. Assim como nos Zenfones 5 e 6, o Zenfone 2 vem equipado com um processador da Intel. A versão que vem com o smartphone é um Atom Z3580 de 2,3GHz. Ele manda muito bem na hora de rodar jogos e aplicações mais pesadas, entregando bons gráficos e boa performance. Mas, como um bom processador Intel, tem vezes que esquenta bastante e se torna desconfortável.

Em nossos testes de benchmark, o Zenfone 2 figura sempre na quarta posição, com bons resultados, mas longe do topo. 

Autonomia

No entanto, o alto desempenho significa maior consumo de energia. Embora o Zenfone 2 tenha uma bateria de 3000mAh, ela dura um dia inteiro somente se o uso for bem controlado. Se às 8 da noite você resolver dar uma corridinha e ouvir músicas no aparelho, para garantir que você volte com carga pra casa, vai ser necessário carregar um pouco antes de ir. A dica é usar o aparelho sempre no modo equilibrado de energia.

E o nosso teste de autonomia comprova isso. Já que o Zenfone 2 chega para competir com aparelhos topo de linha, segundo a própria Asus, a sua bateria dura o mesmo que os aparelhos do segmento, como o Galaxy S6 e o Moto X 2014 e abre uma pequena vantagem em relação ao iPhone 6.

Apesar disso, um trunfo do Zenfone 2 é carregar a bateria muito rápido. A Asus promete carregar 60% em 39 minutos graças à tecnologia TurboBoost. Promete e cumpre. Eu cronometrei e constatei que isso ocorre. Para isso, no entanto, é necessário ter um adaptador especial que vai vir com as versões de 4GB do Zenfone 2.

O Zenfone 2 é um ótimo aparelho. Ele entrega uma experiência de uso super rápida graças aos 4GB de RAM e as câmeras frontal e traseira geram imagens de alta qualidade, além de possuírem recursos legais para fotografar. O smartphone permite a utilização de dois chips SIM, mas apenas um deles é compatível com rede 4G. O outro é apenas 2G. Embora tenha errado ao colocar o botão de desligar na parte de cima do aparelho, a Asus acertou ao disponibilizar o desbloqueio da tela através de dois toques. Entregando uma performance alta, sem travamentos ou lentidões, o Zenfone 2 chega ao mercado com um preço destruidor. Enquanto a versão mais potente custa R$1.499,00, o modelo de 16GB e sem carregador boostmaster vai ser vendido por R$1.299,00.

Entregando uma performance alta, sem travamentos ou lentidões, o Zenfone 2 chega ao mercado com um preço destruidor.

Conclusão

 

Avaliação: Asus Zenfone 2

Design
9.0
Câmera
9.0
Desempenho
10
Autonomia
7.5
Recursos
9.0
Preço
9.0

 

PRÓS
Design ergonômico
Tela Full HD
Não apresenta travamentos ou lentidões
Câmeras muito boas
Dois toques para desbloqueio de tela
Permite dois chips SIM
Carregamento rápido
Preço satisfatório para a categoria
CONTRAS
Sistema com alguns bloatwares
Esquenta com facilidade
Apenas um chip é 4G
Autonomia duvidosa, podendo te deixar na mão antes que acabe o dia
Vidro da tela poderia ser Gorilla Glass 4
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.