ANÁLISE: Chaves Kart

ANÁLISE: Chaves Kart

Desenvolvido pela colombiana Efecto Studios em parceria com a mexicana Slang Games, "Chaves Kart" é um jogo de corrida adaptado do desenho animado baseado no seriado "El Chavo del Ocho", mais conhecido no Brasil simplesmente como "Chaves". Por apresentar mecânicas jÁ consagradas em outras séries do gênero, como "Mario Kart" e "Crash Team Racing", o game não traz inovações significativas, mas tem todos os personagens da TV e seus respectivos bordões falados em português brasileiro, garantindo a imersão e a diversão das partidas.

Leia a anÁlise abaixo do game na versão para PS3. 


Da TV para os games

"Chaves Kart" não tem história; portanto, passamos direto para a jogabilidade. Os comandos bÁsicos são os de acelerar (R2), frear e derrapar (L2) para obter turbo de até três níveis. Os controles são bem precisos, responsivos e em menos de 10 minutos você jÁ estarÁ confiante de que pode vencer qualquer "treta" que vier pela frente. Como qualquer outro game do gênero, seu objetivo principal é participar de todas as corridas, somar o mÁximo de pontos possível e vencer todos os campeonatos. São 8 torneios com 5 provas cada, sendo que cada novo torneio é destravado assim que o anterior é vencido.

São, ao todo, 10 pistas baseadas no universo de "Chaves", incluindo a da temporada que o icônico personagem e sua turma vão para Acapulco, uma outra que explora o castelo da Bruxa do 71 e outras três pistas que homenageiam o Brasil, sendo que uma passa por dentro do estÁdio do Maracanã durante uma partida de futebol entre Brasil e México no Maracanã e outra que leva o jogador acima das nuvens direto ao Cristo Redentor. Algumas delas ainda têm uma versão "ao contrÁrio", o que dÁ uma certa variedade de traçados. Só é uma pena que nenhuma delas traga atalhos ou passagens secretas que deem vantagens e uma certa dose de estratégia às disputas.  

Ao todo, são 7 modalidades diferentes de competição: corrida normal, contra o relógio, sobrevivência, resistência, pique-bandeira, moedas e desafios. Cada uma delas propõe uma tarefa diferente para ser completada, com ou sem tempo específico. Essa variedade de conteúdo é muito bem vinda porque acrescenta ao título uma longevidade bem maior, saindo da Área de segurança padrão das corridas tradicionais simples que, embora sejam divertidas, não apresentam inovações significativas em relação a qualquer outro jogo do gênero. Ainda, algumas dessas modalidades, é possível até 4 jogadores locais se enfrentarem ao mesmo tempo, mas isso não é exatamente uma boa ideia, jÁ que a fluidez do jogo cai muito com travadas esporÁdicas e lentidões da engine. Além disso, um multiplayer online definitivamente faz falta.

- Continua após a publicidade -

O game traz os 12 principais personagens conhecidos pelos fãs do desenho animado: Chaves, Chiquinha, Quico, D. Florinda, Pópis, Professor Girafales, Chiquinha, Seu Madruga, D. Clotilde (a Bruxa do 71), Sr. Barriga, Nhonho e Godinez. É com certeza bem legal poder escolher o seu favorito e ir completando os desafios assim que forem ficando disponíveis, mas existe um problema consideravelmente grave aqui: os corredores não têm diferenças técnicas entre si, ou seja, nada de atributos distintos de velocidade, aceleração, dirigibilidade ou quaisquer outras características que os tornem únicos em relação uns aos outros. Todos reagem absolutamente da mesma forma, eliminando qualquer tipo de estratégia durante as partidas ou qualquer possibilidade de identificação com o jogador em virtude da vantagem de uma habilidade específica ou da desvantagem de uma delas poder colocar tudo a perder.


Desenho animado na sua tela - e em português

Os grÁficos de "Chaves Kart" não são revolucionÁrios e nem precisam ser. A proposta visual é seguir o mesmo padrão do desenho animado baseado no seriado de TV, ou seja, o uso de muitas cores, vÁrios detalhes de paisagens e que reproduza bem os locais reais que serviram de inspiração para os cenÁrios. Por exemplo, o Rio de Janeiro tem construções bem fiéis e traz os principais pontos turísticos da cidade. O design dos personagens e as suas animações também seguem esse conceito e não fazem feio. Os jogadores mirins é que com certeza vão se identificar mais com o aspecto mais familiar dos grÁficos.



JÁ a trilha sonora, apesar de ser divertida e de combinar bem com a proposta do jogo, traz músicas que costumam ser incansavelmente tocadas durante as partidas. Faltou variedade nas composições e na ordem que elas tocam. Mas isso é compensado pela excelente dublagem em português brasileiro, a mesma usada no desenho animado. Todas as vozes e os bordões jÁ conhecidas pelo público estão presentes e é muito imersivo ouvir durante as corridas um "não se misture com essa gentalha!" quando a D. Florinda acerta alguém com um item ou quando Nhonho fala "olha ele, olha ele!" quando é atingido por um adversÁrio.  


Considerações 

"Chaves Kart" consegue ser divertido mesmo sem trazer qualquer tipo de inovação ao gênero. Baseado no desenho animado da série de TV, o game traz todos os personagens conhecidos, vÁrias pistas, modalidades e desafios que vão prender os jogadores por algum tempo. A ótima dublagem em português brasileiro é um prato cheio aos fãs de "Chaves" e o visual bem colorido e familiar é totalmente indicado aos mirins. Vale a pena pelo menos um teste descompromissado com este jogo.

- Continua após a publicidade -

PRÓS
Personagens do seriado de TV
Dublagem em português com as mesmas vozes usadas na TV
Variedade de modos, desafios e pistas
GrÁficos coloridos bem amigÁveis
CONTRAS
Músicas muito repetivivas
Pistas sem segredos e sem atalhos (passagens secretas)
Falta de atributos específicos aos corredores
Multiplayer online faz falta; local com 4 jogadores é sofrível
Tags
  • Redator: Andrei Longen

    Andrei Longen

    Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Andrei Longen é entusiasta por videogames desde os 7 anos, quando ganhou um Odyssey 2, seu primeiro console. Hoje tem PS4, PS3 e PS Vita e adora caçar troféus em todos os jogos. Colabora no Adrenaline com notícias, análises, artigos, colunas e vídeos.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.