ANÁLISE: Seagate Wireless Plus 1TB

ANÁLISE: Seagate Wireless Plus 1TB

O Wireless Plus da Seagate é um HD Externo Wi-Fi com capacidade de 1TB que permite o streaming de vídeos e a transferência de arquivos de smartphones, tablets e notebooks sem a necessidade de um fio ligando os dispositivos. Ele promete streaming de até três filmes HD para três parelhos diferentes e a transferência de documentos e músicas para até oito dispositivos. Todo o gerenciamento dos arquivos, a reprodução e compartilhamento é facilitado pelo app Seagate Media, compatível com Android, iOS e Kindle Fire.

"Confira detalhes técnicos clicando aqui."

Para que o tablet ou smartphone não fique sem internet enquanto estÁ conectado ao Seagate Wireless Plus, o próprio HD funciona como hotspot. Ou seja, conectado ao HD, o aparelho estÁ conectado à internet.

Ele também pode ser utilizado em baias de gabinete e um encaixe permite a conexão do HD até em portas USB 3.0, como mostra a foto acima.

Especificações
Opções de interface: Wi-Fi, USB 3.0  
Altura: 19,9mm
Largura: 89mm
Comprimento: 127mm
Peso: 256g
HD: Seagate ST1000LM024 Sata 2 5400RPM

Streaming de mídia
A grande vantagem de um HD externo wi-fi é proporcionar o compartilhamento e o streaming de conteúdo sem ter o drive pendurado no tablet ou smartphone, mantendo a praticidade de um dispositivo de mão. Esse é o primeiro ponto positivo do Wireless Plus. Ele promete a transferência de até três filmes simultaneamente e cumpriu isso muito bem, sem gargalos ou travamentos.

- Continua após a publicidade -

Em nossos testes, fizemos o streaming com filmes inteiros de 480p, 720p e 1080p. Todos os tamanhos foram reproduzidos perfeitamente. É importante que o aparelho tenha capacidade para reproduzir o vídeo e possua os codecs necessÁrios. O que aparenta ser problema do HD ou da rede pode ser apenas uma mÁ configuração do dispositivo.

Se os filmes rodaram normalmente, as músicas também não teriam problemas. Mas e a transferência de arquivos? Quão Ágil é? Isso nós veremos a seguir.

Testes Sintéticos e autonomia da bateria
Testes sintéticos são considerados os testes nos quais um aplicativo simula situações para exigir o mÁximo de uma determinada tecnologia. No caso de drives de armazenamento, a velocidade de transferência de dados.

Utilizamos três drives nos comparativos: o modelo analisado, o WD My Passport 1TB, também USB 3.0, e mais um drive de HD padrão SATA 3 de 5200RPM da Seagate. Este último, conectado a uma porta SATA 3 da placa-mãe. Dessa forma, teremos uma noção da diferença entre um drive via conexão SATA e os demais via portas USB 3.0.

Abaixo, detalhes completos do sistema utilizado, baseado em uma mainboard com chipset Z77:

MÁquina utilizada nos testes:
- Mainboard Gigabyte GA-Z77X-UP7
- Processador Intel Core i7 3770K @ Stock
- Memórias G.Skill 8GB (2x4GB) ARES @ 1600MHz
- Fonte XFX 850W Black Edition
- Cooler CM TPC 812

Sistema Operacional e Drivers:
- Windows 7 Pro 64 Bits com updates

Aplicativos:
- HD Tune Pro 5.xx
- TeraCopy 2.27

Antes de começarmos com os testes, abaixo temos a tela do CrystalDiskInfo e do HD Tune Pro com alguns detalhes técnicos do drive. Curiosamente, um dos aplicativos mostra o drive interno sendo SATA 2 e outro, SATA 3. Na verdade, o Wireless Plus é SATA 2 (3.0GB/s) com 5400RPM, como pode ser visto nas especificações técnicas no site da Seagate. O HD Tune mostra a informação errada.

- Continua após a publicidade -

HD Tune Pro
Com o HD Tune, um dos aplicativos de testes de drives mais utilizados do mercado, iniciamos com o teste benchmark em "modo leitura" (read).

Também fizemos teste de desempenho no modo "File Benchmark", que coloca o drive em situação diferente do primeiro teste.

Transferência de arquivos
O teste prÁtico de cópia de arquivos consiste em enviar e receber (leitura e escrita) 16.72GB, organizados em pouco mais de 800 pastas e representando um total de 35 mil arquivos. Utilizando o aplicativo TeraCopy, copiamos as pastas/arquivos do drive analisado para um HD SATA 3 de 2TB, e depois fizemos o processo inverso.

Drive analisado para HD
Nesse teste copiamos as pastas/arquivos do drive analisado para o um HD Seagate Barracuda de 2TB padrão SATA 3. Esse seria o teste de leitura, jÁ que ele não escreve nada no drive analisado.

HD para drive analisado
Invertendo o processo, agora copiamos as pastas/arquivos do HD para o drive analisado, consistindo em um teste prÁtico de escrita, jÁ que os dados estão sendo gravados no drive. 

- Continua após a publicidade -

Aplicativo Seagate Media
Para gerenciar o conteúdo no tablet ou smartphone, a Seagate disponibiliza o aplicativo Seagate Media. Ele é compatível com iOS, Android e Kindle Fire. Através dele é possível acessar todos os arquivos e visualizÁ-los no dispositivo. A interface é intuitiva, de fÁcil utilização. Com o app o usuÁrio pode, também, acessar os arquivos que estão no próprio aparelho.

O Wireless Plus peca em não oferecer a opção de salvar um arquivo do HD para o smartphone ou vice-versa. Você só consegue incluir arquivos no dispositivo através de um computador. E caso queira salvar algum documento, imagem ou filme, só poderÁ fazer do HD para o PC, notebook ou outro dispositivo com conexão USB.

Conclusão
A grande vantagem do HD externo analisado é a praticidade de fazer transferências e streaming de mídia via wireless. Para os dispositivos móveis que não possuem porta USB, é uma boa solução de acesso a arquivos.

Embora seja possível acessar documentos e outras mídias, ele não permite salvar ou copiar arquivos do HD para o smartphone, tablet ou vice-versa. É uma opção que falta no app Seagate Media. A cópia só é permitida do e para o PC ou alguns outros dispositivos com USB.

Fora isso, a transferência e o streaming não apresentam problemas. É possível assistir a filmes sem travamentos e copiar e adicionar arquivos com boa velocidade via conexão USB. No caso do streaming, é importante destacar que mesmo durante um vídeo, os demais dispositivos conectados a ele não irão perder o acesso à internet. O Wireless Plus funciona como um hotspot. Conectado a ele, você estÁ conectado à internet.

A bateria tem uma autonomia boa, mas não excelente. Em modo ocioso, com uso moderado, dura até 10 horas. Mas reproduzindo filmes em HD num smartphone, o tempo de duração foi de quatro horas e meia.

Como na maioria dos produtos, o preço é bem elevado. Enquanto um HD externo de 1TB sem wireless pode ser encontrado por R$300,00, ou menos, o Wireless Plus estÁ na casa dos R$730,00.

UPDATE 29/10/2013: A Seagate liberou uma atualização para o aplicativo que passa a permitir o upload de arquivos do smartphone para o HD e que o usuÁrio possa salvar o conteúdo do drive no aparelho. Corrigindo, assim, os dois pontos negativos mencionados acima.

PRÓS
Ótimo desempenho
Wireless, USB 2.0 e USB 3.0
Aplicativo intuitivo
CONTRAS
App não possui a opção de transferir arquivos
Preço elevado
Assuntos
Tags
  • Redator: José Hüntemann

    José Hüntemann

    Jornalista formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, é fascinado por inovações tecnológicas. Gosta de internet, redes sociais, mobiles e futuro dos vestíveis. Mas o que mais lhe impressiona é a tecnologia que busca melhorar a vida das pessoas e não serve apenas como mero acessório. Nos games, é um zero à esquerda, mas está no pódio no campeonato de Just Dance da redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.