ANÁLISE: Cooler Master Elite 120 Advanced

ANÁLISE: Cooler Master Elite 120 Advanced

Recebemos para anÁlise da Cooler Master o Elite 120 Advanced, um gabinete compacto e desenhado para quem planeja montar um HTPC Gamer. O modelo custa cerca de 200 reais, tem 24 cm de altura e é compatível com uma placa-mãe formato Mini-ITX. Além disso, conta com espaço para fonte full size (ATX PS2), driver óptico e baias para HDs e/ou SSDs. Suporta apenas uma placa de vídeo, mas de qualquer modelo, incluindo os mais robustos, como a GeForce GTX 690 (dual-chip).

Cooler Master, empresa especializada em soluções térmicas, fundada em 1992, é hoje uma das maiores referências no ramo de tecnologia quando o assunto é refrigeração. Aproveitando a qualidade de seus produtos, a CM expandiu seus negócios produzindo um leque maior de hardware, passando a fabricar desde coolers para PCs, VGAs e notebooks, a fontes, mouses, fones e gabinetes.


{break::Especificações}

Abaixo as especificações  e fotos oficial do Cooler Master Elite 120 Advanced:

Modelo: Elite 120 Advanced
Part Number: RC-120A-KKN1
Cor: Preto
Dimensão (A / L / C): 240 x 207.4 x 401.4mm
Peso: 3.3 kg / 7.3 lbs
Material: Aço
Placa-mãe: Mini ITX
Baias 5.25: 1
Painel Frontal: USB 3.0 x 1 (interno), USB 2.0 x 2, Mic x 1, Áudio x 1 (suporta AC97 / HD Áudio)
Slots para expansão: 2
Fonte: Standard ATX PS2
Cooler Frontal: 120mm fan x 1, 1200 RPM, 19dBA
Cooler Lateral: 80x15mm fan x 1, 2000 RPM, 20dBA 

O gabinete suporta placas de vídeo de até 34,3cm (13.5inch), além de coolers com altura mÁxima de 6,5cm(2.5 inch). 

- Continua após a publicidade -

{break::Fotos}Dando sequência na review, vamos conferir algumas fotos do gabinete, que devido ao seu tamanho formato Mini-ITX vem em uma caixa bem menor do que modelos padrão ATX.

O acabamento é muito bom, padrão de outros modelos de ponta da Cooler Master. O gabinete chama a atenção de início para sua parte frontal, com dois conectores USB 2.0, um 3.0, conexão de microfone e fone de ouvido além de botão de liga/desliga e reset. É possível também notar o espaço para um drive de CD/DVD/Blu-ray.

- Continua após a publicidade -

Na parte interna, a CM adicionou suporte a 3 drives formato 3.5, incluindo possibilidade de se conectar drives formato 2.5, padrão comum em SSDs. Caso o usuÁrio não instale um drive óptico de 5.25, ainda é possível utilizar esse espaço para mais um HD.

Um detalhe interessante é que o cabo da porta USB 3.0 frontal jÁ é no novo padrão que se conecta direto na mainboard e não nas portas traseiras. O porém é que a CM não adicionou nenhum adaptador para caso a mainboard utilizada não possua essa conexão. 

O gabinete possui dois FANs, um na parte frontal formato 120mm de 1200RPM com 19dBA e outro na lateral oposta ao conector da placa de vídeo no formato 80mm de 2000RPM e 20dBA. Ainda é possível adquirir um cooler para HD formato 120mm.

- Continua após a publicidade -

{break::Silent Pro M2 720W}A Cooler Master nos enviou também a fonte Silent Pro M2 720W. É importante destacar que ela não acompanha o gabinete, mas serve como exemplo de um modelo que funcionaria muito bem por se tratar de uma fonte semi-modular, na qual o usuÁrio pode escolher quais os cabos vai utilizar e evitar cabos desnecessÁrios dentro do sistema, jÁ que ele é um gabinete compacto.


A fonte pertence à segunda geração da série Silent Pro M da Cooler Master, e apresenta um single rail de 12 V, capaz de fornecer energia a um PC de alta performance com processadores de até oito núcleos e múltiplas placas de vídeo em Crossfire ou SLI. Também conta com um dissipador de calor de alumínio e cobre, combinado com um fan Super Silent HDB de 135mm para controle da temperatura sem grandes ruídos. O Silent Pro M2 vem com garantia de 5 anos e ajuda na organização e limpeza do gabinete, permitindo que o usuÁrio escolha a maior parte dos cabos que vai utilizar.


Abaixo as especificações e algumas fotos: 

Modelo: RS-720-SPM2
Tipo: Intel Form Factor ATX 12V V2.3
Tamanho (L x A x P): 150 x 180 x 86 mm 
Voltagem de entrada: 90-264Vac (Auto Range)
Corrente de entrada: 11 – 5.5A
Alcance de frequência de entrada: 47 - 63Hz
PFC: PFC ativo (>0.9)
Power Good Signal: 100-500ms
Tempo de Hold Up: >17ms
Eficiência: Tipicamente 85%
MTBF: 100,000 Hours
Proteção: OVP/UVP/OCP/OPP/OTP/SCP
Capacidade de saída: 720W
Temperatura de operação: 0~40°C (Nominal Input Voltage)
Regulamentar: TUV / CE / UL / FCC / BSMI / GOST / C-tick / KC / CCC
Fan:135mm Hydraulic Dynamic Bearings
Certificado: 80 Plus Bronze
Conectores: - M/B 24 Pin Connector x 1
- CPU 4+4 Pin x 1
- PCI-E 6+2 Pin x 4
- SATA x 9
- 4 Pin Peripheral x 5
- 4 Pin Floppy x 1

{break::Instalação}A instalação do sistema é bastante tranquila dentro do Elite 120 Advanced, ao contrÁrio de outros modelos semelhantes, nos quais pelo tamanho bastante compacto, tudo fica mais difícil de ser instalado.

A CM planejou a parte interna para facilitar a vida do usuÁrio na instalação do sistema. Assim como outros gabinete padrão Mini-ITX, apenas 4 parafusos prendem a placa-mãe. Em seguida, basta fazer as conexões do gabinete à placa-mãe e aos demais hardwares do sistema.

É importante cuidar para prender o espelho traseiro da placa-mãe e testar se o cooler utilizado não gera limitação com a fonte de energia. Nós montamos uma mÁquina com uma placa-mãe Gigabyte GA-H77N-WiFi e um Intel Core i5 3570K com cooler box. Também usamos um kit de memórias Patriot Division 2 8GB 2133MHz, SSD Corsair Force Series GT 240GB e um HD WD Velociraptor de 1TB.  Além da placa de vídeo NVIDIA GeForce GTX 680 e da fonte Silent Pro M2 720W da própria Cooler Master.

É importante destacar que devido ao gabinete ter a fonte presa sobre a placa-mãe, existe um limite de altura entre o processador e a fonte. Dessa forma, o usuÁrio deve optar por coolers de no mÁximo 6,5cm de altura.

Abaixo temos uma série de fotos mostrando o processo de instalação e os hardwares utilizados.

Antes de fixar a fonte e parafusos no gabinete, recomendamos conectar todos os conectores de energia do sistema, para evitar que a falta de espaço interno complique a conexão de algum cabo, jÁ que após a fonte ser fixada serÁ ainda mais difícil manusear qualquer cabo internamente.

Caso o usuÁrio não instale um drive óptico pode utilizar o espaço do mesmo para organizar os cabos da fonte de energia se a fonte não for modular.

Apesar de testarmos o sistema com uma GeForce GTX 680 referência, o gabinete tem compatibilidade com modelos ainda maiores, como com a GeForce GTX 690, uma das maiores placas do mercado em comprimento. 

{break::Testes}Fizemos alguns testes de temperatura com o sistema utilizado. Os testes consistem em medir a temperatura mÁxima do CPU e da placa de vídeo em modo ocioso e rodando algumas aplicações. Confiram abaixo:

Temperatura CPU
Começamos pelos testes de temperatura do CPU, sendo que as temperaturas foram medidas com o sistema em modo ocioso, rodando o 3DMark11 e, por fim, o wPrime.

IDLE
Em modo ocioso, com o gabinete fechado, o processador ficou apenas um grau acima do gabinete sem a "tampa" que cobre a parte superior e as laterais, mostrando boa dissipação interna do calor através das saídas de ar criadas pela Cooler Master.

3DMark11
Rodando o 3DMark 11 o desempenho foi ainda mais interessante, sendo que a temperatura interna com o gabinete fechado foi a mesma quando ele aberto, mostrando a ótima eficiência dos coolers e do projeto de dissipação de calor do gabinete. Vale destacar que os coolers tem sua rotação aumentada na medida que as temperaturas vão aumentando.

wPrime
Em nosso teste mais exigente, no qual o CPU roda o teste 1024M do wPrime que coloca todos os núcleos em 100%, a temperatura foi muito boa quando com o gabinete fechado, comprovando o que vimos nos testes anteriores. Como podemos reparar abaixo o aumento foi de apenas 2 graus.

Temperatura da Placa de vídeo
Também fizemos testes de temperatura com uma GTX 680 montada no Elite 120 Advanced, afinal de contas ele é um gabinete HTPC gamer com suporte a placas de vídeo de alto desempenho.

IDLE
No primeiro teste, com o sistema em modo ocioso, podemos ver que a temperatura da GTX 680 aumentou 4 graus comparado ao sistema aberto. O baixo aumento da temperatura se da pelas dezenas de pequenos "buracos" na lateral do gabinete, justamente onde a placa de vídeo fica localizada, que facilita a dissipação do calor gerado por ela.

3DMark11
Comprovamos a eficiência da dissipação do calor com a placa em uso rodando o 3DMark11, onde o aumento foi de apenas 3 graus.

{break::Conclusão}

O segmento de gabinetes compactos vem crescendo a cada dia, afinal, a tendência de uma série de produtos é ocupar menos espaço e com a informÁtica não poderia ser diferente. Mesmo usuÁrios entusiastas procuram soluções que ocupem menos espaço e, justamente por se tratar de um tipo de público que prima pela qualidade associada ao desempenho, hardwares de ponta são obrigatórios. A Cooler Master conseguiu com o Elite 120 Advanced desenvolver um produto bastante compacto, sem deixar de lado o suporte ao que existe de mais avançado para se montar uma mÁquina de alto desempenho. Isso se deve, em especial, ao suporte a placas de vídeo de até 34,3cm, tornando possível instalar uma GeForce GTX 690 no sistema. Atualmente, temos excelentes placas-mãe formato Mini-ITX, em especial os modelos socket Intel LGA 1155, como o que utilizamos, suportando os melhores processadores Core i7 Ivy Bridge ou Sandy Bridge do mercado, como um Core i7 3770K, por exemplo.

Além de suportar hardwares de primeira qualidade, o acabamento dado ao gabinete é excelente e isso é um fator crucial jÁ que o sistema pode vir a ser utilizado junto a um sistema multimídia de uma sala por exemplo. Quando se trata de HTPC, utilizar ele ligado a uma TV estÁ entre seus principais atrativos.

Vale destacar também que o gabinete suporta até 3 drives formato 3.5 ou 4 drives formato 2.5, além de um drive 5.25, tamanho padrão de drives DVD e Blu-ray. Outro destaque bastante importante estÁ no suporte a fontes ATX. Como mostramos na review, a Cooler Master enviou junto, para demonstração, uma fonte Silent Pro M2 720W, modelo com alta capacidade e modular, outro detalhe bastante importante visto a limitação de espaço dentro de um gabinete compacto. Como demonstramos, se o usuÁrio não for instalar um drive óptico, vai ganhar espaço para organizar os cabos desnecessÁrios da fonte, caso a mesma não seja modular, impossibilitando remover os cabos desnecessÁrios. A limitação de 6,5cm na altura no cooler não é um problema, afinal o cooler BOX não passou aperto em nenhum momento, mesmo com o sistema sendo bastante exigido, mas sem overclock no processador. Caso o usuÁrio pretenda overclockar o chip, aí pode ser que a história mude.

A porta USB 3.0 frontal também é um atrativo, apesar de que o ideal seria ter duas portas nesse padrão localizadas na frente. Duas portas USB 2.0, uma entrada para microfone e uma para Áudio completam as conexões frontais, além do botão de power, reset e um LED do sistema.

Atualmente o preço do gabinete fica na casa de R$ 200,00, mas é possível encontrar por R$170, ou até menos. Se tratando de um produto bastante diferenciado no que diz respeito ao acabamento, é um preço muito bom, especialmente se compararmos com modelos concorrentes que chegam a custar o dobro. Talvez porque a CM atue no Brasil a bastante tempo e dessa forma consiga preços bem mais competitivos.

O Elite 120 Advanced estÁ entre as melhores soluções para se montar um computador compacto baseado em uma placa-mãe formato Mini-ITX, mesmo para aqueles que pretendem montar um sistema de alto desempenho com uma placa de vídeo HIGH-END.

 

PRÓS
Excelente qualidade e acabamento;
Porta USB 3.0 frontal;
Suporte a drive óptico de 5.25 (CD/DVD/Blu-ray);
3 baias para HD´s formato 3.5 ou 4 para 2.5;
Suporte a placas de vídeo que ocupam 2 slots e de alto desempenho como a GeForce GTX 690;
Ótimo desempenho na dissipação de calor e bastante silencioso, mesmo com o FAN frontal de 120mm.
CONTRAS
Posição da fonte gera limitação com altura do cooler do processador.
Assuntos
Tags
  • Redator: Fabio Feyh

    Fabio Feyh

    Fábio Feyh é sócio-fundador do Adrenaline e Mundo Conectado, e entre outras atribuições, analisa e escreve sobre hardwares e gadgets. No Adrenaline é responsável por análises e artigos de processadores, placas de vídeo, placas-mãe, ssds, memórias, coolers entre outros componentes.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.