ANÁLISE: Seagate GoFlex Satellite (500GB)

ANÁLISE: Seagate GoFlex Satellite (500GB)

A Seagate lançou em março de 2012 o GoFlex Satellite - um novo dispositivo de armazenamento externo com Wi-Fi. O aparelho conta com 500 GB de memória, uma porta USB 3.0 e bateria de íons-lítio, que promete até 5 horas de funcionamento em atividades de transferência contínua.

Como funcionalidade, pode-se realizar a transmissão simultânea de três filmes diferentes em HD para outros três dispositivos por streaming, usando um navegador da Web ou os apps gratuitos para iPad, iPhone e dispositivos Android.

Nas próximas pÁginas, traremos mais informações e uma anÁlise completa do funcionamento desse aparelho. Confira!

{break::Especificações}Trazemos nessa parte um vídeo produzido pela Seagate apresentando o dispositivo e as suas especificações técnicas.

Conectividade:

- Continua após a publicidade -
  • Wi-Fi (802.11 b/g/n);
  • Segurança WPA;
  • Alcance do Wi-Fi:  45 metros;
  • Buffer de Dados: 8 MB;
  • Rotações por minuto (RPM): 5400 RPM;
  • Porta SuperSpeed USB 3.0 (necessÁria para velocidades de transferência do USB 3.0) ou porta USB 2.0;

Bateria

  • Íon de Lítio (não-substituível);
  • Até 5 horas de transmissão contínua (1 usuÁrio) e até 25 horas no modo de espera;

Requisitos do sistema

  • Windows XP/Vista/7;
  • Mac OS X 10.5.8;
  • Porta SuperSpeed USB 3.0 (obrigatório para velocidades de transferência USB 3.0) ou porta USB 2.0;
  • iPad, iPod touch, smartphone, tablet ou computador com um navegador Web e conectividade Wi-Fi (802.11 b/g/n);

Especificações físicas: 

- Continua após a publicidade -

  • 500 GB de capacidade;
  • Dimensões: 120mm x 90mm x 22mm
  • Peso: 267 g;
  • Formato da unidade: NTFS

Conteúdo da caixa

  • GoFlex Satellite
  • Adaptador USB 3.0 com cabo amovível
  • Carregador de parede compacto com pinos retracteis
  • Carregador automóvel compacto
  • Cabo de alimentação USB para DC.
  • Guia de inicialização rÁpida

{break::Fotos}O GoFlex Satellite vem nas cores preto brilhoso na parte superior, preto fosco na inferior e prata nas laterais. O único detalhe é o logo da Seagate em branco e os LEDs indicativos, que tornam o conjunto simples e discreto.

- Continua após a publicidade -

Ele conta com duas entradas: a Sata, que inclui o adaptador para transformÁ-la em uma porta USB 3.0, e a do cabo de alimentação. Quanto aos botões, além do "power" para ligar, hÁ uma entrada "reset" na parte de trÁs do aparelho. O design torna a usabilidade bastante simples e facilita a vida de usuÁrios leigos.

{break::Cópia de arquivos - 4.5GB}Para iniciar a anÁlise das funcionalidades do dispositivo, realizamos um comparativo do tempo de transferência de arquivos do GoFlex Satellite pelo cabo USB 3.0.*

*Como podem observar através das fotos abaixo, o GoFlex o não permite a cópia de pastas e subpastas pelo diretório quando o ligamos a um dispositivo por wireless. Somente é possível através do aplicativo GoFlex Media (detalhamos nas próximas pÁginas), que permite apenas que um arquivo seja adicionado por vez. Por isso, não incluímos o Wi-Fi nesse teste.

Dividido em duas etapas, o teste consiste em copiar uma pasta com 5 arquivos que totalizaram em 4.5GB entre um PC e os dispositivos externos. 

Utilizamos para comparação com o GoFlex: o HD externo My Passport da Western Digital, um dos melhores e mais rÁpidos do mercado; e o Gauntlet Node, equipado com um HD de 160GB padrão Sata. Abaixo informações dos drives:


(GoFlex Satellite, Gauntlet com HD e WD My Passport)

PC para dispositivo externo
Transferindo o arquivo do computador para o dispositivo externo, o GoFlex Satellite realizou o processo em 1min50seg, o melhor tempo comparado aos outros HDs. O My Passport da Western Digital finalizou 10 segundos depois e o Gauntlet Node com HD de 160GB de baixo desempenho foi o mais lento, com um total de 3min e 45seg.

Quando utilizado o Gauntlet Node com SSD de 120 GB, o tempo caiu para metade quando comparamos com o GoFlex. No entanto, lembramos que esse tipo de drive oferece uma velocidade bastante superior aos HDs convencionais.

Dispositivo externo para PC
Como esperado, ao realizar o processo inverso, o mais rÁpido foi o Gauntlet Node com SSD que concluiu em menos de 50 segundos. Lembramos que esse tipo de drive oferece uma velocidade bastante superior aos outros utilizados.

Quanto aos HDs, o pódio dessa vez ficou com MyPassport que finalizou em 1min13seg, seguido pelo GoFlex com 1min35seg. O Node com HD também foi o mais lento nesse teste e realizou em 1min48seg.

 

{break::Cópia de arquivos - 16GB}Nessa parte, realizamos um teste para analisar o dispositivo trabalhando com um número maior de pastas e arquivos, totalizando em 16GB. Da mesma forma que na pÁgina passada, fizemos um comparativo de tempo através do cabo USB 3.0 com o GoFlex, o Gauntlet com HD e com o SSD e o WD My Passport.

Via USB 3.0 

PC para dispositivo externo
Quanto testamos a transferência do arquivo de 16GB do computador para o dispositivo, o GoFlex finalizou em 8min14seg, o segundo melhor tempo entre os HDs. O pódio dessa categoria ficou com o Western Digital My Passport que transferiu o total em 7min12seg, enquanto o Node com HD realizou o processo no maior tempo (quase 16min).

O Gauntlet com SSD mais uma vez foi o mais rÁpido com 3min20seg. Lembramos que esse tipo de drive oferece uma velocidade bastante superior aos outros utilizados.

Dispositivo externo para PC
Dessa vez, realizamos o processo contrÁrio: do Node para o PC. O Gauntlet com SSD alcançou novamente o melhor tempo com 3min5seg, mostrando que o SDD é superior em testes desse tipo. O GoFlex ficou na segunda colocação com 5min39seg, seguido pelo WD My Passport. O Gauntlet com HD alcançou o maior tempo mais uma vez, totalizando mais de 8 minutos.

{break::Streaming e autonomia da bateria}Para analisar o streaming de arquivos do GoFlex para dispositivos móveis, começamos utilizamos um smartphone Galaxy SII (GTI9100) e o filme Batman - O Cavaleiro das Trevas com 4.0 GB, 720p (HDTV) e formato AVI. De uma forma geral, o smartphone rodou muito bem o filme, sem apresentar qualquer travamento. Ao passar o player direto para outra parte do filme, a continuação também foi fluída. O único fator contrÁrio foi a abertura, que demorou de 2 a 3 minutos para ocorrer, mas ainda é normal quanto ao tamanho do arquivo utilizado.

Dessa vez, acrescentamos mais um smartphone (Galaxy SIII) para analisar a reprodução do filme em 720p quando realizada simultaneamente em dois dispositivos. Como no primeiro teste, os dois celulares se saíram muito bem, com uma reprodução fluída e sem travamentos. O mesmo se aplica ao passar o player para outra parte do filme, que trouxe uma continuação rÁpida. A abertura também foi um pouco lenta, mas manteve praticamente o mesmo tempo quando utilizado somente 1 smartphone.

Durante esses testes, analisamos também a qualidade do streaming através da distância entre os dispositivos móveis e o GoFlex. Nesse caso, notamos travamento quando separamos o smartphone do GoFlex por 8 metros e meio (distância com obstÁculos de 2 paredes), tanto com o filme em 480p quanto em 720p. Esse fator torna-se um ponto negativo, uma vez que o dispositivo promete uma distância de Wi-Fi de até 45 metros.

Para finalizar os testes de reprodução, utilizamos os dois smartphones e o mesmo filme (Batman - O Cavaleiro das Trevas) em Full HD, com 6.63 GB e formato AVI. Enquanto o Galaxy SII teve uma reprodução dificultosa, com Áudio e vídeo travando todo o tempo, o Galaxy SIII rodou o filme muito bem, sem apresentar qualquer travamento. No caso, o dispositivo móvel utilizado poderÁ interferir na qualidade do streaming, mas comprova-se o bom desempenho do GoFlex Satellite rodando filmes em Full HD via WiFi. Além disso, destacamos que o fator tamanho do arquivo é crucial nesse caso, pois um filme com cerca de 10GB provavelmente apresentaria problemas.

Concluindo essa seção, trazemos os testes de autonomia da bateria do GoFlex. Utilizado o Galaxy SII e o filme em 720p e 4GB, o dispositivo de armazenamento aguentou mais de 4 horas em atividades de streaming contínuo, um tempo muito bom comparado a outros dispositivos desse tipo atualmente no mercado. O Gauntlet Node da Patriot, que jÁ analisamos aqui, descarregou com 3h30 fazendo streaming de um filme com menor tamanho (548MB).

{break::App GoFlex Media} O aplicativo GoFlex Media tem uma interface simples e bastante intuitiva. Como podem visualizar através das fotos abaixo, as divisões dos menus entre vídeos, fotos, músicas e documentos, além das cores, facilitam muito a vida de usuÁrios leigos. Para quem desejar conectar a internet simultaneamente ao GoFlex, basta clicar no ícone representativo ao Wi-Fi logo acima no menu, que fornecerÁ uma lista de redes disponíveis.

Quando utiliza-se o Wi-Fi no notebook, abre-se uma janela do navegador com uma interface adaptada de utilização. Assim como no aplicativo para dispositivos móveis, a navegação é muito simples e prÁtica. No entanto, acrescentamos uma limitação: o sistema oferece somente a opção de adicionar um documento por vez, impedindo a cópia de pastas ou subpastas para o dispositivo. Confira nas fotos abaixo:

{break::Conclusão}O GoFlex é um aparelho que traz um diferencial por fornecer o conceito de streaming para dispositivos móveis, que muitas vezes não possuem grande capacidade para armazenar filmes. O fato dele tornar possível ao usuÁrio assistir filmes em FullHD, como testamos nas últimas pÁginas, em seu smartphone, tablet ou televisão sem a utilização do cabo ou da memória interna é interessante e prÁtico.

Além disso, acrescenta-se o fato do dispositivo ter uma porta USB 3.0, que oferece um bom desempenho quanto à transferências de arquivos, o que nos faz economizar tempo em cópia de arquivos mais pesados. O único inconveniente é o aparelho não permitir a transferência de pastas ou subpastas via Wi-Fi, pois o sistema restringe a cópia de um documento por vez. Por mais que a transferência por wireless seja bem mais demorada, esse fator seria uma vantagem de utilização quando não estivéssemos com o cabo USB por perto.

De uma forma geral, o aparelho corresponde as expectativas de design, bateria e desempenho. No entanto, tem um valor comercialmente muito alto (800 reais) se compararmos à HDs externos com mesma quantidade de memória sem wireless (média de 200 a 400 reais). Nos Estados Unidos, ele foi lançado por 199 dólares e o preço caiu para metade atualmente. Se esse desconto chegar ao Brasil, o GoFlex se tornarÁ uma opção além de interessante, muito atrativa para compra.

O GoFlex Satellite é um dispositivo muito bom, pois oferece uma nova funcionalidade direcionada aos dispositivos móveis e tem o desempenho esperado quanto as atividades de streaming e transferências de arquivos via USB, entretanto, ainda possui um preço muito alto para ser comprado no Brasil.

PRÓS
Wi-Fi
Interface de uso simples e intuitiva
Realiza streaming de filmes FullHD
CONTRAS
Não permite transferência de pastas e subpastas de arquivos via Wi-Fi (somente 1 documento por vez)
Preço alto no Brasil
Assuntos
Tags
  • Redator: Carolina Franco

    Carolina Franco

    Com pouca habilidade no playstation, leva surra de toda na redação. Seu vício são os games para celular e as tecnologias mobile. Desde que passou a cursar jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina, descobriu nas notícias sua verdadeira vocação: escrevê-las e publicá-las agilmente.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.