ANÁLISE: Intelbras WRH 241

ANÁLISE: Intelbras WRH 241

 HÁ alguns meses analisamos o roteador WRN 240, que tinha como objetivo ser uma solução completa para redes domésticas e de pequenas e médias empresas. Um dos pontos altos do aparelho era o design simples e funcional, algo que voltamos a ver neste produto que analisamos, o Intelbras WRH 241.


Com o mesmo design simples e bonito, com a aba na lateral servindo como base quando girada, o WRH 241 traz um diferencial em relação ao outro modelo que testamos: uma porta USB para conectar um modem 3G. Esta porta torna possível conectar e compartilhar a conexão do modem 3G entre os dispositivos conectados na rede.

{break::Especificações e fotos}O roteador Intelbras WRH 241 traz o diferencial de possui uma porta USB para conexão de um modem 3G, que serÁ compartilhado entre os computadores conectados na rede via WiFi ou por cabo. Tem suporte aos principais tipos de conexão de rede, como tecnologias WiFi IEEE802.11 b/n/g e as tradicionais conexões tipo ethernet. Também opera com os principais padrões de segurança, como o WEP de 64/128 bits, WPA/WPA2, WPA-PSK/WPA2-PSK com TKIP/ AES.

Outro recurso interessante do roteador é a tecnologia "Fail over", que alterna automaticamente entre a conexão via 3G ou Ethernet, de acordo com a situação. O roteador pode acionar o modem 3G, caso identifique que o ligação com a internet caiu via o cabo de rede, evitando que a pessoa fique sem acesso à internet.







Especificações

  • Dimensões     C x L x A: 160 x 120 x 30 mm
  • Fonte de alimentação
    Entrada: 100-240 VAC 50-60 Hz
    Saída: 5 VDC 1,2 A
  • Padrões IEEE802.11b, IEEE802.11g, IEEE802.11n
  • Parâmetros Wireless - Antena     Externa removível de 5 dBi
  • Parâmetros Wireless - Distância de transmissão até 100 m de cobertura indoor / até 300 m de cobertura outdoor
  • Parâmetros Wireless - Espalhamento espectral DSSS (Espalhamento espectral de sequência direta)
  • Parâmetros Wireless - Segurança     WEP de 64/128 bits, WPA/WPA2, WPA-PSK/WPA2-PSK com TKIP/ AES
  • Chipset Ralink RT5350F
  • SDRAM 32 MB (16 MB x 16 bits / 166 MHz)
  • Conectores externos     1 interface USB para inserção modem 3G/ 1 interface RJ45 Ethernet (WAN)/ 1 botão WPS/ 1 botão de Reset/ 4 interfaces RJ45 Ethernet (LAN)/ 1 interface de para fonte de alimentação
  • Consumo mÁximo     6 W
  • Temperatura de operação 5 ºC a 50 ºC
  • Temperatura de armazenamento -20 ºC a 50 ºC
  • Peso 298 g (incluindo a fonte de alimentação) 

{break::Design e configuração}O WRH 241 possui um design muito similar ao do WRN 240, com linhas simples, poucos detalhes e tamanho compacto. A grande sacada do modelo é uma haste giratória na lateral, que pode ser usada para manter o roteador em pé, ou ficar praticamente imperceptível quando deixamos o roteador na posição horizontal.

As conexões ficam localizadas na parte posterior, assim como o engate para a antena de e a porta USB onde o modem 3G deve ser conectado. Na parte da frente, temos as luzes de status, um pequeno orifício onde é feito o reset do aparelho, com o uso de algum objeto fino, e o botão WPS, um recursos que agiliza a configuração de um novo aparelho na rede, dispensando o uso de senha. Pra quem não conhece, funciona da seguinte forma: o dispositivo tenta conectar no roteador, habilitando o WPS. Enquanto o dispositivo aguarda a conexão, basta apertar este botão que o roteador irÁ liberar o acesso automaticamente, sem necessidade de digitar nenhuma senha.

- Continua após a publicidade -

O processo de configuração é bastante simples, e todo em português. O kit do produto acompanha um CD de instalação, com instruções passo a passo para configurar o aparelho. Este é um dos pontos altos do produto, que possui um tutorial muito simples e direto, tornado quase impossível (nunca subestime a capacidade humana) dar errado a instalação.


Para quem jÁ possui alguma experiência com roteadores, dÁ para pular tudo isto e instalar direto mesmo. A interface de configuração, acessível pelo tradicional caminho "192.168.1.1" na barra de endereço do navegador, é bastante simples, prÁtica e totalmente em português. A Intelbras também disponibiliza tutoriais passo a passo para configurar diversos aspectos do roteador, disponíveis por este link, na aba "Suporte e downloads", no sub-menu "Configurações passo-a-passo - Flash".

{break::3G e alcance}O diferencial, no comparativo com o WRN 240, é a conexão 3G, feita conectando um modem em uma porta USB na parte traseira do roteador. Após conectar o aparelho no roteador, a configuração pode ser feita através do CD de instalação. O processo é simples, bastante escolher qual a operadora de sua conexão 3G para ter a ligação com a internet operando.

O único porém, neste caso, é que a conexão precisa ser feita com um modem que conecte pela porta USB. Apesar desta ser a opção mais comum de modens 3G portÁteis, poder colocar um chip SIM da operadora diretamente no próprio roteador também seria uma solução muito interessante.


Alcance

Nas especificações, o aparelho promete uma cobertura de 300 metros em locais abertos, e até 100 metros em ambientes fechados, mas como o esperado, é difícil reproduzir estes valores em testes prÁticos. Em nossos testes, o aparelho ficou abaixo deste alcance, mas bem próximo do verificado em outros aparelhos com uma antena e operando nesta potência. A Área de alcance do WRH 241 se mostrou suficiente para atingir o tamanho médio de uma residência, com um sinal suficiente em até 40 metros com diversas obstruções, como algumas paredes e portas entre o dispositivo e o roteador. Bem posicionado, irÁ atender tranquilamente quem deseja utilizÁ-lo em casa ou em uma pequena empresa.

- Continua após a publicidade -

{break::Conclusão}O WRH 241 traz características bastante semelhantes ao Intelbras WRN 240, com pontos interessantes com um design bastante simples e funcional. A configuração do aparelho é muito prÁtica, com o passo a passo com o CD de instalação, mas também pode ser feita manualmente, caso a pessoa tenha um pouco de experiência com roteadores. A interface em português brasileiro das telas de configuração facilitam muito este processo.

A conexão 3G funcionou dentro do esperado, bastando indicar qual operadora para a conexão fosse configurada. O recursos do "fail over" é uma "mão na roda" para quem deseja utilizar sua conexão cabeada com a internet e, em caso de queda desta, alternar rapidamente e evitar que sua ligação com a grande rede se perca.

Este roteador é muito interessante para quem busca uma solução para uma residência ou uma pequena empresa, e não pode ficar sem conexão de internet em situação alguma. Como sabemos, a banda larga móvel no Brasil ainda estÁ longe de entregar uma qualidade de conexão alta, mas serve muito bem para quem não pode ficar offline nem por um segundo.

Se este não é seu caso, o preço a mais pelo WRH 241 não compensa, e o WRN 240 ou outro roteador mais acessível são opções mais sensatas.  Com um pouco de pesquisa, também encontramos alguns modelos com características semelhantes ao WRH 241, mas quase R$ 100 mais baratos. O próprio, por sinal, é encontrando em alguns sites mais barato que o preço encontrado no site da Intelbras. Quem precisa de ferramentas mais avançadas de administração de sua rede local, ou terÁ um fluxo mais alto de trÁfego de dados, também deverÁ buscar uma solução mais robusta.


PRÓS
Design
Manuais e intefaces em português brasileiro
3G de fÁcil configuração
CONTRAS
Preço mais alto
Serve apenas para redes menores
Assuntos
Tags
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.