ANÁLISE: ASUS WAVI

ANÁLISE: ASUS WAVI

A ASUS, ou pegasus, se você preferir, se diz em eterna busca pela qualidade e inovação em cada produto que coloca no mercado, sua missão é inspirada na arte e no aprendizado que representa o cavalo alado, Ágil e soberano, da mitologia grega, a qual seu nome se origina . Força, espírito criativo e pureza, também fazem parte da metÁfora literÁria que a empresa diz incorporar. Fundada em 1990 em Taiwan, a Asus desenvolve produtos de hardware, como placas-mãe, placas de vídeo, notebooks, fones de ouvidos e vÁrios outros periféricos deste segmento.

Hoje, vamos analisar um produto, recentemente lançado pela empresa, que tem o objetivo de facilitar o seu dia-a-dia. Ele basicamente te faz economizar dinheiro na hora de ter que comprar mais um computador para sua casa, ou até um videogame. Quer saber como funciona?

Simples: se você jÁ tem um computador em casa, seja na sala, no escritório ou no quarto, mas queria outro para poder assistir um filme na TV em um dos outros cômodos, ou até aproveitar para você ou seus filhos jogarem alguns games. O Asus Wavi faz todo este trabalho para você, sem que, para isso, tenha que comprar outro PC. Você simplesmente liga um aparelho transmissor no seu computador e um receptor em sua TV (no outro cômodo), o Wavi vai enviar as imagens do seu computador de um canto da casa para o outro. Te permitindo assistir um filme em qualidade digital na televisão da sala enquanto sou computador estÁ no escritótio. E mais ainda, o próprio receptor tem entradas USBs, que permitem que você coloque mais um teclado, mouse ou até controles de videogames nele. Isto que significa que você poderÁ controlar o seu computador de longe, como se tivesse com um "controle remoto" dele, além de poder jogar, acessar a internet, ver filmes, fotos e quaisquer outra coisa, como se tivesse dois computadores em casa.

Além do uso doméstico, o Wavi te dÁ a possibilidade de reproduzir "remotamente" vídeos e apresentações em festas e confraternizações, além de te permitir controlar o computador a distância em eventos como palestras, workshops e apresentações em geral.

Obviamente que tudo que é necessÁrio para essa transmissão de dados jÁ acompanha o produto, assim como o guia e o CD para instalação. Confira nas pÁginas seguintes mais especificações do Asus Wavi, como é o processo de instalação, algumas fotos do produto e toda a anÁlise de seu desempenho, com notas e conclusões detalhadas.

- Continua após a publicidade -

{break::Especificações}O Asus Wavi utiliza a tecnologia Wireless (por rÁdio frequência) para enviar a imagem do seu computador até a televisão. Para isto, utiliza-se de um transmissor e um receptor. O primeiro é ligado ao computador por meio de um cabo USB (o mesmo tipo de entrada de um pen drive) e também por um cabo HDMI (padrão de envio de Áudio e vídeo usado por televisões, monitores, smartphones e outros eletrônicos), além de ser plugado na tomada por um adptador bi-volt. JÁ o receptor, é conectado à TV pelo cabo HDMI e à tomada, também bi-volt. Nele, existem duas entradas USBs que permitem a conexão com mouses, teclados, pen drives e joysticks (controles de jogos). Veja abaixo as especificações oficiais do produto:


  • Tecnologia: Wireless (WHDI Tecnologia)
  • Antena: 4 x 5 MIMO
  • Frequência de operação: 5 GHz
  • Fonte de alimentação: transmissor e receptor = 12V (adaptadores 2A 24W)
  • Consumo de Energia: 24W
  • Resoluções:
    TV - 1080p, 1080i, 720p, 576p, 480p
    Vídeos 3D - 1080p @ 24Hz
  • Dimensões: 241 x 171 x 29 mm
  • Entradas USB: 2
  • Acessórios inclusos:
    Adaptador AC x2 (para tomada)
    Cabo HDMI x2
    Cabo USB (para conexão do PC) x1
    CD de instalação no computador x1
    Guia de instalação x1


Na próxima pÁgina entenda como é feito o processo de instalação.

{break::Instalação}Todo o processo de instalação foi uma grata surpresa. Isso porque não foi necessÁrio nenhum tipo de conhecimento técnico para conseguir realizÁ-lo, bastando, para isso, seguir o manual de instruções.

Os passos descritos lÁ vão te fazer colocar o CD de instalação, avançar as etapas até sua conclusão, plugar o cabo USB do aparelho transmissor no computador, esperar até a confirmação do processo, plugar o cabo HDMI e ligar na tomada, depois terÁ  de fazer os dois últimos passos também com receptor na televisão.

Após isso, você jÁ serÁ capaz de ver as imagens do computador tanto na TV quanto no PC. Caso você queira ajustar as resoluções, escolher para as imagens apenas aparecerem em um dos dois por vez, ou fazer coisas diferentes em ambos (como passar o filme na televisão e acessar a internet no pc - algo que também é possível), aí sim, precisa de o mínimo de conhecimento bÁsico em computadores ou um pouco mais de curiosidade de sua parte. Nada muito complicado.

{break::Funcionalidade}A promessa da Asus é que o Wavi seja capaz de enviar as imagens do computador para a televisão via wireless a uma distância de até 18 metros em locais abertos. E é claro que fomos testar se esta informação de fato era verdadeira.

- Continua após a publicidade -

Começamos colocando tanto o transmissor quanto o receptor exatamente um ao lado do outro, conectando-os a um computador e a uma televisão com HD, respectivamente. O resultado foi brilhante! O Wavi não só conseguiu ser instalado rapidamente sem qualquer problema, como enviou as imagens com perfeição, em tempo real, sem perda de qualidade e ainda em Full HD. Pudemos ainda conectar um mouse e um teclado nele e controlar o PC por qualquer um dos 4 periféricos. Conseguimos ainda, facilmente, configurar as telas, de modo a clonar a imagem de ambas em 1080p, ou utilizar apenas uma delas, ou até ainda, utilizar uma como extensão da outra. Ao final deste teste, colocamos um game para rodar no computador, plugamos um controle de jogos no próprio Wavi e a resposta foi impressionantemente em tempo real. Dava pra jogar perfeitamente.


Em um segundo teste, fomos colocÁ-lo à prova da distância. Foi o primeiro momento de decepção com o Wavi. Realmente, a 18 metros, sem qualquer tipo de obstÁculo, a conexão existia e passava os dados. Porém, jÁ se notava uma ligeira/média queda na qualidade das imagens enviadas. O problema mesmo foi quando colocamos quaisquer tipos de obstÁculos entre o transmissor o receptor. Até uma pessoa parada na frente de um dos dois fazia a conexão diminuir e até se desfazer, caso ela insistisse em não se movimentar.

Em testes com cômodos diferentes, e obviamente com objetos e paredes como barreiras para a conexão wireless do eletrônico, o Wavi se saiu bem com apenas 1 cômodo de distância. Ou seja, quando o teste era feito com mais de um quarto, banheiro ou cozinha de distância, a conexão nem chegava a se consolidar. O resultado disso é que ele só se mostrou realmente funcional quando o cômodo onde estava o receptor era imediatamente ao lado do qual estava o transmissor. Para ser bem sincero, isso se mostrou um tanto quanto frustrante, jÁ que, de que adianta toda a mÁgica do produto se ele impuser limitações como esta? Uma pena, realmente.

É claro que dÁ para entender o porquê deste porém, uma vez que estão sendo enviados dados pesadíssimos a uma taxa substancialmente alta. Imagine, por exemplo, que você queira transferir um vídeo em Full HD de um pen drive para o computador, você consegue mensurar o tempo que ele levaria para passar um arquivo de uns 300 MB, no mínimo? Pois é, o Wavi estÁ fazendo isto em tempo real, ao mesmo tempo em que reproduz o vídeo e tudo isso ainda via wireless. Seria normal que as conexões fossem limitadas a uma certa distância, e que ocorressem ocasionais perdas de qualidade na imagem. Só que não imaginÁvamos que seriam tão pequenos estes limites.

{break::Design e Acabamento}O Design do Wavi não é algo que surpreende. É bonito mas, na minha opinião, é "muito quadrado". A cor, prateada, é elegante e faz um contraste legal com o logo da Asus. Mas um detalhe me deixou um pouco insatisfeito: talvez tenha sido proposital, mas tanto o aparelho transmissor, quanto o receptor, são exatamente iguais no design, com apenas as diferenças de conexões traseiras e um adesivo em cima indicando qual é qual.

Ok, uma pessoa que entenda de tecnologia vai perceber de cara qual é um e o outro apenas observando quais entradas estão disponíveis. O problema é que, quando o adesivo descolar, um leigo talvez gaste parte de seu tempo e alguns fios de cabelo para tentar identificÁ-los. Mesmo os mais experientes terão que parar alguns segundos para analisar e descobrir qual estÁ precisando. EstÁ certo que este não é um problema tão grande, mas dava para ter criado algumas diferenças sutis para uma melhor diferenciação. Eu até imagino que fazer os dois irmãos gêmeos tenha sido uma jogada proposital da empresa, mas levando em consideração que eles não devem estar no mesmo ambiente, o design de um não influenciaria no do outro, partindo do pressuposto que ambos fossem bonitos e seguindo uma mesma linha de design.

- Continua após a publicidade -

Quanto ao acabamento não tem nem muito o que comentar. É claro que uma empresa líder de mercado como a Asus não pecaria justamente na qualidade dos materiais utilizados e numa boa montagem do produto. O Wavi é feito em um plÁstico que imita o acabamento de aço escovado, mas um plÁstico resistente e firme, que não te dÁ a sensação de que vai quebrar ou desmontar a qualquer hora.

Apenas um pequeno defeito foi encontrado neste quesito. O encaixe dos adaptadores de energia de ambos os aparelhos ficaram um pouco mais largo do que o próprio plug, o que fazia com que o cabo ficasse soltando do plug a qualquer movimentação do aparelho. Algo muito chato para testes, que tem que deslocÁ-lo a todo momento, mas que numa utilização real não seria muito notado, uma vez que depois que você escolhe os locais que eles ficarão, eles não devem ser movimentados com tanta frequência. Mesmo assim, não deixa de ser um defeito irritante, devido o preço e à fama da produtora, que não deveria se dar ao luxo de cometer certos deslizes. Pode ser que este seja um problema localizado, que tenha acontecido apenas com o produto que chegou para nossos testes, o que evitaria que isto fosse um problema de série, na fabricação de todos os Wavis, mas, sinceramente, eu duvido muito.

{break::Fotos}Veja algumas fotos do Asus Wavi:










{image}{image}{image}
{image}{image}{image}
{image}{image}{image}
{image}{image}{image}
{image}{image}{image}
{image}{image}{image}

{break::Conclusão}O Asus Wavi é com certeza o primeiro produto de uma série de outros que virão com a mesma ideia. Ideia esta, que tem de ser amplamente elogiada, por trazer inovações que facilitarão a vida de muitas pessoas, e que serÁ responsÁvel pela poupança monetÁria de muitos indivíduos mundo afora. A possibilidade de utilizar um mesmo computador em dois ambientes diferentes abre um leque gigantesco para a criatividade das pessoas. Além de uso em domicílios onde o computador não fica exatamente na sala, mas às vezes se tem uma necessidade de ver um filme ou jogar alguma coisa numa tela maior que o monitor, é possível utilizÁ-lo corporativamente, em apresentações onde você controla os movimentos do computador a partir de um local, e suas imagens estão sendo projetadas em outro ambiente, ou no centro de uma palestra, por exemplo.

Porém, de nada adianta toda essa magia, se as limitações de distância forem tão curtas como se mostraram em nossos testes, limitando em apenas um cômodo, no mÁximo, a distância entre os dois aparelhos (transmissor e receptor). Além de haver alguma perda de qualidade nas imagens conforme aumenta o espaço entre os dois, e acontecer falha no sinal sempre que uma pessoa ficar parada na frente de um dos dois aparelhos, chegando até a cair a conexão caso esta pessoa fique por cerca de dez segundos atrapalhando o sinal.

Por outro lado, o fato de ter sido funcional em ambientes sem obstÁculos em até 18 metros, deu um suspiro de alívio para o produto, que pode ser usado em festas, apresentações e demais ambientes abertos - claro, se posicionado em uma altura acima de onde as pessoas possam atrapalhar.

Resumindo, o Wavi traz uma ótima ideia, uma bela inovação, mas que ainda peca em sua execução. Algo, com certeza serÁ evoluída nas próximas versões do produto.

    Assuntos
    Tags
    • Redator: Pedro Lima

      Pedro Lima

      Graduando de Jornalismo e Ed. Física, Pedro cresceu jogando videogames e futebol. Dividiu sua infância e adolescência com master-system, super nintendo, 486, k6-2, playstations e outros eletrônicos. Com eles aprendeu, além de gostar de games, tecnologia e ciência, a idolatrar Homer Simpson e Jaiminho, do Chaves.

    O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.