ANÁLISE: XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited

ANÁLISE: XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited

CLIQUE AQUI PARA SABER QUEM FOI O GANHADOR DA PLACA

JÁ se foi o tempo em que a então ATi era conhecida por não permitir a construção de modelos especiais e exclusivos em torno de suas Radeons, causando frustração em seus consumidores e, principalmente, em sua legião de fãs. Quem tem mais de 25 anos certamente deve se lembrar da famosa Radeon 8500. Na época, a ATi fabricava suas próprias VGAs, além claro, de ceder seus chips para terceiros (fabricantes OEMs). Nesse tempo, as chamadas Radeons BBA (Built By ATi – ou Fabricadas Pela ATi) eram o sonho de consumo em relação às PBA (Powered By ATi – ou Provido Pela ATi), uma vez que as BBA eram turbinadas em comparação às PBA.


(ATi Radeon 8500 BBA)

Atualmente, o mercado de VGAs estÁ cada vez mais acirrado e essas prÁticas são menos impostas ao mercado. A tendência passa a ser a de fabricar uma placa de referência com "sobras" para que as fabricantes parceiras da AMD e NVIDIA possam trabalhar "em cima" do modelo padrão, disponibilizando versões cada vez mais especiais para os consumidores.

É o caso da Radeon HD 5970. A placa, que jÁ tinha o título de VGA mais poderosa do mundo (ainda que dual GPU), foi ainda mais além, com a produção de "verdadeiras obras de arte por mestres artesãos". Além da Asus ARES e da Sapphire Radeon HD5970 Toxic Mini, a XFX é uma das poucas parceiras premiums da AMD a produzir um produto tão especial e diferenciado para o mercado quanto a Radeon HD 5970 Black Edition Limited (BEL).

A placa utilizada em nosso review foi gentilmente cedida pela XFX, empresa que faz parte do grupo PINE Technologies, e que vem nos últimos tempos, apresentando soluções cada vez mais diferenciadas e especiais para o mercado. 

A XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited é equipada com dois chips Cypress. Mas, diferentemente da Radeon HD 5970, na qual os clocks sofreram uma redução em seus patamares, a BEL conta com frequências de operações idênticas a de uma legítima 5870, ou seja, GPU em 850Mhz e memória em 4.8Ghz. Além disso, a placa vem em um kit com muitos diferenciais.

Assim como as outras duas 5970 "especiais", a XFX Radeon HD 5970 BEL é baseada em uma série única e diferenciada, composta de uma tiragem limitadíssima (apenas mil unidades), cada uma devidamente identificada por uma numeração. Vale ressaltar que o Adrenaline foi o único portal de toda a América Latina a receber uma "espécime" da XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited!

{break::A história da XFX 5970 BEL}Embora o nome da placa não tenha nenhuma inspiração da mitologia grega ou coisa do tipo, a equipe de marketing da XFX teve uma grande "sacada" e criou toda uma história em torno da Radeon HD 5970 Black Edition Limited.

- Continua após a publicidade -

Na verdade, a companhia produziu um curta metragem muitíssimo bem conduzido e de ótima qualidade, que, assistido fora do contexto, dÁ a impressão de ser algo legítimo.

A história começa quando Charlie e Robby estão em uma lanchonete espreitando uma verdadeira "loiraça", garota da XFX, por quem Charlie tem uma espécie de amor platônico virtual. Os dois então decidem seguir a tal gata misteriosa que entra em um carro e vai até um grande armazém. Chegando lÁ, os dois garotos deparam-se com uma quantidade imensa de VGAs da XFX e mais ao fundo, em separado, em um espaço protegido, um caixote de madeira, com a inscrição "XFX 5970". É então que... bem, paramos por aqui, para não estragarmos as surpresas! Assistam aos vídeos e aproveitem!





Para quem desejar acompanhar o final da história, basta acessar a Área da XFX no Youtube, onde a companhia promete disponibilizar novo episódio em breve.

Como a Radeon HD 5970 Black Edition Limited é baseada em um chip amplamente discutido, não iremos aqui abordar novamente os mesmos detalhes, como arquitetura e tecnologias. Para quem ainda não leu ou deseja refrescar a memória, basta acessar a review da Radeon HD 5970 feita pelo Adrenaline, clicando aqui.

- Continua após a publicidade -

{break::A "Arma Secreta" da XFX} A XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited é, sem dúvidas, uma placa fora do comum. Tudo começa pela dimensão da caixa, com cerca de 1m de comprimento! Enquanto uma 5970 comum pesa 1,2Kg, a BEL pesa 1,4Kg, graças à adição de alguns componentes extras de metal. As medidas da VGA são: 30,5cm x 11cm x 3,8cm.

Para interligar os dois chips Cypress (RV870), hÁ um chip "ponte" PLX, em uma forma especial de CrossFire. Ao invés dos tradicionais 725Mhz de GPU, a VGA vem overclockada de fÁbrica a 850Mhz. Para impulsionar ainda mais sua performance, as memórias ultrapassam a barreira dos 4Ghz, chegando a 4.80Ghz. Ou seja, uma legítima dual Radeon 5870! Contudo, a XFX guardou mais um segredo na "manga": a presença de 2GB adicionais de memória, resultando em um total de impressionantes 4GB de VRAM!

Embora o sistema de refrigeração da placa seja bem parecido com o de uma Radeon 5970 comum, a XFX garante ter realizado mudanças tÁticas especiais em seu design para aumentar a performance da dissipação térmica. Se, por um lado, o cooler não tem tanto arrojo, por outro, mantém um ar de sobriedade e robustez.

Ao retirar o sistema de refrigeração, é possível constatar que os engenheiros da companhia fizeram mudanças no arranjo de alguns componentes internos, como é o caso da maior distância entre as duas GPUs.

O sistema de refrigeração é composto de dois grandes blocos de dissipação formados por inúmeras aletas de alumínio sobrepostas por uma base de cobre por onde passam 3 heatpipes fabricados com o mesmo material. A ventoinha estÁ agora posicionada no centro do cooler, para que o fluxo de ar seja "despejado" de forma igual para os dois blocos.

Enquanto uma Radeon HD 5970 comum possui um conector de alimentação extra de 6 pinos e outro de 8, a XFX BEL conta com dois conectores de 8 pinos, garantindo assim um total de 375W (somados aos 75W do PCI Express), fornecendo energia extra para um overclock ainda maior. Dessa forma, é recomendado uma fonte de alimentação (PSU) de pelo menos 750W!

Outro diferencial da placa estÁ no suporte completo à tecnologia Eyefinity 6. Em outras palavras, a XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited pode se conectar simultaneamente a seis monitores, graças à presença de seis conexões Mini-Display Port. Vale ressaltar que o kit acompanha ainda seis adaptadores, sendo dois mini-DP para DVI, um mini-DP para HDMI e três mini-DP para DisplayPort.

- Continua após a publicidade -

Fechando a lista dos atrativos, a placa vem com alguns itens exclusivos, como uma case protetora em formato do rifle P90 e uma super bolsa de transporte no melhor estilo franco atirador.

{break::Fotos}Assim como a Ares, a XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited é vendida acompanhada de uma "maleta" bem diferenciada. Seu projeto foi baseado na arma P90 da marca G8 e, como podem ver nas fotos, veio toda caracterizada.

Tiramos uma série de fotos da placa, mostrando todos os seus ângulos e acessórios, além de comparÁ-la com a Ares e com uma 5970 padrão.

OBS.: Editamos as fotos com o número da placa, sendo que o mesmo é a resposta de uma das perguntas do Concurso Cultural.



{break::MÁquina/Softwares utilizados}Comparamos a XFX Radeon HD 5970 Black Edition Limited com outras grandes placas do mercado, inclusive a Asus Ares, que tem projeto semelhante utilizando dois chips com os mesmos clocks de uma Radeon 5870. Todas as demais placas TOP com suporte ao DirectX 11 do mercado também estão presente nos testes, sendo elas a Radeon HD 5970 (HiS), Radeon HD 5870 (XFX) e GeForce GTX 480 (Referência da NVIDIA). Abaixo, algumas fotos dos modelos utilizados.

Em se tratando de overclock, ao tentarmos abrir alguns dos softwares para overclock, os mesmos não encontravam a placa, e acabavam travando. Não sabemos os motivos, mas como a placa irÁ para sorteio, evitamos de fazer testes mais avançados.

{image} {image}

A seguir, os detalhes da mÁquina, sistema operacional, drivers, configurações de drivers e softwares/games utilizados nos testes.

MÁquina utilizada nos testes:
- Mainboard Asus Rampage II Extreme/Gene
- Processador Intel Core i7 980X @ 4.2GHz
- Memórias 6 GB DDR3-1600MHz G.Skill Trident
- HD 1TB Sata2 Wester Digital Black
- Fonte XFX 850W Black Edition
- Cooler Thermalright HR-02 + FAN

Sistema Operacional e Drivers:
- Windows 7 64 Bits
- Intel INF 9.1.1.1025
- ATI Catalyst 10.8 WHQL: Placas ATI
- Nvidia ForceWare 258.96 WHQL: Placas Nvidia

Configurações de Drivers:
3DMark
- Anisotropic filtering: OFF
- Antialiasing - mode: OFF
- Texture filtering: High-Quality
- Vertical sync: OFF
- Demais opções em Default

Games:
- Anisotropic filtering: Variado
- Antialiasing – mode: Variado
- Texture filtering: High-Quality
- Vertical sync: OFF
- Demais opções em Default

Aplicativos/Games:
- 3DMark Vantage 1.0.2 (DX10)
- Unigine HEAVEN Benchmark 2.1 (DX11)

- Aliens vs Predator (DX11)
- Crysis Warhead (DX10)
- DiRT 2 (DX11)
- Just Cause 2 (DX10/10.1)
- Mafia II (DX9)
- Metro 2033 (DX11)
- StarCraft II (DX10)
- S.T.A.L.K.E.R.: Call of Pripyat (DX11)

{break::GPU-Z, Temperatura, Ruído}Abaixo temos a tela principal do GPU-Z, que mostra algumas das principais características técnicas da XFX 5970 Black Edition Limited.


Temperatura
Iniciaremos nossa bateria de benchmarks com um dos testes mais solicitados e importantes de uma VGA: a temperatura. Como vemos abaixo, a 5970 BEL fica um grau acima da Ares, mostrando que ambos os modelos se comportam muito bem quando o sistema estÁ em espera, mais ainda se comparadas com a 5970 padrão, que trabalha em 50º graus.

Quando as placas estão em uso contínuo, temos uma diferença um pouco maior entre a 5970 BEL e a Ares, com vantagem para a placa da Asus, que fica 6 graus abaixo do modelo da XFX.

Outro ponto curioso é que a diferença entre a 5970 BEL e a 5970 padrão caiu, ficando em 8 graus. Temos que levar em conta que a 5970 BEL possui clocks mais altos e, portanto, gera mais calor.

{benchmark::905}

Um ponto que temos que destacar é o ruído, em que a placa da Asus ganha com folga. A 5970 BEL trabalha continuamente com FAN em rotação alta, enquanto a Ares diminui a rotação quando em modo ocioso, gerando menos barulho. Esse é, talvez, o maior problema das as placas, jÁ que ambas são muito barulhentas quando em uso contínuo. Um bom gabinete é altamente recomendado, tanto para a 5970 BEL como para a Ares.

{break::3DMark Vantage, Unigine Heaven 2.1}3DMark Vantage
Dando sequência aos testes, agora veremos como as placas se comportam quando o assunto é performance.

Embora seja considerado um teste bastante polêmico por parte da comunidade, por ser tachado como um bench sintético que muitas vezes não reflete a condição da placa no mundo real (leia-se jogos), o 3DMark Vantage é um dos indicadores de performance mais utilizados em todo o mundo e não poderíamos excluí-lo dos nossos testes.

Rodando o 3DMark Vantage temos a 5970 BEL brigando novamente com a Ares, ficando atrÁs por 120 pontos. Nesse nesse nível de pontuação, o resultado pode ser considerado empate técnico, apesar da vantagem da placa da Asus. A 5970 BEL fica pouco mais de 10% acima da 5970 padrão

{benchmark::879}

Unigine HEAVEN 2.1 - DirectX 11
Trata-se de um dos testes sintéticos mais "descolados" do momento, pois tem como objetivo mensurar a capacidade das placas 3D em suportar os principais recursos da API grÁfica DirectX 11, como é o caso do Tessellation.

O teste com o "Heaven" foi dividido em duas partes: uma sem e outra com o uso do Tessellation, ambos a 1920x1080 com o filtro de antialiasing em 8x e anisotropic em 16X.

No primeiro cenÁrio (sem o Tessellation), a 5970 BEL alcançou o score de 1.572 contra 1.592 pontos da Ares, 1.380 da 5970, 1.140 da GTX 480 e 900 da 5870.

No teste com tessellation setado em "normal", não houve nenhuma mudança de posição, novamente com uma diferença praticamente nula entre as duas placas mais poderosas.

{benchmark::880}

{break::Aliens vs Predator}Chegamos finalmente ao ponto alto da review: os testes em jogos!

Começamos pelo Aliens vs Predator, game que traz o suporte ao DX11 e que foi muito bem recebido pelo público e crítica.

O comportamento da 5970 BEL é muito parecido com o da Ares, sendo que, em nenhum momento, a diferença chegou a sequer 1 FPS. Uma briga à altura dos dois projetos.

{benchmark::881}

{benchmark::882}

{benchmark::883}

{break::Crysis Warhead}O FPS futurístico da Crytek fez muito barulho por trazer uma qualidade grÁfica bem superior aos concorrentes e por ser considerado por muito tempo como um dos games que mais exigia recursos do computador, principalmente das placas 3D. Assim, nada melhor do que submeter as VGAs da review pelo crivo de "Crysis Warhead".

Muda o game testado, mas não o comportamento dos dois modelos mais potentes. Novamente a 5970 BEL e a Ares andam coladas, sendo que, pela primeira vez até o momento, tivemos a placa da XFX a frente da Ares - se é que podemos dizer que ela ficou à frente, jÁ que se trata de 0,07 FPS na resolução de 1680x1050. :-)

{benchmark::884}

{benchmark::885}

{benchmark::886}

{break::DiRT 2}"Colin McRae: Dirt 2", mais conhecido simplesmente como DiRT 2, é uma das séries de corrida off-road de maior sucesso da história da indústria dos jogos eletrônicos. Lançado em setembro de 2009, o game foi um dos primeiros a ser desenvolvido com o DirectX 11.

Nos testes com o Colin McRae: Dirt 2 não existe muita diferença sobre os demais. A Ares leva ligeira vantagem, ficando poucos FPS acima da 5970 BEL, uma diferença pequena pela proporção, representando de 1 a 2%.

{benchmark::887}

{benchmark::888}

{benchmark::889}

{break::Just Cause 2}Em "Just Cause 2", outra disputa acirrada entre XFX 5970 BEL e a Ares, com leve vantagem para a placa da Asus. A diferença entre os dois modelos especiais em relação à convencional é novamente significativa, na casa dos 14%. Outro ponto a destacar é que nem a 5870 nem a GTX 480 foram pÁreas para as versões dual GPU da ATi.

{benchmark::890}

{benchmark::891}

{benchmark::892}

{break::Mafia II}Em Mafia II, game recém-lançado que trouxe a continuação do aclamado game de ação em terceira pessoa ambientado no obscuro mundo da mÁfia italiana dos anos 40 e 50 nos EUA, a Asus Ares foi ligeiramente mais rÁpida do que a XFX 5970 BEL nas duas primeiras resoluções, perdendo para a Black Edition Limited em 1920x1080.

Os baixos clocks da Radeon 5970 padrão são determinantes para o gradual aumento de diferença de desempenho para os modelos especiais da XFX e Asus, na medida em que as resoluções vão aumentando.

Vale ressaltar a bela performance da GeForce GTX 480 e Radeon 5870, principalmente na resolução de 1920x1080, que encostou nas versões dual GPU da ATi.

{benchmark::893}

{benchmark::894}

{benchmark::895}

{break::Metro 2033}Atendendo a inúmeros pedidos, disponibilizamos os benchs com Metro "2033", FPS da 4A Games baseado em um romance homônimo russo, que conta a saga dos sobreviventes de uma guerra nuclear ocorrida em 2013 que se refugiam nas estações de metrô. O game, que faz uso intensivo da técnica de Tessellation e demais recursos do DirectX 11, desbancou de Crysis o título de jogo mais pesado. Sendo assim, nada melhor do que observar como se comportam as VGAs sob este intenso teste.

A GeForce GTX 480 mostrou todo o seu poder de "fogo" no processamento  de tessallation. A placa da NVIDIA ficou colada na XFX 5970 BEL e na Asus Ares nas três resoluções.

Outro fato inusitado é que a Radeon 5970 comum ficou também bastante próxima de suas irmãs especiais, chegando inclusive a ser tão veloz quanto a Ares em 1920x1080. Isso sugere, mais uma vez, que o importante em Metro 2033 é ter mesmo uma maior quantidade de unidades de processamento do tessellation e/ou unidades mais eficientes, do que maiores clocks de GPU e memória.

Em última posição ficou a Radeon 5870, bem atrÁs das demais competidoras.

{benchmark::899}

{benchmark::900}

{benchmark::901}

{break::StarCraft II}Não poderíamos deixar de fora em nossos testes um dos games mais aguardados dos últimos tempos. Desenvolvido pela Blizzard Entertainment como a sequência de um dos mais populares jogos de estratégia dos anos 90, StarCraft II: Wings of Liberty é um dos testes de referência para os principais portais de tecnologia.

Todas as placas tiveram um ótimo comportamento no game, com taxas extremamente elevadas (acima dos 80 FPS). A briga pelas colocações foi bastante acirrada, com leve vantagem para a Ares, seguida da XFX 5970 Black Edition Limited, Radeon 5970, GTX 480 e 5870.

{benchmark::896}

{benchmark::897}

{benchmark::898}

OBS.: Fizemos testes com anti-aliasing em 8x e anisotropic em 16x, mas a diferença ficou absurdamente a favor da placa da Nvidia, fazendo com que ela ganhasse de todos os demais modelos, inclusive da Ares. Para não gerar mais polêmicas, preferimos deixar os testes com os filtros ativados para futuras reviews, jÁ que mesmo após a ATI informar que resolveu o bug na ativação dos filtros em suas placas, a perda de performance é tão grande que deixa os resultados duvidosos, o que leva a crer que ainda possa existir algum problema.

{break::S.T.A.L.K.E.R.: Call of Pripyat}Call of Pripyat é o terceiro título da aclamada franquia de FPS S.T.A.L.K.E.R., desenvolvido com a versão 1.6 da engine grÁfica X-Ray, que traz como grande destaque o suporte ao DirectX 11.

Nos nossos testes, foram feitas simulações em quatro cenÁrios diferentes: Day, Night, Rain e Sun Shafts.

Os testes bem que poderia ser divididos em duas categorias: uma com as placas dual GPU da ATi (Radeon 5970) e outra com VGAs single GPU (Radeon 5870 e GTX 480). Este foi o teste com a liderança mais acirrada, ora com a Ares, ora com empate entre ela e a XFX 5970 BEL. Correndo por fora, ficou a 5970 padrão, com uma diferença perceptível para as edições especiais.

Completamente alheia à briga pelas primeiras colocações ficaram a GeForce GTX 480 e a Radeon 5870, ambas alternando de posição uma com a outra pelo quarto lugar, a anos-luz de distância das Radeons 5970.

{benchmark::902}

{benchmark::903}

{benchmark::904}

{break::Conclusão}A XFX juntou-se ao seleto e restrito grupo de empresas que desenvolvem produtos extremamente especiais e de alto padrão para os consumidores. A Radeon 5970 Black Edition Limited é mais uma prova de que a companhia vem, ao longo dos tempos, apostando em um nicho de mercado diferenciado e cada vez mais exigente.

A review ainda serviu para tirar as dúvidas que muitos leitores tinham em relação ao desempenho da Ares.

A XFX 5970 BEL cumpriu com o esperado, fazendo bonito nos testes a que foi submetida. E não poderia ser diferente, uma vez que a VGA conta com duas GPUs Radeons HD 5870 com clocks padrões, ou seja, GPU em 850Mhz e memória a 4.80Ghz. Além disso, a placa recebe ainda uma "forcinha" extra de 4GB, importante para games pesados e em condições extremas, com filtros e resolução no mÁximo.

A placa é digna de elogios em todos os pontos. A única ressalva estÁ no cooler, que mesmo bastante eficiente na dissipação térmica, poderia ter uma ventoinha um pouco mais silenciosa.

Outro ponto a ser destacado é que a XFX 5970 Black Edition Limited não é uma placa comum, no sentido de ter sua produção em larga escala (comercial). A placa tem uma tiragem extremamente limitada (apenas mil unidades), e é um produto designado para colecionadores e entusiastas.

Feito o esclarecimento acima, é que podemos tentar compreender a razão do valor cobrado de US$1.200,00 pela VGA.

 

CLIQUE AQUI PARA SABER QUEM FOI O GANHADOR DA PLACA

PRÓS
Equipada com 2 GPUs Cypress com GPU em 850Mhz e memória em 4.8Ghz
4GB de memória;
Produto do mais alto padrão, limitado, com apenas 1.000 unidades produzidas, cada uma com numeração única;
Suporte a Eyefinity 6 (tecnologia para conectar 6 monitores)
Kit composto com uma maleta com tema P90 da marca G8
Adaptadores completos para utilização do Eyefiniti 6
CONTRAS
O barulho gerado pelo cooler é muito alto, mesmo com sistema em modo ocioso
Preço para poucos, apesar da exclusividade e diferenciais oferecidos.
Tags
amd
  • Redator: Fabio Feyh

    Fabio Feyh

    Fábio Feyh é sócio-fundador do Adrenaline e Mundo Conectado, e entre outras atribuições, analisa e escreve sobre hardwares e gadgets. No Adrenaline é responsável por análises e artigos de processadores, placas de vídeo, placas-mãe, ssds, memórias, coolers entre outros componentes.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.