Publicidade

AMD explica como o Smart Access Storage vai levar o DirectStorage para outro nível

A tecnologia promete romper os limites da API desenvolvida pela Microsoft

28/05/2022 às 10:34 por Felipe Gugelmin
Reportar erro
Publicidade

Durante a Computex 2022, a AMD anunciou o lançamento da nova tecnologia Smart Access Storage, que promete usar a API DirectStorage da Microsoft e elevá-la a um novo patamar. No entanto, na época a companhia não deixou claro como a novidade vai funcionar, fazendo com que muitos consumidores questionassem quais as vantagens reais que vão ser proporcionadas por ela.

O esclarecimento veio através de uma entrevista concedida à PCWorld por Frank Azor, Arquiteto-Chave de Soluções e Marketing de Jogos da AMD. Segundo ele, o Smart Access Storage surge da combinação da API do Windows com a solução Smart Access Memory — que é conhecida pelo nome Resizable Bar quando aplicada ao hardware de outros fabricantes.

Publicidade

Segundo Azor, tradicionalmente a DirectStorage oferece acesso a somente 256 MB de VRAM para uso e transferência de assets. Com o Smart Access Memory em ação, esse limite desaparece e permite que toda a VRAM de uma placa gráfica seja usada para acelerar o processo de carregamento de um jogo.

Smart Access Storage pode não funcionar em todas as GPUs

Conforme explica o executivo, o Smart Access Storage é o nome que a AMD dá ao sistema que garante o uso total da memória VRAM de uma GPU. Ao menos em teoria, isso deve fazer com que os resultados obtidos sejam ainda melhores do que os fornecidos pela implementação básica do DirectStorage da Microsoft.

Ao mesmo tempo, isso pode significar que a tecnologia não será aplicável a todas as placas gráficas da linha Radeon, já que certos limites de hardware terão que ser respeitados. No entanto, até o momento a empresa não divulgou detalhes sobre os requisitos necessários para usar a novidade.

A tecnologia da AMD surge como uma rival da RTX IO da NVIDIA, que fez sua estreia em 2020 junto à linha RTX 3000. No entanto, ainda não está claro como a tecnologia da fabricante vai interagir com a API DirectStorage, tampouco se ela vai tirar proveito do Resizable BAR para melhorar o desempenho de jogos.
 

Via: NeoWin Fonte: PC World
Publicidade
Assuntos
AMD Hardware Notícias Software
Tags
amd
CLIQUE PARA COMENTÁRIOS

CONTEÚDOS RELACIONADOS

Driver AMD Radeon Adrenalin 22.6.1 chega otimizado para F1 22 + DOWNLOAD

Niantic demite 90 funcionários e cancela quatro projetos

Consoles: edição deluxe de LEGO Star Wars: A Saga Skywalker é lançada no Brasil

Bug no Windows Defender diminui em até 6% desempenho de CPUs Intel

Youtuber tenta fazer upgrade de MacBook Pro com chip M1 para M2

Publicidade