Publicidade

Intel construirá a "maior fábrica de chips do planeta" nos EUA - investimento equivale a mais de R$ 108 bilhões

Obra será realizada em Ohio e deve ficar pronta até 2025

21/01/2022 às 10:50 por Luiz Schmidt
Reportar erro
Publicidade

A Intel irá investir mais de R$ 108 bilhões em uma nova fábrica de chips em New Albany, Ohio, Estados Unidos. Segundo o CEO, Pat Gelsinger, os planos da empresa são: construir "a maior fábrica de chips do planeta". No começo, serão duas plantas que devem ficar prontas até 2025.

O local escolhido possui mais de 4.000km² (1000 acres), com possibilidade de expansão para 8.000km² (2000 acres). Pat Gelsinger, em entrevista para o jornal Time, afirmou que a companhia pretende construir a maior fábrica de manufatura de chips do planeta. Com todo o espaço disponível no terreno, apesar dos planos iniciais serem de duas fábricas, existem planos de expansão para até oito locais de manufatura.

Publicidade

O CEO comenta que até 2030 a Intel deve investir US$ 100 bilhões no local (R$ 546 bilhões em conversão direta), para transformar Ohio no "coração do sílicio". Serão cerca de 3.000 empregos diretos e mais de 30.000 empregos indiretos criados pelo novo investimento. Além disso, a empresa também irá investir em parcerias com universidades locais para construir novos talentos.

De acordo com informações do The Verge, a competição entre os estados americanos foi acirrada. Outro local ofereceu mais subsídios à Intel, porém questões regulatórias do estado de Ohio se tornaram mais atrativas para a empresa. Além disso, no estado não será necessário deslocar residentes locais para novas casas para construir a fábrica.

TSMC e Intel competem por espaço nos EUA

Um dos principais competidores da Intel, a TSMC, também está construindo uma fábrica nos Estados Unidos, mais precisamente no estado do Arizona. Com investimento de US$ 25 bilhões, o local deve servir para produção chips de 3nm.

Publicidade

Especialistas americanos apontam que a Intel leva vantagem em território americano, por ser uma empresa americana. Além disso, a proximidade da TSMC com a China, preocupa funcionários do Pentagono.

Em uma época onde a escassez de chips vêm afetando o mercado, os grandes investimentos sendo realizados são um reflexo da situação atual. 

Fonte: Videocardz, The Verge
Publicidade
Assuntos
Intel Notícias
Tags
CLIQUE PARA COMENTÁRIOS

CONTEÚDOS RELACIONADOS

Monitor gamer Samsung Odyssey Neo G9 é anunciado no Brasil por R$ 13.599

Top 10 dos games mais jogados de 2022 deixa Elden Ring de fora

Windows 11 aceitará widgets de terceiros em atualização que chega ainda em 2022

Windows 11: vai ficar mais fácil restaurar apps de um PC em outro ao trocar de computador

Farming Simulator 22 ganha suporte ao AMD FidelityFX Super Resolution 2.0

Publicidade