Publicidade

AMD para seus investidores: Alcançamos sucesso em CPUs e GPUs

Aprsentação detalha todo percurso da empresa e aponta direções futuras

25/11/2021 às 11:11 por Mateus Lecchi
Reportar erro
Publicidade

23/11/2021 às 15:10
Notícia

AMD e Intel têm queda no volume de GPUs entregues, enquanto N...

Dados divulgados dizem respeito ao terceiro trimestre deste ano

A AMD prepara para o fim deste mês, uma apresentação que não se sabe ainda qual o público alvo, geralmente, a apresentação para investidores é realizada entre o primeiro e segundo semestre no evento Financial Analyst Day. Uma suposta apresentação relacionada ao evento de novembro de 2021 vazou. A apresentação oferece um tour guiado por todo o portfólio de produtos da empresa, abrangendo processadores para servidores, aceleradores de computação, placas de vídeo, processadores para o varejo e produtos personalizados.

Publicidade

A apresentação descreve que a empresa até agora executou com sucesso seus roteiros para os segmentos de processadores para usuários domésticos e para servidores, placas de vídeo e aceleradores computacionais. No segmento de CPU para usuários casuais, mostra uma execução bem-sucedida até 2021 com a microarquitetura "Zen 3". No espaço do servidor, a empresa menciona a execução bem-sucedida de seus processadores EPYC até a geração "Zen 3" com seus processadores "Milan", e confirma que sua microarquitetura "Zen 4" de próxima geração e sua arquitetura irmã, a "Zen 4c, "será construída no nó de 5 nm (provavelmente TSMC N5). A apresentação também detalha o recém-anunciado processador "Milan-X" para plataformas SP3 existentes, que estreia a tecnologia 3D Vertical Cache, trazendo até 96 MB de cache L3 por CCD.

24/11/2021 às 10:00
Notícia

10% mais caras: AMD aumenta preço de GPUs Radeon RX 6000

Reajuste deve acontecer a partir dos próximos envios

Não houve divulgações feitas sobre processadores de para usuários comum, tanto para desktops ou notebooks. Já para servidores, no entanto, a AMD faz referência ao "Genoa", seu processador EPYC de última geração, que apresenta até 96 núcleos, com memória DDR5 e PCIe Gen 5, bem como os processadores EPYC "Bergamo" para o mercado de computação em nuvem, que anuncia a expressiva contagens de até 128 núcleos. Ambos os chips são baseados no "Zen 4". A AMD também faz referência aos seus aceleradores de computação MI250 recentemente anunciados baseados na arquitetura CDNA2, que usam matrizes de computação construídas no nó de 6 nm, um aprimoramento do TSMC N7.

A empresa também detalhou como a aquisição da Xilinx, as pessoas-chave envolvidas na transação de ambas as organizações e como seria a combinação entre AMD e Xilinx. A transação terminaria antes de 31 de dezembro, com o atual CEO da Xilinx, Victor Peng, assumindo como chefe da divisão da Xilinx sob a CEO Lisa Su. Devinder Kumar continuará como CFO. Pelo menos dois diretores da Xilinx se juntariam ao Conselho da AMD.

Publicidade

Segue a apresentação completa. Clique nas imagens para ampliar.

{conteudo_central::72161}

Fonte: Tech Power Up
Publicidade
Assuntos
AMD Notícias Tech
Tags
amd ryzen processador
CLIQUE PARA COMENTÁRIOS

CONTEÚDOS RELACIONADOS

Radeon RX 6500 XT em PCIe 3.0: vai DAR RUIM no gameplay?

Benchmark vazado mostra GeForce RTX 3050 com desempenho bem próximo a GTX 1660 Ti

NVIDIA aumenta preços das GPUs GeForce RTX 30 na Europa

Vendas de dispositivos AR e VR dobrou nos Estados Unidos em 2021

NVIDIA GeForce GT 1010 aparece em benchmark depois de um ano de lançamento

Publicidade