Publicidade

AMD revela novos CPUs Epyc Zen 4: 96-Core 5nm em 2022, 128-Core em 2023

CPUs marcarão a estreia da plataforma SP5 LGA 6096

08/11/2021 às 16:23 por Raphael Giannotti
Reportar erro
Publicidade

A AMD apresentou hoje (8) seus novos CPUs Epyc baseados em Zen 4, além das novas placas aceleradoras Instinct, na conferência "Accelerated Data Center". As novas séries de processadores Epyc Genoa e Bergamo terão até 128 núcleos Zen 4 e já vão começar a chegar a partir do ano que vem.

08/11/2021 às 12:20
Notícia

Carros Tesla tem sistema com CPU AMD Zen1+ e GPU Navi 23 GPU ...

O novo computador de bordo da Tesla inclui APU AMD Zen+ com GPU Navi 23 e o poder computacional quase...

Publicidade

Os processadores AMD Epyc Genoa serão equipados com até 96 núcleos (192 threads) Zen 4 e estão sendo fabricados em 5nm da TSMC. Com estes CPUs, vem uma nova plataforma (SP5) com o socket LGA 6096. Este novo socket vai ser consideravelmente maior com 2002 pinos a mais se comparado com a atual plataforma SP3 e o socket LGA 4094.

Os 96 núcleos núcleos da linha Epyc Genoa serão possíveis por conta dos 12 CCD (Core Complex Die) usados no chip. Cada CCD terá 8 núcleos, totalizando os 96 núcleos Zen 4. Os processadores dessa família terão TDP entre 320W e 400W e suporte a PCIe Gen 5.0. Baseado no tamanho do socket e em o número de CCDs usados, dá para imaginar que o CPU em si deva ser enorme.

Segundo a AMD, os CPUs Epyc Genoa serão 1.25x mais rápidos que a atual terceira geração Epyc Milan. A quarta geração terá suporte a memórias DDR5-5200 e até 12 canais, o que garante suporte até 3 TB de memória RAM com módulos de 128 GB. Este CPUs chegam em 2022.

Publicidade

Já a linha Epyc Bergamo oferecerá até 128 núcleos, confirmando os rumores anteriores sobre as duas próximas linhas de CPUs para servidores da AMD. Os processadores Bergamo também usarão o mesmo socket LGA 6096 e fabricado em 5nm. A maior diferença dessa série é a microarquitetura.

Enquanto que os CPUs Epyc Genoa são baseados em Zen 4, a série Bergamo será baseada em uma versão melhorada da arquitetura, chamada de "Zen 4c". A AMD promete alto desempenho com eficiência energética. A linha Bergamo terá como foco workloads em sistemas para nuvem. Lisa Su não detalhou como irá funcionar a densidade de núcleos nessa série, já que será fabricado no mesmo processo que Genoa e baseado na mesma arquitetura, embora com algumas alterações.

A série Epyc Bergamo também terá suporte a memórias DDR5 e PCIe Gen 5.0 e vai chegar no primeiro semestre de 2023. Então a partir do primeiro semestre do ano que vem, a AMD marca a estreia de seus novos processadores baseados em Zen 4 para servidores.

04/11/2021 às 16:45
Notícia

AMD revela GPU Radeon Pro V620 com 32GB dedicada a jogos na n...

A placa começa a ser vendida hoje, mas não estará disponível no varejo

Via: WCCFtech, Tom's Hardware
Publicidade
Assuntos
AMD Hardware Notícias
Tags
amd
CLIQUE PARA COMENTÁRIOS

CONTEÚDOS RELACIONADOS

Radeon RX 6500 XT em PCIe 3.0: vai DAR RUIM no gameplay?

Benchmark vazado mostra GeForce RTX 3050 com desempenho bem próximo a GTX 1660 Ti

NVIDIA aumenta preços das GPUs GeForce RTX 30 na Europa

Vendas de dispositivos AR e VR dobrou nos Estados Unidos em 2021

NVIDIA GeForce GT 1010 aparece em benchmark depois de um ano de lançamento

Publicidade