Publicidade

Novo conector de energia para placas de vídeo pode fornecer até 600W

Conector único de 12+4 pinos deve ser suficiente para novas placas PCIe 5.0

11/10/2021 às 10:15 por Daniel Trefilio
Reportar erro
Publicidade

De acordo com especificações divulgadas pelo site alemão Igor's Lab, novo padrão de conectores com 12 pinos de energia e 4 pinos de transmissão de sinal é capaz de entregar mais de 600W e será exclusivo para projetos de placas de vídeo PCI Express 5.0, como a suposta Nvidia Geforce RTX 3090 Ti/Super. Conector apareceu no site da fabricante de componentes eletrônicos Amphenoll ICC listado como Minitek® Pwr CEM-5 PCIe® Connector System.

07/10/2021 às 11:48
Notícia

NVIDIA GeForce RTX 3090 Ti (ou SUPER) poderá ter novo conecto...

Placa também pode ter interface PCIe Gen5

Publicidade

O site Igor's Lab teve acesso ao projeto de conectores que combinam 12 pinos de energia com 4 pinos de transmissão de sinal, para coordenar essa distribuição de energia de maneira precisa, e novos conectores tem capacidade para entregar 55,2 A a 12V, em teoria totalizando até 662W, mais que suficiente para qualquer GPU disponível no mercado, e com excelente margem para futuras placas Ada Lovelace GeForce RTX 40 e AMD RDNA3.

Créditos: Igor's Lab

Um dos principais limitadores de qualquer sistema está na alimentação consistente e estável de energia, e um dos componentes que mais demanda em praticamente qualquer setup gamer acaba sendo a placa de vídeo. Atualmente, placas topo de linha utilizam até 3 conectores de 8 pinos, cada um com capacidade de entregar 150W. De acordo com rumores de que a nova placa Nvidia GeForce RTX 3090 Ti deve precisar de 450W de alimentação. 

Publicidade

Créditos: Igor's Lab

Dessa forma, 3 conectores de 8 pinos não seriam o suficiente justamente por 450W ser seu limite, e para uma operação segura e, novamente, estável e consistente, é importante haver margem excedente. Todo sistema está sujeito a oscilações e elas tendem a ser mais frequentes quando se trabalha no limite. Os novos conectores de 12+4 pinos, apesar de conseguirem entregar em teoria até 662W são limitados em 600W em 55A constantes. Para as novas gerações de placas de vídeo PCIe 5.0, isso representa benefícios importantes.

Créditos: Amphenol ICC

O primeiro e mais evidente é, justamente, a possibilidade de alimentar placas mais poderosas sem colocar o sistema de alimentação sob estresse ao operar muito próximo de seu limite. Além disso, o novo padrão permite a utilização de apenas um conector, possibilitando um circuito de distribuição de energia bem mais simples nas PCBs. Os novos conectores também alteram o espaçamento de 4,2 mm para 3 mm, e apesar de ter uma largura total de 18,85 mm, ainda é menor inclusive que a combinação de dois conectores padrão de 8 pinos, reduzindo inclusive o espaço e pontos de solda necessários na PCB.

17/08/2021 às 16:43
Notícia

DisplayPort 2.0 pode chegar em nova geração de placas de víde...

Nova conexão da suporte para displays em até 10K em 60 Hz

Os novos conectores de 12+4 pinos serão exclusivos para placas PCIe 5.0 e não será retrocompatíveis com padrões anteriores, dessa forma as fabricantes de fontes de alimentação já devem começar a adotar o formato em breve com a chegada dos chipsets Z690. Até o momento não há rumores de outras placas além da GeForce RTX 3090 Ti que devem utilizar o novo formato, já que as GPUs Nvidia Ada Lovelace e AMD RDNA3 ainda não foram apresentadas e os rumores sobre preços e inovações não apontam para possíveis datas de anúncio.

Via: Guru3D Fonte: Amphenol ICC, Igor's Lab
Publicidade
Assuntos
AMD Hardware Notícias Nvidia
Tags
nvidia geforce placa de video amd intel
CLIQUE PARA COMENTÁRIOS

CONTEÚDOS RELACIONADOS

Prováveis testes indicam Core i7-12700H até 35% mais rápido que o Ryzen 7 5800H

Veja o novo trailer de história de Star Wars: The Old Republic

GTA Online: "episódio" final com Dr. Dre entrega o dobro de recompensas

Elden Ring terá "situações loucas" que poderão ser evitadas por conta da liberdade

TeamGroup anuncia SSD PCIe5 com velocidades de até 13GB/s para final de 2022

Publicidade