Publicidade

ANÁLISE | Horizon Chase Turbo: Senna Sempre – A mais bela homenagem ao nosso campeão

DLC do game brasileiro aposta em nostalgia para cativar os fãs, mas não deixa a inovação de lado para entregar um game divertido para todos os públicos

23/11/2021 às 11:11 por Wikerson Landim
Reportar erro
Publicidade

Quem vê uma temporada diferenciada como a da F1 2021 pode não imaginar que no final dos anos 80 e início dos anos 90 essa era a regra na principal categoria de velocidade. E mais: tínhamos vários pilotos brasileiros competindo pelo título – e Ayrton Senna foi o maior nome entre eles.

Comprar Horizon Chase Turbo: Senna Sempre na Amazon

Assim, não poderia haver melhor combinação do que Horizon Chase Turbo, game desenvolvido pela empresa brasileira Aquiris e inspirado no clássico Top Gear dos anos 90, e Ayrton Senna, O resultado disso é a ótima DLC Senna Sempre, que entrega não apenas altas doses de nostalgia, mas também diversão e inovação no gênero com aquela que talvez seja a mais bela homenagem do mundo dos games ao nosso herói das pistas.

Dois modos de jogo: Carreira e Campeonato Mundial

A DLC Senna Sempre vai além de simplesmente adicionar novas pistas e carros ao game. São dois modos de jogo: Carreira e Campeonato Mundial. O primeiro deles é dividido em cinco etapas – cada uma delas relacionada a uma época da trajetória de Ayrton Senna. Assim, temos o começo de carreira dele na Lotus até os títulos mundiais de 1988, 1990 e 1991.

As pistas não foram escolhidas por acaso. Elas fazem referências às corridas nas quais Senna venceu o se destacou de alguma forma – e todas vêm acompanhadas de um pequeno texto contando a história daquele desafio. As missões em cada uma delas também têm algum significado: coletar todas as moedas, fazer uma largada perfeita ou mesmo não reabastecer ao longo da corrida.

Vale lembrar que o game não é licenciado pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo), o que significa que os traçados dos circuitos e os nomes das equipes não são fiéis aos originais. Entretanto, isso tem pouco importância, já que a pintura dos carros é inconfundível e os traçados “inspirados” na realidade se mostram ainda mais desafiadores.

Publicidade

Já o modo Campeonato Mundial é subdividido em três níveis de dificuldade (Estreante, Desafiante e Lenda) – é preciso vencer cada um deles para abrir o seguinte, com mais pistas e com traçados de maior nível de desafio. Sem tentar completar absolutamente tudo, é diversão garantida por pelos menos umas cinco horas – tempo suficiente para você passear pela história do piloto e sentir o gostinho de como era acompanhar a F1 nos anos 80 e 90.

Você dentro do carro: homenagem a Super Monaco GP 2

Ayrton Senna’s Super Monaco GP 2, lançado em 1992 para Mega Drive, é sem sombra de dúvidas um dos melhores jogos da geração 16-bits – e talvez um dos mais divertidos do gênero nos anos 90. Diferentemente de Top Gear, aqui tínhamos a visão de dentro do carro do piloto. ´

Essa perspectiva também foi adicionada à DLC Senna Sempre e o resultado é praticamente um jogo completamente diferente. Poder optar entre a câmera tradicional estilo Top Gear e o ponto de vista de Monaco GP 2 é, sem dúvida, uma grande sacada e agrega muito valor ao game. Quem jogou essas versões anteriores, disponíveis para Super Nintendo e Mega Drive, respectivamente, certamente vai se divertir ainda mais graças às inúmeras referências.

A melhor estratégia é a diversão

Não há paradas nos boxes e as corridas são curtas: 3 a 5 voltas, no máximo. Porém, isso não significa que basta entrar na pista e correr sem se preocupar com nenhuma estratégia. Antes de cada corrida é possível escolher o estilo de pilotagem – se mais agressivo, por exemplo, há maior consumo de combustível; se mais equilibrado há menos desgaste, mas as velocidades em reta são menores. Ao longo da pista você encontrará pontos de combustível para coletar – e não se atentar a isso pode significar o fim da corrida mais cedo.

Publicidade

Apesar desses elementos, tenha em mente que o foco aqui não é a simulação, mas sim o estilo de jogo arcade consagrado nos anos 90. Como fã do antigo Top Gear – que é sempre meu primeiro download em qualquer emulador de SNES – e fã de jogos de corrida em geral, a DLC Senna Sempre não poderia ser uma surpresa melhor.

Acessível e com ação social

Se você já possui o game Horizon Chase Turbo em qualquer uma das suas inúmeras versões – PC, PS4, Xbox, Switch, Android e iOS – tudo o que precisa fazer é adquirir a DLC, que custa cerca de R$ 30. Para quem ainda não possui o game, uma boa pedida é a versão em mídia física para PS4 – que foi a utilizada para essa análise – que custa entre R$ 70 e R$ 100 nas lojas online. Acredite, essa edição no futuro ainda vai virar peça de colecionador.

Mais: parte da renda arrecadada com a venda do jogo será destinada para o Instituto Ayrton Senna, que atua em diversas áreas em benefício da educação de crianças e jovens.

Quer uma dica? Horizon Chase Turbo: Senna Sempre é pura diversão e vale cada centavo investido, independentemente da plataforma em que você escolher jogar.

PRÓS
CONTRAS
Publicidade
Assuntos
Análises Android Nintendo PC Games Playstation Xbox
Tags
CLIQUE PARA COMENTÁRIOS

CONTEÚDOS RELACIONADOS

WWE 2K22 chega em 11 de março; versão nWo 4-Life Edition custará quase R$ 650

Assassin’s Creed teria viagens espaciais em seu final original

Qualidade da emulação de N64 no Switch parece ter melhorado com nova atualização

Sony diz que continuidade da produção do PS4 não está relacionada a falta de unidades do PS5

Blizzard divulga plano para reconstruir a confiança de seus funcionários

Publicidade